Ciclopirox olamina: o que é, para que serve e como usar

Revisão clínica: Flávia Costa
Farmacêutica
julho 2022
  1. Para que serve
  2. Como usar e posologia
  3. Efeitos colaterais
  4. Contra-indicações

A ciclopirox olamina é um antifúngico indicado para o tratamento de micoses superficiais da pele ou unha, como dermatite seborréica, Tinea pedis, Tinea corporis ou candidíase cutânea, pois age eliminando vários tipos de fungos.

Este remédio pode ser comprado em farmácias ou drogarias na forma de creme, shampoo solução tópica, gotas ou esmalte medicamentoso, com os nomes comerciais Micolamina, Celamina, Stiprox ou Stiproxal, ou na sua forma genérica sob a designação “ciclopirox olamina”.

A ciclopirox olamina deve ser usada com indicação do dermatologista, pelo tempo de tratamento estabelecido pelo médico.

Para que serve

A ciclopirox olamina é indicada para o tratamento de micoses superficiais da pele, como: 

Além disso, a ciclopirox olamina pode ser indicada para o tratamento de micose de unha causada pelo fungo Candida albicans, sendo neste caso, usada na forma de esmalte medicamentoso.

Como usar e posologia

A forma de uso da ciclopirox olamina varia de acordo com o local a tratar, sendo que o shampoo é indicado para micose no couro cabeludo, o esmalte para a micose nas unhas e o creme para tratar micose em vários locais da pele.

A dose indicada e posologia também variam de acordo com a apresentação do remédio e inclui:

1. Ciclopirox olamina esmalte 80 mg/g

A ciclopirox olamina na forma de esmalte medicamentoso deve ser na unha afetada com micose, sendo que é importante antes da aplicação cortar a parte afetada unha o máximo possível e lixar, com a lixa fornecida na embalagem, que deve ser descartada após o uso.

O esmalte de ciclopirox olamina é indicado somente para adultos e deve então ser aplicado na unha, de acordo com o seguinte esquema:

Mês do tratamento

Posologia

Primeiro mês de tratamento

Aplicar o esmalte em dias alternados, ou seja, dia sim, dia não

Segundo mês de tratamento

Aplicar o esmalte 2 vezes por semana, sendo importante ter os dias de aplicação fixos para não esquecer, como às quarta-feiras e os domingos

Terceiro até o sexto mês de tratamento

Aplicar o esmalte uma vez por semana, aos domingos

Após a aplicação do esmalte de ciclopirox olamina, deve-se deixar o esmalte secar, o que leva aproximadamente 30 segundos. É recomendado aguardar 8 horas após a aplicação para tomar banho, por isso, o ideal é passar o esmalte à noite, antes de deitar.

Durante o tratamento com o esmalte de ciclopirox olamina, deve-se remover o esmalte da unha afetada, pelo menos 1 vez na semana, como aos domingos, por exemplo, utilizando o lenço de álcool isopropílico fornecido na embalagem. Para reaplicar o esmalte, deve-se novamente cortar o máximo possível da unha afetada, lixar a unha e descartar a lixa em seguida.

O tempo de tratamento com o esmalte de unhas contendo ciclopirox olamina, deve ser orientado pelo dermatologista, e não se deve interromper seu uso sem recomendação médica.

2. Ciclopirox olamina solução tópica 10 mg/mL

A ciclopirox olamina solução tópica, gotas ou loção deve ser aplicada diretamente na região da pele afetada, podendo ser usada por adultos ou crianças com mais de 6 anos, conforme orientação médica. É recomendado lavar a pele afetada com água e sabonete neutro e secar bem antes de passar a solução tópica.

A posologia normalmente indicada para adultos é de 1 aplicação, 2 vezes por dia, massageando suavemente a pele para uma melhor absorção da solução. É importante lavar as mãos após a aplicação da solução, exceto nos casos em que a solução é usada para tratar a pele das mãos. 

O tempo de tratamento com a solução tópica da deve ser feito até o desaparecimento dos sintomas, o que geralmente leva cerca de 2 semanas, ou conforme orientação do dermatologista.

