Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.

Pele seca: o que fazer e como cuidar

Março 2021

A pele seca deve ser cuidada diariamente para garantir a boa hidratação, manter a barreira de proteção natural da pele e a renovação celular adequada. Para isso, é fundamental evitar banhos muito quentes, não usar buchas ou escovas de banho, e passar um bom creme hidratante sempre após o banho. 

Estes cuidados podem ajudar a curto ou longo prazo, tanto no tratamento como na prevenção da pele seca. Além disso, para manter a pele hidratada e sem ressecamento por mais tempo, deve-se garantir uma boa hidratação do corpo ingerindo bastante água por dia, evitar o estresse e dormir pelo menos 8 horas por noite.

Pele seca: o que fazer e como cuidar

Cuidados diários com a pele seca

Alguns cuidados que são importantes para ajudar a melhorar a pele seca e que devem ser feitos diariamente são:

1. Evitar o uso de buchas ou escovas de banho

As buchas e as escovas de banho podem fornecer uma maior sensação de limpeza, no entanto, quando usadas diariamente ou com muita força, agem como um esfoliante que, se for feita diariamente, remove a camada protetora da pele, diminuindo sua umidade e deixando a pele seca. O ideal é não usar as buchas ou as escovas de banho todos os dias, usando-as apenas 2 a 3 vezes por semana. 

Além disso, secar a pele com toalhas ásperas também causa danos na camada protetora da pele, o que também pode contribuir para a pele ficar mais seca. 

2. Evitar banhos muito quentes

Os banhos muito quentes ou muito demorados devem ser evitados pois temperaturas altas, geralmente acima de 38ºC, retiram a oleosidade natural que faz parte da barreira protetora da pele, deixando-a seca e desidratada. 

Para evitar a remoção da oleosidade da pele, o recomendado é tomar duchas rápidas, banhos mornos ou com água mais fria, se possível, para evitar o ressecamento da pele.

3. Usar um sabonete hidratante

Os sabonetes, mesmo aqueles com pH neutro, podem remover de forma excessiva a camada de gordura mais externa da pele, que a hidrata e protege contra o ressecamento, principalmente das mãos que são lavadas várias vezes ao dia, podendo ficar muito secas.

Uma boa forma de manter a umidade da pele, é usar um sabonete com propriedades hidratantes ou sabonete líquido neutro, pois evitam a remoção da barreira protetora da pele e o ressecamento, dando um aspecto de pele mais hidratada.

4. Passar creme hidratante no corpo

Passar creme hidratante no corpo ajuda a reduzir a coceira, hidratar e tratar a pele ressecada, pois repõe nutrientes e oleosidade que a pele necessita para manter a umidade. Além disso, deve-se usar o hidratante correto para cada parte do corpo, pois a composição da pele varia, e os produtos hidratantes são preparados especificamente de acordo com cada área do corpo. Assim, deve-se passar, hidratante de corpo, no corpo, o creme de rosto somente no rosto e o creme dos pés somente nos pés, respeitando estas orientações.

O ideal é passar o creme hidratante todos os dias para manter a pele hidratada e evitar que a pele fique ressecada novamente.

5. Evitar ficar de frente para o ar condicionado

Ficar de frente para o ar condicionado ou o ventilador, faz com que a pele perca água por evaporação, o que leva a desidratação da pele e o ressecamento, deixando a pele mais seca e áspera.

Nos dias mais quentes, quando é necessário usar ar condicionado ou ventilador, o ideal é não deixá-los virados diretamente para o corpo e colocar sempre um balde de água ou um pano úmido no ambiente para evitar que o ar fique muito seco e a pele desidratada e seca.

