Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Enxaqueca

A enxaqueca caracteriza-se por uma dor que atinge somente um lado da cabeça, que pulsa constantemente com intensidade moderada e que tem uma duração média de 3 horas, podendo chegar até 72 horas em casos mais graves.

A doença tem início, geralmente, entre 20 e 40 anos e acontece três vezes mais mulheres do que homens.

Enxaqueca tem cura

A cura pode ser alcançada quando a sua causa é eliminada. Algumas medidas que podem ser utilizadas para o tratamento da enxaqueca são:

  • Tomar os medicamentos receitados pelo médico quando as dores de cabeça começarem a surgir;
  • Evitar o consumo de alimentos que podem desencadear esta dor de cabeça, como chocolate e bebidas alcoólicas;
  • Evitar permanecer em locais muito barulhentos que podem desencadear crises, como as discotecas, por exemplo;
  • Tomar o suplemento de óleo de onagra sob orientação do médico ou nutricionista para evitar a dor de cabeça comum durante a menstruação devido às alterações hormonais.

Uma boa dica para tentar identificar a causa desta dor de cabeça é escrever num diário anotações simples sobre o que comeu, a que horas comeu e se estava com pressa ou relaxada e depois fazer a correlação destas situações com o surgimento de uma crise de enxaqueca.

Sintomas da enxaqueca

Os sintomas geralmente incluem:

  • Dor de cabeça que afeta somente uma parte da cabeça, de forma forte e latejante;
  • Náuseas;
  • Vômitos;
  • Sensibilidade à luz e ao ruído;
  • Aumento da intensidade da dor de cabeça durante a execução de atividades rotineiras, como agachar ou subir e descer escadas.

Conheça todos os sintomas da enxaqueca em Como Reconhecer se é Sintoma de Enxaqueca

O diagnóstico pode ser feito pelo médico neurologista após avaliar os sintomas, no entanto, ele poderá solicitar exames para verificar a possibilidade de outras doenças neurológicas.

Tratamento para enxaqueca

O tratamento pode ser feito com a ingestão de remédios para enxaqueca receitados pelo neurologista. Para que o tratamento seja eficiente é importante tomar a medicação sob indicação médica ao primeiro sinal de dor, para evitar a sua progressão.

Algumas medidas simples que podem ajudar a evitar as crises e que em alguns casos podem representar a cura para alguns pacientes são:

  • Adotar uma alimentação saudável evitando todo tipo de produto industrializado;
  • Só tomar os medicamentos receitados pelo médico, evitando até mesmo aqueles que podem ser comprados sem receita, como os analgésicos;
  • Praticar exercícios físicos regularmente.

A suplementação de ácido fólico e de vitaminas do complexo B pode ser útil para evitar as crises de enxaqueca.

Veja também:

Mais sobre este assunto:
Carregando
...