3. Ciclopirox olamina creme 10 mg/g

A ciclopirox olamina creme deve ser usada sobre a pele limpa e seca, aplicando uma fina camada sobre a região da pele afetada, 2 vezes por dia, e massagear suavemente para melhor absorção do creme. Lavar as mãos em seguida, exceto quando o creme é utilizado para tratar micose na pele da mão.

O tempo de tratamento com o creme de ciclopirox olamina geralmente é de 2 a 4 semanas ou até o desaparecimento dos sintomas, conforme orientado pelo dermatologista. 

É importante não cobrir a área da pele tratada, a menos que tenha sido orientado pelo médico, pois cobrir a pele pode aumentar a absorção do creme e aumentar o risco de efeitos colaterais.

O creme de ciclopirox olamina pode ser usado por adultos ou crianças com mais de 6 anos.

4. Ciclopirox olamina shampoo 1,5%

Para usar o shampoo de ciclopirox olamina deve-se molhar o cabelo e aplicar cerca de 5 mL do shampoo no couro cabeludo, o que equivale a 1 colher de chá do shampoo, massageando até obter espuma e deixar agir por 5 minutos. Após esse período, enxaguar o cabelo retirando o shampoo, tendo o cuidado para não deixar o shampoo ter contato com os olhos, para não causar irritação.

A ciclopirox olamina shampoo deve ser usada de 2 a 3 vezes por semana, conforme orientado pelo dermatologista.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns que podem surgir durante o tratamento com a ciclopirox olamina são irritação, sensação de queimação, coceira ou vermelhidão no local da aplicação.

Quem não deve usar

A ciclopirox olamina não deve ser usada por pessoas que tenham alergia a qualquer componente presente na fórmula.

Em crianças, mulheres grávidas ou em amamentação, a ciclopirox olamina só deve ser usada se recomendado pelo médico.

Além disso, o uso da ciclopirox olamina deve ser evitado em regiões como os olhos, boca ou narina.

Esta informação foi útil?

Atualizado e revisto clinicamente por Flávia Costa - Farmacêutica, em julho de 2022.

Bibliografia

  • EMS S.A. Ciclopirox olamina - solução tópica 10 mg/mL. Disponível em: <https://www.ems.com.br/arquivos/produtos/bulas/bula_ciclopirox_olamina_10904_1171.pdf>. Acesso em 05 jul 2022
  • THERASKIN FARMACÊUTICA LTDA. Micolamina - ciclopirox olamina - esmalte terapêutico 80 mg/g, creme dermatológico 10 mg/g e loção 10 mg/mL. 2014. Disponível em: <http://200.199.142.163:8002/FOTOS_TRATADAS_SITE_14-03-2016/bulas/11659.pdf>. Acesso em 05 jul 2022
Mostrar bibliografia completa
  • DRUGS.COM. Ciclopirox topical. 2022. Disponível em: <https://www.drugs.com/mtm/ciclopirox-topical.html>. Acesso em 05 jul 2022
  • SONTHALIA, S.; et al. Topical Ciclopirox Olamine 1%: Revisiting a Unique Antifungal. Indian Dermatol Online J. 10. 4; 481-485, 2019
  • MEDLEY INDÚSTRIA FARMACÊUTICA LTDA. Ciclopirox olamina - solução tópica 10 mg/mL. 2014. Disponível em: <http://200.199.142.163:8002/FOTOS_TRATADAS_SITE_14-03-2016/bulas/3057.pdf>. Acesso em 05 jul 2022
Revisão clínica:
Flávia Costa
Farmacêutica
Formada em Farmácia pelo Centro Universitário Newton Paiva em 2003. Mestre em Ciências Biomédicas pela UBI, Portugal.

Tuasaude no Youtube

  • Como acabar com a CASPA de vez!

    07:17 | 243489 visualizações
  • Segredos para uma pele bonita e saudável | Tatiana Zanin

    07:21 | 58023 visualizações
  • Como ter uma PELE PERFEITA | com @Bruna Vieira

    14:28 | 66691 visualizações
  • 5 ALIMENTOS para ter uma PELE FIRME e HIDRATADA

    03:23 | 485341 visualizações