Pele seca: o que fazer e como cuidar

Outros cuidados a longo prazo

Além dos cuidados diários, outros cuidados devem ser feitos e mantidos a longo prazo para recuperar a umidade, maciez, hidratação e brilho da pele seca, garantindo uma pele bonita e hidratada, e incluem:

1. Beber 8 copos de água por dia

Para manter a pele hidratada e sem ressecamento, deve-se beber pelo menos 8 copos de água por dia, pois a pele também precisa ser hidratada por dentro, através da água que se ingere por dia.

Para pessoas que têm dificuldade em tomar água, pode ser interessante tomar água com gás com hortelã ou pepino, por exemplo, além de chás e sucos de frutas sem açúcar.

Assista o vídeo com a nutricionista Tatiana Zanin com outras dicas para aumentar o consumo de água:

2. Esfoliar regularmente a pele

A esfoliação é essencial para remover as células mortas da pele que quando se acumulam nas camadas externas fazem com que a pele pareça opaca, seca e descamada, e podem até obstruir os poros. Ainda assim, o ideal é fazer a esfoliação no máximo de 2 a 3 vezes por semana, pois a esfoliação excessiva agride a pele e causa maior ressecamento.

Além disso, esfoliar a pele ajuda a expor uma nova camada de pele pronta para absorver o hidratante de forma mais eficaz quando aplicado logo após a esfoliação, o que pode ajudar a aumentar a elasticidade da pele, fazendo com que pareça mais jovem, mais lisa, mais hidratada e mais saudável. 

3. Evitar o estresse

O estresse leva ao aumento do hormônio cortisol que pode afetar o fluxo sanguíneo para a pele e a renovação celular, deixando a pele mais seca e sem brilho.

Por isso, saber como lidar com o estresse ou evitar situações que possam causá-lo, é fundamental para manter a pele bonita e saudável. Uma boa forma de combater o estresse é praticar atividades físicas regularmente, fazer meditação, ioga ou desenvolver algum hobby como pintura ou fotografia, por exemplo. Confira dicas de como combater o estresse.

4. Dormir 8 horas por noite

Dormir pelo menos 8 horas por noite, ajuda a manter a pele saudável, pois o sono é o momento de restauração do corpo, quando as células da pele também são reparadas e se regeneram. Além disso, o cansaço e o estresse de não dormir o suficiente, aumentam os níveis do hormônio cortisol, que influencia diretamente na hidratação da pele, podendo deixá-la mais seca. 

5. Ter uma alimentação saudável

A alimentação para pele seca deve incluir alimentos ricos em vitaminas, minerais, betacaroteno e ômega-3, como mirtilo, laranja, salmão, castanha do pará ou melancia, por exemplo, pois contribuem para manter a pele hidratada, macia e firme. Confira a lista completa de alimentos bons para a pele.

Além disso, deve-se evitar o consumo de álcool, alimentos enlatados como atum, sardinha ou ervilha, e embutidos como mortadela, salame ou presunto, por exemplo, pois contêm muito sódio na sua composição, que é usado como conservante, e podem provocar aumento da retenção de líquidos na pele e prejudicam a renovação das células, podendo causar pele seca.

Esta informação foi útil?

Sua opinião é importante! Escreva aqui como podemos melhorar o nosso texto:

Ficou alguma dúvida? Clique aqui para ser respondido.
Verifique o email de confirmação que lhe enviamos.

Bibliografia

  • MONIAGA, Catharina Sagita; TOMINAGA, Mitsutoshi; TAKAMORI, Kenji. Mechanisms and Management of Itch in Dry Skin. Acta Derm Venereol. 100. 2; adv00024, 2020
  • PROKSCH, Ehrhardt; et al. Dry skin management: practical approach in light of latest research on skin structure and function. J Dermatolog Treat. 31. 7; 716-722, 2020
  • VERDIER-SÉVRAIN, Sylvie; BONTÉ, Frédéric. Skin hydration: a review on its molecular mechanisms. J Cosmet Dermatol. 6. 2; 75-82, 2007
Mais sobre este assunto:

Carregando
...
Enviar Mensagem