Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Remédios para dor na coluna lombar

Alguns dos medicamentos que estão indicados para o tratamento da dor na região lombar da coluna são os analgésicos, anti-inflamatórios ou relaxantes musculares, por exemplo, que podem ser administrados em comprimido, pomada, emplastro ou injeção.

A dor lombar, também conhecida por lombalgia, é caracterizada por provocar dor com ou sem rigidez entre a região final das costelas e glúteos. A dor pode ser aguda, quando os sintomas aparecem subitamente, mas duram poucos dias, ou crônica, quando os sintomas permanecem por semanas ou meses.

Remédios para dor na coluna lombar

O tratamento medicamentoso que ajuda a curar a dor lombar, inclui:

1. Analgésicos

Analgésicos como o paracetamol (Tylenol) ou a dipirona (Novalgina), são remédios que podem ser usados para aliviar a dor lombar ligeira a moderada. O médico pode receitar estes analgésicos isolados ou associados a outros medicamentos, como relaxantes musculares ou opioides, por exemplo.

2. Anti-inflamatórios não esteroides

Em alternativa aos analgésicos, o médico pode recomendar anti-inflamatórios não esteroides, como ibuprofeno (Alivium, Advil), diclofenaco (Cataflam, Voltaren) ou naproxeno (Flanax), que podem ajudar a aliviar a dor lombar aguda.

3. Relaxantes musculares

Os relaxantes musculares como a ciclobenzaprina (Miosan, Miorex) podem ser associados a um analgésico para aumentar a eficácia do tratamento. O carisoprodol é um relaxante muscular que já é comercializado em associação ao paracetamol e/ou a diclofenaco, de que são exemplo o Tandriflan, Torsilax ou Mioflex, por exemplo, sendo suficiente para o alívio da dor.

4. Opióides

Os opioides como o tramadol (Tramal) ou a codeína (Codein), por exemplo, só devem ser usados em situações agudas, por um curto período de tempo, apenas se forem prescritos pelo médico. Existem também algumas marcas que comercializam estas substâncias ativas associadas ao paracetamol, como é o caso do Codex, com codeína, ou do Paratram, com tramadol.

Os opioides não estão indicados para o tratamento da lombalgia crônica.

5. Antidepressivos

Em alguns casos, o médico pode receitar certos tipos de antidepressivos, em baixas doses, como a amitriptilina, por exemplo, que ajudam a aliviar certos tipos de dor lombar crônica.

6. Emplastros e pomadas

Os emplastros e as pomadas com ação analgésica e anti-inflamatória, como o Salonpas, Calminex, Cataflam ou Voltaren gel, também podem ajudar a aliviar a dor, no entanto, não têm a mesma eficácia que os medicamentos de ação sistêmica, por isso, são uma boa opção em casos de dor ligeira ou como complemento ao tratamento de ação sistêmica.

7. Injeções

Quando a dor nas costas é muito intensa e há sinais de compressão do nervo ciático como dor e queimação, impossibilidade de ficar sentado ou andar, quando parece que a coluna está travada, o médico pode receitar anti-inflamatórios e relaxantes musculares em forma de injeções.

Além disso, em alguns casos, como quando o tratamento não é suficientemente eficaz para reduzir a dor ou quando a dor irradia pela perna, o médico pode recomendar a administração de uma injeção de cortisona, que ajudará a reduzir a inflamação.

Outras formas de curar a dor lombar

Alguns métodos alternativos ou que podem ser associados ao tratamento farmacológico para tratamento da dor lombar são:

  • Fisioterapia, que deve ser individualizada para cada pessoa, sendo necessária uma avaliação pessoal, para que sejam encontradas as alterações que podem ser corrigidas. Veja como é feita a fisioterapia para lombalgia;
  • Compressas quentes na região dolorida ou sessões de eletroterapia, que aquecem a região, e podem ser úteis para desinflamar a área e eliminar a dor;
  • Exercícios de correção postural, quepodem ser introduzidos após alívio da dor, para prevenir crises de sintomas e fortalecer a musculatura da coluna. O Pilates Clínico e o RPG são muito indicados, pois trazem alívio dos sintomas em poucas semanas, embora o tratamento completo possa demorar cerca de 6 meses a 1 ano;
  • Alongamentos da coluna, que ajudam a aliviar a dor e aumentar a amplitude dos movimentos. Aprenda alguns exercícios de alongamento para aliviar a dor na coluna

Por vezes, quando a pessoa sofre de hérnia de disco ou espondilolistese, o ortopedista poderá indicar uma cirurgia na coluna, mas esta não exclui a necessidade de fisioterapia antes e depois do procedimento.

Aprenda mais formas de tratar a lombalgia, sem precisar de remédios.


Bibliografia

  • Brazil AV et. al.. Diagnóstico e Tratamento das Lombalgias e Lombociatalgias. Rev Bras Reumato. 44. 6; 419-425, 2004
Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem