Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

5 lesões esportivas mais comuns e o que fazer

Atuar rapidamente após uma lesão esportiva não só é importante para aliviar a dor e o sofrimento, como também ajuda a evitar que surjam complicações a longo prazo, além de acelerar a recuperação do atleta.

Assim, saber quais os acidentes mais comuns no esporte e o que fazer em cada cenário é muito importante para qualquer pessoa que pratique ou esteja constantemente em contato com alguém que faz esportes.

As atividades que apresentam maior risco de causar uma lesão esportiva são as de maior impacto, como futebol, handbol ou rugby.

1. Entorse

5 lesões esportivas mais comuns e o que fazer

A entorse acontece quando se coloca o pé de forma errada e, por isso, é relativamente comum quando se está correndo, por exemplo. Durante a entorse, o que acontece é que o tornozelo torce de forma exagerada, fazendo com que os ligamentos da região estiquem em excesso, podendo acabar por romper.

Este tipo de lesão causa uma dor muito forte no local, leva ao desenvolvimento de um inchaço excessivo do tornozelo e, dessa forma, a pessoa pode ficar com dificuldade para caminhar. Normalmente, estes sintomas melhoram em poucos dias, mas se permanecerem ou se piorarem, é recomendado ir ao hospital.

O que fazer: a primeira coisa que se deve fazer é aplicar uma compressa fria sobre o local, para tentar controlar o inchaço e reduzir a dor. O frio deve ser aplicado várias vezes nas primeiras 48 horas, por 15 a 20 minutos. Além disso, deve-se ainda imobilizar o pé com uma ligadura elástica e manter o repouso até que os sintomas melhorem, idealmente com o pé elevado. Veja mais detalhes sobre como tratar a entorse em casa.

2. Distensão muscular

5 lesões esportivas mais comuns e o que fazer

A distensão muscular, ou estiramento, surge quando o músculo é esticado em excesso, causando o rompimento de algumas fibras musculares, especialmente no local de união entre o músculo e o tendão. Além disso, a distensão é mais comum em pessoas que estão em preparação para um campeonato ou partida importante, já ocorre especialmente durante ou após grandes esforços físicos.

O estiramento também pode acontecer em pessoas mais velhas ou em pessoas que tem movimentos repetitivos e geralmente sofrem com a tendinite.

O que fazer: aplicar gelo no local da dor por 15 a 20 minutos, a cada duas horas, durantes os primeiros 2 dias. Além disso, o membro deve ser imobilizado e elevado acima do nível do coração. Veja mais sobre o tratamento da distensão muscular.

3. Torção do joelho

5 lesões esportivas mais comuns e o que fazer

A torção do joelho é outra das lesões esportivas mais frequentes, que acontece devido a uma pancada no joelho ou a qualquer movimento mais brusco que cause um alongamento excessivo dos ligamentos do joelho.

Nestes casos, os sintomas incluem dor intensa no joelho, inchaço e dificuldade para dobrar o joelho ou apoiar o peso do corpo na perna. Além disso, se a pancada for muito forte, pode até ocorrer o rompimento dos ligamentos, o que pode provocar um pequeno estalo no joelho.

O que fazer: é muito importante evitar colocar peso sobre o joelho afetado e, por isso, a pessoa deve ficar de repouso com a perna elevada. Além disso, a aplicação de compressas geladas também é muito importante, devendo ser aplicadas por até 20 minutos a cada 2 horas durante as primeiras 48 horas. Nos casos de dor muito intensa é importante consultar o médico, para avaliar se existe rompimento dos ligamentos e iniciar o tratamento adequado, que pode ser feito apenas com analgésicos ou precisar até de cirurgia.

Entenda melhor porque acontece a torção do joelho e quais os tratamentos que podem ser necessários.

4. Luxação

5 lesões esportivas mais comuns e o que fazer

A luxação acontece quando um osso se desloca para fora da articulação, devido a uma pancada forte ou queda, causando dor forte na articulação, inchaço e dificuldade para movimentar o membro afetado. As luxações são mais frequentes nas crianças e podem acontecer em qualquer local, especialmente no ombro, cotovelo, dedo, joelho, tornozelo e pé.

O que fazer: o primeiro passo consistem em tentar imobilizar o membro numa posição confortável. Para isso, pode ser utilizada uma tipóis, por exemplo, evitando que a articulação se mexa. De seguida, deve-se aplicar gelo sobre o local da articulação para evitar o inchaço e chamar uma ambulância, ligando para o 192, ou indo ao hospital, para que o osso seja recolocado na sua posição original.

Em nenhum caso se deve tentar colocar o osso na articulação sem a presença de um profissional de saúde, já que pode causar lesões nos tendões. Veja mais detalhes sobre a luxação e o que fazer.

5. Fratura

5 lesões esportivas mais comuns e o que fazer

A fratura acontece quando existe uma descontinuidade na superfície de um osso. Embora a maior parte das fraturas sejam fáceis de identificar, já que é comum que exista dor acompanhada de inchaço e deformação do membro afetado, algumas, conhecidas como incompletas, são mais difíceis de perceber e podem causar apenas dor sobre um local do osso.

Confira como identificar corretamente os sinais e sintomas de fratura.

O que fazer: sempre que existir suspeita de uma fratura é muito importante imobilizar o membro afetado e ir ao hospital para fazer um raio X e iniciar o tratamento adequado, que quase sempre inclui ficar com o membro engessado.

Quando ir ao médico

Após qualquer tipo de lesão esportiva é muito importante consultar um médico, especialmente se os sintomas não melhorarem após 48 horas ou se existir algum tipo de limitação ou incapacidade. Dessa forma, o médico poderá fazer uma avaliação física pormenorizada, pedir exames como o raio X e iniciar o tratamento adequado, se necessário.

Além disso, mesmo que não seja preciso um tratamento específico, o médico também poderá receitar o uso de anti-inflamatórios ou analgésicos, para aliviar os sintomas e acelerar a recuperação.


Bibliografia

  • MOTTA, Geraldo; BARROS, Tarcísio. Ortopedia e traumatologia. Elsevier, 2018.
  • HARVARD HEALTH PUBLISHING. Treating sports injuries. Link: <www.health.harvard.edu>. Acesso em 16 Out 2019
  • WEBMD. The Seven Most Common Sports Injuries. Link: <www.webmd.com>. Acesso em 16 Out 2019
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem