Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Quais os exames que avaliam o fígado

Para avaliar a saúde do fígado o médico pode solicitar exames de sangue, ultrassonografia e até mesmo uma biópsia, pois são exames que fornecem informações importantes sobre as alterações nesse órgão.

O fígado participa da digestão e metabolismo dos alimentos e, além disso, é por ele que passam os medicamentos ingeridos, por exemplo. Assim, quando há alguma disfunção no fígado, a pessoa pode ter mais dificuldade em digerir corretamente as gorduras, precisando seguir uma dieta especial, além de evitar usar medicamentos sem prescrição médica. Confira as funções do fígado.

Os exames que o médico pode solicitar para avaliar a saúde do fígado incluem:

1. Exames de sangue

Quais os exames que avaliam o fígado

Sempre que o médico precisa avaliar a saúde do fígado ele começa solicitando um exame de sangue chamado Hepatograma, que avalia: AST, ALT, GGT, albumina, bilirrubina, lactato desidrogenase e o tempo de protrombina. Esses exames normalmente são solicitados juntos e fornecem informações importantes sobre a condição do fígado, estando alterados quando há alguma lesão, já que são marcadores muito sensíveis. Saiba como entender o exame de ALT e o exame AST.

Estes exames também podem ser pedidos quando a pessoa apresenta sintomas de envolvimento hepático como pele amarelada, urina escura, dor abdominal ou inchaço na região do fígado. No entanto, o médico também pode solicitar estes exames quando precisa avaliar o fígado de uma pessoa que toma remédios diariamente, consome muita bebida alcoólica ou possui alguma doença que o afete de forma direta ou indireta.

2. Exames de imagem

Quais os exames que avaliam o fígado

A ultrassonografia, elastografia, tomografia computadorizada e a ressonância magnética conseguem demostrar através de imagens geradas em um computador como encontra-se a estrutura do fígado, sendo fácil do técnico identificar a presença de cistos ou tumores. Além disso pode ser útil, em alguns casos, para avaliar a passagem de sangue através do órgão.

Geralmente o médico pede este tipo de exame quando os exames de sangue encontram-se alterados ou quando o fígado encontra-se muito inchado. Também pode ser indicado depois de um acidente automobilístico ou esportivo quando existe suspeita de lesão nos órgãos.

3. Biópsia

Quais os exames que avaliam o fígado

A biópsia geralmente é solicitada quando o médico encontrou alterações importantes nos resultados dos exames, como aumento da ALT, AST ou GGT, e principalmente quando é encontrado um nódulo ou cisto no fígado durante a ultrassonografia.

Esse exame consegue indicar se as células do fígado estão normais, encontram-se gravemente afetadas por doenças, como a cirrose, ou se existem células cancerígenas, para que assim possa ser feito o diagnóstico e o tratamento adequado possa ser iniciado. A biópsia é feita com uma agulha que penetra na pele e chega ao fígado, sendo retirados pequenos pedaços do órgão, que são encaminhados para o labortaório e analisados por meio de da visualização em um microscópio. Veja para que serve e como é feita a biópsia do fígado.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Carregando
...