Massagem com pedras quentes: 12 benefícios e como fazer

Revisão clínica: Marcelle Pinheiro
Fisioterapeuta
julho 2022

A massagem com pedras quentes é uma massagem terapêutica, utilizada como terapia complementar para auxiliar no tratamento de diversas condições de saúde, pois possui muitos benefícios, como diminuir o estresse, a ansiedade, melhorar a qualidade do sono ou aliviar a tensão muscular e a dor nas costas, por exemplo.

Este tipo de terapia é feita pelo fisioterapeuta ou outro profissional de saúde capacitado e especialista nesse tipo de procedimento, combinando a massagem com a utilização de pedras de basalto aquecidas, que é um tipo de pedra vulcânica, sendo colocada sobre pontos específicos da pele em diferentes partes do corpo, como costas, peito, barriga, rosto, pés ou mãos, por exemplo.

A massagem com pedras quentes é considerada uma forma de tratamento alternativo ou complementar, que pode ser feita para auxiliar no tratamento de algumas condições de saúde, e não deve substituir o tratamento com remédios receitados pelo médico.

Principais benefícios

Os principais benefícios da massagem com pedras quentes são:

1. Melhora a circulação sanguínea

A massagem com pedras quentes ajuda a melhorar a circulação sanguínea, pois o calor da pedra é transferido para a pele, resultando em dilatação dos vasos sanguíneos e aumento do fluxo de sangue na região da pele em que foi aplicada, o que ajuda a relaxar e a aliviar dores.

Além disso, os movimentos da massagem aplicadas com as mãos pelo terapeuta antes de colocar as pedras sobre a pele, também estimulam a circulação sanguínea, melhorando o funcionamento do sistema cardiovascular.

2. Alivia a dor muscular

Por melhorar o fluxo sanguíneo na região em que a pedra aquecida foi colocada, a massagem com pedras quentes ajuda a diminuir a inflamação no músculo, a relaxar a musculatura e aliviar os espasmos, a dor e a tensão muscular.

Assim, a massagem com pedras quentes pode ajudar a aliviar a dor nas costas ou dor nas articulações, como no caso da osteoartrite, por exemplo.

3. Ajuda a reduzir o estresse

Alguns estudos científicos [1,2] mostram que as terapias com massagens, incluindo a massagem com pedras quentes, ajudam a reduzir o estresse e a ansiedade, por promover o relaxamento do corpo e reduzir a tensão muscular.

Além disso, a massagem com pedras quentes diminui a liberação de cortisol pelo corpo, que é um hormônio que quando tem os níveis altos no organismo, pode levar ao estresse, causando um estado constante de alerta.

4. Melhora a qualidade do sono

A massagem com pedras quentes ajuda a melhorar a qualidade do sono e combater a insônia, pois ajuda a relaxar o corpo, facilitando adormecer mais rápido e ter um sono mais profundo e restaurador.

Um estudo feito com mulheres na pós-menopausa [3], mostrou que receber massagens foi benéfico para melhorar a insônia, que é um sintoma comum nessa fase da vida da mulher. Veja outros sintomas da menopausa e como aliviar.

5. Promove o relaxamento intenso

A massagem com pedras quentes promove um relaxamento intenso do corpo, pois o calor alcança as fibras mais profundas da musculatura na região em que foi colocado, permitindo que o terapeuta consiga realizar a massagem de uma forma mais profunda e sem realizar muita pressão.

6. Auxilia no tratamento da depressão

A massagem com pedras quentes também pode auxiliar no tratamento da depressão, pois ajuda a liberar endorfinas e serotonina, que são hormônios que atuam no cérebro regulando a ansiedade, aumentando a felicidade e melhorando o humor.

7. Alivia a dor de cabeça

A massagem com pedras quentes ajuda a relaxar a musculatura e reduzir a tensão, o que pode ajudar a aliviar a dor de cabeça tensional ou a enxaqueca.

Além disso, a massagem aumenta a liberação de endorfinas no corpo, que possui uma ação analgésica natural, semelhante aos remédios opioides como a morfina, o que ajuda a reduzir a dor de cabeça.

8. Promove a drenagem linfática

A massagem com pedras quentes pode ajudar a promover a drenagem linfática, pois o calor das pedras, pode aumentar a transpiração, e eliminação de toxinas do corpo.

9. Aumenta a sensação de bem-estar

A massagem com pedras quentes ajuda a promover a liberação de endorfinas pelo corpo que são substâncias que dão sensação de bem-estar.

10. Auxilia no tratamento da fibromialgia

A massagem com pedras quentes pode auxiliar no tratamento da fibromialgia, que é uma doença que causa dor crônica generalizada no corpo.

Isto porque um estudo [4] mostrou que massagem com pedras quentes pode reduzir a quantidade de substância P no corpo, que está relacionada a transmissão dos sinais de dor, resultando em melhor qualidade do sono e menos pontos de gatilho da dor.

11. Fortalece o sistema imunológico

A massagem com pedras quentes pode ajudar a fortalecer o sistema imunológico, pois aumenta a liberação de endorfinas no corpo e a reduzir o estresse emocional. Isto porque em situações de estresse crônico ou depressão, o sistema imunológico pode ficar enfraquecido, diminuindo sua capacidade de combater microorganismos e aumentando o risco de doenças.

