Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é Menarca Precoce, idade e consequências

A menarca corresponde à primeira menstruação da menina, que normalmente ocorre na adolescência, entre os 9 e 15 anos de idade, mas que pode variar de acordo com o estilo de vida, fatores hormonais, presença de obesidade e histórico de menstruação das mulheres da mesma família. Ela é classificada como sendo:

  • Menarca precoce: quando surge antes dos 8 anos,
  • Menarca tardia: quando surge após os 14 anos.

Mais de metade das meninas brasileiras tem sua primeira menstruação até os 13 anos de idade, e aos 14 anos mais de 90% das meninas já menstruam. No entanto, quando a menina menstrua antes dos 8 anos os pais devem levar a menina ao pediatra para investigar o que está acontecendo, porque podem haver doenças envolvidas.

O que é Menarca Precoce, idade e consequências

Sinais e sintomas da menarca precoce

Os primeiros sinais e sintomas da menarca precoce são o surgimento, antes dos 8 anos, de:

  • Sangramento vaginal;
  • Leve inchaço corporal;
  • Pêlos pubianos;
  • Aumento das mamas;
  • Aumento dos quadris;
  • Dor na região abdominal e
  • Sinais psicológicos, como tristeza, irritação ou aumento da sensibilidade.

A menina pode perceber também a saída de secreção esbranquiçada ou amarelada da vagina algumas meses antes da menarca.

Causas da menarca precoce

A primeira menstruação tem vindo cada vez mais cedo. Antes da década de 70 a primeira menstruação vinha entre os 16-17 anos, mas ultimamente a meninas apresentam menstruação muito mais cedo, à partir dos 9 anos de idade em diversos países, e as causas nem sempre são claras. Algumas possíveis causas da 1ª menstruação muito cedo são:

  • Sem causa definida (80% dos casos);
  • Obesidade infantil leve à moderada;
  • Existe a suspeita da exposição ao plástico contendo bisfenol A desde o nascimento;
  • Lesões do sistema nervoso central, como meningite, encefalite, cisto cerebral ou paralisia, por exemplo;
  • Após radiação no sistema nervoso central;
  • Síndrome de McCune-Albright;
  • Lesões ovarianas como cistos foliculares ou neoplasia;
  • Tumores da supra-renal produtores de estrogênio;
  • Hipotireoidismo primário grave.

Além disso, quando a menina é exposta a hormônios estrogênios desde cedo, pode-se aumentar as chances da menarca precoce. Algumas situações em que a menina pode ser exposta a estrogênios incluem a toma da pílula anticoncepcional pela mãe durante a gravidez e/ou amamentação, e o uso da pomada para separação de pequenos lábios, em caso de fimose feminina, por exemplo.

Exames necessários

Quando a menina apresenta a primeira menstruação antes dos 8 anos de idade o pediatra pode desconfiar de alguma alteração em sua saúde, e por isso normalmente avalia o corpo da menina observando o crescimento das mamas, de pelos nas axilas e virilha, e pode solicitar exames como LH, estrogênio, TSH e T4, idade óssea, ultrassom pélvico e das suprarrenais. Quando a primeira menstruação vem antes dos 6 anos de idade, pode-se ainda solicitar exames como ressonância magnética do sistema nervoso central para verificar alterações graves que podem estar causando a menstruação tão cedo.

Tratamento para menarca precoce

As principais consequências da menarca precoce são transtornos psicológicos e de comportamento; maior risco de abuso sexual; baixa estatura quando adulta; maior risco de obesidade, hipertensão, diabetes tipo 2, doenças cardiovasculares, acidente vascular cerebral e certos tipos de câncer, como o câncer de mama, devido à exposição precoce ao hormônio estrogênio.

Assim, o pediatra pode sugerir que os pais realizem o tratamento, atrasando a menarca da menina até os 12 anos, usando injeções mensais ou trimestrais de um hormônio que faz a puberdade regredir. Quando a primeira menstruação vem cedo demais e é causada por alguma doença, esta deve ser tratada, e a menstruação desaparece, voltando a seguir quando o tratamento é interrompido.


Bibliografia

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem