Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Dieta para doença celíaca

A dieta para doença celíaca deve ser totalmente sem glúten, que é uma proteína presente nos grãos de trigo, cevada, centeio e espelta. Ao entrar em contato com o intestino do celíaco, o glúten provoca inflamação e degradação das células intestinais, causando complicações como diarreias e má absorção de nutrientes.

Em crianças, essa má absorção de nutrientes quando a doença não é identificada e tratada adequadamente, pode levar ao baixo peso e à redução da altura que a criança poderia atingir.

Dieta para doença celíaca

Alimentos que devem ser evitados

Os alimentos que devem ser evitados na doença doença são todos aqueles que possuem glúten ou que podem estar contaminados com o glúten, como mostrado a seguir:

Alimentos que naturalmente possuem Glúten

Os alimentos que naturalmente possuem glúten são:

  • Farinha de trigo;
  • Cevada;
  • Centeio;
  • Malte;
  • Espelta;
  • Sêmola;
  • Massas e doces: pães bolos, salgados, sobremesas com farinha de trigo, biscoitos, pizza, macarrão, pastel, lasanha;
  • Bebidas alcoólicas: cerveja, whisky, vodka, gin, ginger-ale;
  • Outras bebidas: ovomaltine, bebidas contendo malte, cafés misturados com cevada, achocolatados.
  • Massas para mingau que contenham farinha.

Todos esses alimentos devem ser completamente eliminados da dieta, pois podem levar ao aparecimento dos sintomas da doença celíaca.

Alimentos que são contaminados com Glúten

Dieta para doença celíaca

Alguns alimentos não possuem glúten na sua composição, mas durante a fabricação podem entrar em contato com produtos que continham glúten, o que leva à contaminação. Assim, esses alimentos também acabam tendo que ser evitados pelos celíacos, pois podem agravar a doença.

Neste grupo estão incluídos a aveia, queijos fundidos, sopas instantâneas, almôndegas congeladas, batata frita congelada, molho shoyo, feijão, carnes embutidas, bebidas em pó, hambúrguer vegetariano, vinagre de malte, ketchup, mostarda e maionese e mix de nuts. Veja a lista completa do que comer e o que evitar na doença celíaca.

Cuidados em casa

Além de evitar os alimentos que contém glúten, também é preciso ter bastante cuidado em casa para não haver consumo de glúten por contaminação. Por exemplo, panelas, talheres e outros utensílios domésticos, como liquidificador e sanduicheira, devem ser separados para produzir os alimentos da pessoa com doença celíaca.

O mesmo liquidificador que bateu um bolo com farinha de trigo não pode ser usado para fazer um suco para o celíaco, por exemplo. O mesmo cuidado deve ser tomado para evitar o contato dos alimentos na geladeira, no forno e na despensa. O ideal é que na casa do doente celíaco não entre glúten, pois só assim a contaminação vai ser totalmente evitada. Veja como fazer pão caseiro sem glúten.

Dieta para doença celíaca

Cuidados fora de casa

A pessoa com doença celíaca deve ter ainda mais cuidado ao se alimentar fora de casa. É necessário buscar restaurantes que sejam totalmente livres de glúten, é muito comum que as cozinhas contenham farinha e sejam facilmente contaminadas com glúten.

Além disso, na casa de amigos, deve-se evitar usar os mesmo pratos, talheres e copos que foram usados para colocar alimentos com glúten. Se necessário, o ideal é lavar bem esses utensílios, de preferência com uma esponja nova.

Assista este vídeo para saber mais sobre a dieta para doença celíaca:

Mais sobre este assunto:
Carregando
...