Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Sal de Epsom: Para que serve e Como usar

O Sal de Epsom é um composto mineral constituído por magnésio e sulfato, que pode ser adicionado ao banho, ingerido ou diluído em água para relaxar o organismo.

Assim, o sal de Epsom ajuda a regular os níveis de magnésio no corpo, levando à produção de serotonina, que é um hormônio que acalma e ajuda a relaxar.

Além disso, níveis regulares de magnésio ajudam a prevenir problemas cardíacos, AVC's, osteoporose, artrite, problemas digestivos e fadiga crônica.

Sal de Epsom: Para que serve e Como usar

Para que serve o Sal de Epsom

​O sal de Epsom serve para reduzir inflamações, facilitar a função muscular, estimular a resposta nervosa, eliminar as toxinas e aumentar a capacidade de absorção de nutrientes.

Os benefícios do sal de Epsom podem ser usados no tratamento de estresse, problemas de pele, dores musculares, resfriados, gripe, dor articular, enxaqueca e pressão alta.

Onde comprar o Sal de Epsom

O sal de Epsom pode ser comprado em drogarias, farmácias, lojas de produtos naturais e farmácias de manipulação pelo preço médio de 30 reais.

Como usar Sal de Epsom

​Para tomar o sal de Epsom deve-se:

  • Pé-de-atleta: colocar os pés dentro de um recipiente com água quente e 1 xícara de sais de Epsom;
  • Hematomas, estresse e dores musculares: tomar um banho de banheira quente com 2 xícaras de sais de Epsom;
  • Dor articular: adicionar 2 colheres (de sopa) de sal de Epsom em uma xícara de água fervente, molhar uma compressa na mistura e aplicar sobre a região afetada;

Outra forma de usar o sal de Epsom é fazer um esfoliante caseiro com 2 colheres (de chá) de sal de Epsom e creme hidratante.

Propriedades do Sal de Epsom

As propriedades do sal de Epsom incluem sua ação analgésica, relaxante, calmante e anti-inflamatória.

Bibliografia >

  • COZZOLINO Silvia. Biodisponibilidade de nutrientes. 4º. Brasil: Manole Ltda, 2012. 629-641.
  • GROBER Uwe; WENER Tanja et al. Myth or Reality—Transdermal Magnesium?. Nutrients. 9. 8; 1-8, 2017
  • CILIA Abad. SULFATO DE MAGNESIO: ¿UNA PANACEA?. INCI. 30. 9; 36-50, 2005
  • WIENECKE Elmar; NOLDEN Claudia. [Long-term HRV analysis shows stress reduction by magnesium intake]. MMW Fortschr Med. 158. 6; 12-16, 2016
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem