Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

7 Testes que o recém-nascido deve fazer

Logo após o nascimento, o bebê precisa fazer exames que ajudam a detectar doenças ou problemas genéticos, como fenilcetonúria, anemia ou hipotireoidismo.

Os testes obrigatórios para o recém-nascido são o teste do pezinho, a tipagem sanguínea, o teste da orelhinha, do olhinho e o do coraçãozinho, que são oferecidos pelo SUS e que devem ser feitos logo nos primeiros dias de vida.

Veja a seguir quais testes são importantes para o bebê logo no início da vida.

Teste do Pezinho

O Teste do Pezinho é obrigatório e gratuito, devendo ser feito entre 48 horas depois do nascimento até 1 semana de vida do bebê, e pode ser realizado ainda na maternidade ou no posto de saúde.

Ele é feito a partir de uma pequena amostra de sangue retirada do pé do bebê, e é capaz de detectar 6 doenças: fenilcetonúria, hipotireoidismo congênito, anemia falciforme, hiperplasia adrenal congênita, fibrose cística e deficiência de biotinidase. Veja mais sobre esse teste aqui.

7 Testes que o recém-nascido deve fazer

Teste do Pezinho Ampliado

Além das doenças citadas acima, o teste do pezinho ampliado consegue detectar mais 30 tipos de problemas, como toxoplasmose, sífilis, AIDS e rubéola congênita.

No entanto, ele não é obrigatório e não é oferecido pelo SUS, sendo normalmente pedido pelo médico apenas quando existem suspeitas de que o bebê pode ter alguma destas doenças, como quando a mãe está infectada e pode passar para o filho. Veja mais doenças detectadas por este exame aqui.

Teste da Orelhinha

O Teste da Orelhinha, também chamado de Triagem Auditiva Neonatal, é um exame obrigatório e oferecido gratuitamente pelo SUS para detectar problemas de audição no bebê.

Ele é feito ainda na maternidade, de preferência entre 24 a 48 horas de vida do bebê, podendo ser realizado até no máximo o primeiro mês após o nascimento. Veja mais sobre esse teste e como saber se o bebê é surdo aqui.

Teste do Olhinho

O Teste do Olhinho, também conhecido como Teste do Reflexo Vermelho, normalmente é oferecido gratuitamente pela maternidade ou postos de saúde para detectar problemas de visão, como catarata, glaucoma ou estrabismo.

Ele deve ser feito ainda durante o internamento na maternidade ou na primeira consulta com o médico após o nascimento, de preferência ainda durante a primeira semana de vida. Veja mais informações aqui.

7 Testes que o recém-nascido deve fazer

Tipagem Sanguínea

A tipagem sanguínea é feita a partir da amostra de sangue tirada no Teste do Pezinho, e serve para identificar qual o tipo sanguíneo do bebê, que pode ser A, B, AB ou O, positivos ou negativos.

Teste do Coraçãozinho

O Teste do Coraçãozinho é obrigatório e gratuito, feito ainda na maternidade entre 24 e 48 horas após o nascimento, a partir do sangue coletado do braço direito e de uma das pernas do bebê, para identificar o nível de oxigênio no sangue.

Se a quantidade de oxigênio estiver baixa ou se o existir uma diferença grande entre as medições do braço e da perna, o bebê pode apresentar algum problema cardíaco e outros exames deverão ser feito para confirmar o diagnóstico.

Teste do Quadril

O Teste do Quadril é obrigatório e oferecido pelo SUS apenas em alguns estados e cidades, podendo também ser pedido pelo médico em maternidades privadas.

Ele é feito a partir da movimentação das pernas do recém-nascido para detectar a Displasia do Desenvolvimento do Quadril, uma doença que pode causar problemas como dor, encurtamento do membro e a osteoartrose.

Para prevenir doenças, veja também todo o Calendário de vacinação do bebê.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...