Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que falar para o médico na consulta

Falar para o médico o maior número de informações possível sobre o problema que o levou à consulta do psiquiatra, do cardiologista ou até do clínico geral, ajuda-o a fazer o diagnóstico da doença mais facilmente, facilitando a escolha do melhor tratamento. Por isso antes de ir ao médico é importante preparar anotações para não esquecer de nada.

Alguns dados importantes que se deve dizer ao médico sempre que for a uma consulta são informações como:

  1. Onde dói: O ideal é apontar com um dedo exatamente no local da dor.
  2. Qual a intensidade da dor: Uma boa ideia é dar uma nota de 0 a 10 para a dor que sente, sendo o zero ausência de dor e o dez, uma dor insuportável.
  3. Qual a característica da dor: Ela surgiu de forma repentina, em forma de pontada, parece que se espalha por outras áreas ou causa sensação de queimação ou formigamento?
  4. Quando a dor diminui e quando ela aumenta: A dor piora quando come, quando faz exercícios, você acorda por causa da dor?
  5. Qual a frequência do incômodo: Anotar na agenda os dias em que o incomodo surge e o tempo que dura.
  6. O que alivia e o que piora a dor.

Na consulta também é recomendado usar roupas leves e confortáveis porque pode ser necessário tirar a roupa para fazer algum exame, por exemplo.

Outra dica importante, que pode ser útil é levar outra pessoa para a consulta e anotar as orientações que o médico vai dando. Em caso de dúvida, é importante questionar. Saiba mais em: Como tratar a dor corretamente. 

Informações importantes que o médico deve saber

Outras informações importantes que o médico deve saber são:

  • Todos os sintomas que apresenta. Uma boa ideia é anotar tudo o que sente e também a sua intensidade;
  • Se existe mais alguém dentro de casa ou na família que apresenta os mesmos sintomas ou sintomas parecidos;
  • Levar exames que já tenha feito anteriormente;
  • Levar anotado o nome ou levar a embalagem dos remédios que está tomando porque alguns sintomas podem ser causados por determinados remédios e o médico pode avaliar a possibilidade de trocar um remédio por outro.

Estas informações são muito valiosas porque ajudam o médico a descobrir o que o indivíduo tem mais rapidamente, economizando tempo e dinheiro. Começando o tratamento o mais cedo possível, aumentando assim as chances de cura.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...