Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Porque as fezes do bebê podem ficar escuras

​Quando o bebê é recém-nascido é normal que suas primeiras fezes sejam pretas ou esverdeadas, e pegajosas, devido à presença de substâncias que foram se acumulando durante toda a gestação e que são eliminadas durante os primeiros dias. Assim, também é normal que a cor vá se tornando cada vez mais marrom depois de 2 ou 3 dias.

No entanto, outras situações, como alimentação e uso de medicamentos à base de ferro, também podem deixar as fezes do bebê mais escuras que o normal.

Quando não se trata de um recém-nascido é preciso ficar atenta e tentar identificar o que pode estar causando esta alteração nas fezes e entrar em contato com o pediatra assim que for possível, porque em alguns casos, este pode ser um sinal de algo mais grave. Entenda melhor que outras situações podem causar alterações nas fezes do bebê.

Porque as fezes do bebê podem ficar escuras

1. Mamilos rachados durante a amamentação

Caso a mãe tenha os mamilos rachados e esteja amamentando, o bebê pode ingerir um pouco de sangue, que é digerido e depois pode aparecer em suas fezes, tornando-as mais escuras.

A ingestão de sangue da mãe não é prejudicial para o bebê, no entanto, a mãe deve tratar os mamilos rachados para diminuir a dor e o incômodo durante a amamentação. Veja as melhores formas de tratar as rachaduras na mama.

2. Excesso de ferro na alimentação

Os alimentos ricos em ferro como espinafre e beterraba, por exemplo, podem deixar as fezes do bebê mais escuras. Esta alteração não é motivo de preocupação e a cor das fezes geralmente volta ao normal quando há uma diminuição da ingestão destes alimentos. Veja uma lista dos alimentos que contêm mais ferro.

Por isso, se o bebê já está comendo papinhas que podem ter feijão, espinafre ou beterraba, pode-se experimentar papinhas sem estes ingredientes para avaliar se a cor das fezes do bebê voltam ao normal. Inicialmente elas devem vir com cores misturadas e a seguir devem voltar a cor normal.

3. Uso de alguns medicamentos

O uso de alguns remédios como Sulfato Ferroso ou que contêm compostos de bismuto, como o Pepto-Bismol, por exemplo, podem causar fezes escuras no bebê. Neste caso, a cor das fezes normalmente volta ao normal quando o bebê para de tomar o medicamento.

Se o bebê estiver tomando algum suplemento de ferro, as fezes além de escuras, podem ficar mais ressecadas e por isso é importante que oferecer bastante líquidos, de acordo com a idade, para amolecer as fezes. Os bebês que só mamam no peito podem mamar mais vezes durante o dia, enquanto que os bebês que já começaram a alimentação diversificada podem tomar água, suco de fruta ou chá.

4. Lesões no estômago ou no esôfago

Apesar de ser uma situação menos comum, as fezes pretas do bebê também podem indicar algum sangramento no estômago, esôfago ou intestino e esta situação deve ser avaliada pelo pediatra o mais rápido possível, para que o bebê receba o tratamento adequado. Neste caso, as fezes podem ficar muito escuras e com cheiro muito forte, mas a presença de sangue nas fezes não é tão visível.

Se os pais ou cuidadores suspeitarem de ter sangue misturado nas fezes do bebê, devem ficar muito atentos à fralda e aos genitais do bebê. O sangue vermelho vivo misturado nas fezes pode indicar sangramento devido a fissura no ânus ou prisão de ventre. Neste caso é possível ver vestigos de sangue nas fezes. Saiba mais sobre sangue nas fezes do bebê.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...