5 formas naturais para tratar formigamento no corpo

Revisão clínica: Marcelle Pinheiro
Fisioterapeuta

Para tratar naturalmente o formigamento é recomendado adotar estratégias que melhorem a circulação sanguínea, além de ter uma alimentação saudável, pois isso ajuda a controlar algumas doenças crônicas, como a diabetes, que podem estar na origem do formigamento e da sensação de agulhadas em certas partes do corpo. 

De qualquer forma, é importante descobrir a causa do formigamento, especialmente quando é muito frequente ou não melhora. Uma das causas mais comuns de formigamento é a má circulação sanguínea e a pressão direta sobre o nervo do braço ou perna, mas existem outras causas mais graves como diabetes, esclerose múltipla ou hérnia de disco. Veja outras causas do formigamento no corpo.

As opções naturais que indicamos a seguir são excelentes para combater o formigamento ligeiro e passageiro, causando pela má circulação sanguínea ou compressão do nervo. São elas: 

1. Exercícios

Praticar atividade física regularmente, como caminhada, corrida, musculação ou hidroginástica, ajuda no combate ao formigamento porque melhora a circulação sanguínea. É necessário ter 30 minutos diários de atividade física de média intensidade ou 3 horas semanais para alcançar este benefício, o tipo de atividade não é o mais importante, mas deve-se praticar exercícios aeróbicos, como corrida ou bicicleta, e também exercícios de fortalecimento muscular.

2. Alongamentos

Os exercícios de alongamento devem ser realizados sempre após a prática de atividade física, mas também podem ser realizados diariamente ao acordar, ou antes de ir se deitar. Eles aumentam a flexibilidade corporal, aliviando a tensão nos nervos periféricos, e também reduzem o estresse e a ansiedade, melhorando a qualidade de vida. Veja 8 alongamentos simples para fazer no trabalho.

3. Massagem

Massagear o membro dormente ou que está formigando, com um creme ou gel que promova o aquecimento da área, é uma boa forma de eliminar rapidamente esse desconforto. As pomadas que contém capsaicina ou mentol são indicadas por serem fáceis de encontrar nas farmácias e não precisam de receita médica para serem adquiridas. Esfregar rapidamente a região é a técnica mais indicada para alívio da neuropatia periférica. 

4. Alimentação

Os alimentos mais indicados são aqueles que melhoram a circulação sanguínea e que combatem a retenção de líquidos. Bons exemplos são as frutas cítricas, como laranja, kiwi, abacaxi, beterraba, limão e iogurte. Os alimentos anti-oxidantes e anti-inflamatórios também são indicados, como castanhas, salmão, alho e cebola. Quando o formigamento é causado pela falta de vitaminas é recomendado o consumo de vitaminas A, B e D. 

Algumas plantas podem ser utilizadas para melhorar a circulação do sangue e prevenir os sintomas de cãibras e formigamento, como carqueja e dente-de-leão, que podem ser usadas em forma de chá, e também a pimenta caiena, que pode ser usada como tempero das carnes, por exemplo. Além disso, também recomenda-se evitar o consumo de sal em excesso e o consumo exagerado de bebidas alcoólicas. 

5. Acupuntura 

A acupuntura reequilibra as energias e melhora a circulação sanguínea da região tratada, e por isso também pode ser indicada para combater o formigamento. Como esse tipo de terapia alternativa também é capaz de combater a dor, quando esta encontra-se presente, pode ser uma solução. 

Quando ir ao médico

Na maior parte das vezes o formigamento não é grave, nem representa nenhum problema de saúde urgente, sendo aliviado com as estratégias acima. No entanto, como a neuropatia periférica, que é o nome científico do formigamento no corpo, possui diversas causas se este sintoma for frequente é recomendado ir ao médico clínico geral para investigar suas causas e iniciar o tratamento adequado. 

Esta informação foi útil?

Atualizado por Manuel Reis - Enfermeiro, em novembro de 2020. Revisão clínica por Marcelle Pinheiro - Fisioterapeuta, em novembro de 2020.

Bibliografia

  • THE FOUNDATION FOR PERIPHERAL NEUROPATHY. Peripheral Neuropathy Pain Management & Treatments. Disponível em: <https://www.foundationforpn.org/what-is-peripheral-neuropathy/treatments/>. Acesso em 11 abr 2019
  • NHS. Treatment - Peripheral neuropathy. 2019. Disponível em: <https://www.nhs.uk/conditions/peripheral-neuropathy/treatment/>. Acesso em 11 abr 2019
Revisão clínica:
Marcelle Pinheiro
Fisioterapeuta
Formada em Fisioterapia pela UNESA em 2006 com registro profissional no CREFITO- 2 nº. 170751 - F e especialista em dermatofuncional.