12. Melhora a concentração

A massagem com pedras quentes, por promover uma melhor qualidade do sono e combater a insônia, também a ajuda a aumentar os níveis de energia durante o dia, a concentração e o foco.

Além disso, por estimular a liberação de endorfinas no corpo, a massagem com pedras quentes, ajuda a melhorar a memória e a atenção, pois quando é liberada aumenta a sensação de bem estar, o que facilita a atenção aos estímulos externos, além permitir que estímulos externos sejam percebidos de forma mais clara.

Como fazer a massagem com pedras quentes

A massagem com pedras quentes pode ser feita em casa, devendo-se estar em um ambiente tranquilo, e deitar em uma cama ou no chão. Além disso, pode-se acender velas ou colocar uma música com sons da natureza, pois podem ajudar a aumentar o relaxamento.

Para fazer a massagem com pedras quentes deve-se:

  1. Colocar 5 ou 6 pedras de basalto lisas dentro de uma panela com água;
  2. Ferver a água com as pedras e depois deixar repousar até que a temperatura seja de 40ºC a 50ºC, devendo-se medir a temperatura da água com um termômetro;
  3. Colocar uma pedra na mão para verificar a temperatura da pedra;
  4. Fazer uma massagem com óleo de amêndoas doces;
  5. Cobrir a região da pele que será colocada a pedra, com uma toalha ou flanela limpa e seca, para evitar o contato direto da pedra quente com a pele, pois pode causar queimaduras;
  6. Colocar as pedras nos pontos-chave de acupressão, como nas costas, braço, clavícula, pés, mãos ou cabeça, por exemplo, durante 10 minutos;
  7. Fazer uma massagem leve com as pedras sobre o local onde foram colocadas.

Embora a massagem com pedras quentes possa ser feita em casa, deve, sempre que possível, ser feita por um profissional treinado para garantir melhores resultados e evitar complicações como queimadura na pele, por exemplo.

Possíveis riscos

A massagem com pedras quentes podem ter alguns riscos, podendo surgir alguns efeitos colaterais após a massagem, como queimaduras na pele, hematomas, dor, desconforto ou aumento da sensibilidade ao calor, ou infecções na pele.

Quem não deve fazer

A massagem com pedras quentes não deve ser feita nos seguintes casos:

  • Gravidez;
  • Asma ou bronquite;
  • Cistite aguda;
  • Infecções agudas;
  • Feridas ou inflamações na pele;
  • Doenças de pele, como eczema ou rash cutâneo;
  • Hérnia abdominal;
  • Fraturas ósseas recentes ou osteoporose;
  • Cirurgias recentes, com menos de 6 semanas;
  • Uso de remédios anticoagulantes;
  • Problemas de coagulação sanguínea;
  • Sangramentos ou hemorragias;
  • Queimadura na pele;
  • Diabetes.

Além disso, pessoas em tratamento do câncer, com quimioterapia ou radioterapia, também não devem fazer a massagem com pedras quentes.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Flávia Costa - Farmacêutica, em julho de 2022. Revisão clínica por Marcelle Pinheiro - Fisioterapeuta, em julho de 2022.

Bibliografia

  • DREYER, N. E.; et al. Effect of massage therapy on pain, anxiety, relaxation, and tension after colorectal surgery: A randomized study. Complement Ther Clin Pract. 21. 3; 154-9, 2015
  • OLIVEIRA, D. S.; et al. Effect of therapeutic massage on insomnia and climacteric symptoms in postmenopausal women. Climacteric. 15. 1; 21-9, 2012
Mostrar bibliografia completa
  • TIFFANY, F.; et al. Fibromyalgia Pain and Substance P Decrease and Sleep Improves After Massage Therapy. Journal of Clinical Rheumatology. 8. 2; 72-76, 2002
  • SCHIFF, A. Literature review of back massage and similar techniques to promote sleep in elderly people. Pflege. 19. 3; 163-73, 2006
  • RAMOVA, E. P. Volcanic Stone Massage and its Benefits. South Asian Research Journal of Applied Medical Sciences. 3. 5; 1-3, 2021
  • FIELD, T. Massage therapy research review. Complement Ther Clin Pract. 20. 4; 224-9, 2014
  • FUAD, N. F. N. Y.; et al. Complementary alternative medicine use among postpartum mothers in a primary care setting: a cross-sectional study in Malaysia. BMC Complement Med Ther. 20. 1; 197, 2020
  • GHAVAMI, H.; et al. Impact of hot stone massage therapy on sleep quality in patients on maintenance hemodialysis: A randomized controlled trial.. J Res Med Sci. 24. 71, 2019
Revisão clínica:
Marcelle Pinheiro
Fisioterapeuta
Formada em Fisioterapia pela UNESA em 2006 com registro profissional no CREFITO- 2 nº. 170751 - F e especialista em dermatofuncional.

Tuasaude no Youtube

  • Parar a Dor de Cabeça Sem Remédios

    01:48 | 871756 visualizações
  • Massagem para Aliviar a Dor e Relaxar

    03:02 | 228993 visualizações