Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.

Como fazer uma dieta sem glúten

A dieta sem glúten é necessária principalmente para quem tem intolerância ao glúten e não consegue digerir essa proteína, ficando com diarreia, dor e inchaço abdominal quando come essa proteína, como é o caso de quem tem doença Celíaca ou sensibilidade ao glúten.

A dieta sem glúten, algumas vezes, é utilizada para emagrecer porque são eliminados da alimentação vários alimentos, como pão, bolachas ou bolos, por exemplo, por possuírem glúten e assim diminui o valor calórico ingerido, facilitando a perda de peso numa dieta de emagrecimento.

Mas no caso de um doente celíaco a eliminação do glúten envolve a leitura detalhada de todos os rótulos de alimentos e até componentes de remédios ou batons. Porque a ingestão, mesmo que pequena de vestígios de glúten nesses produtos pode desencadear um processo infamatório grave. Nestes casos, a farinha de sorgo, que é naturalmente sem glúten e bastante nutritiva, pode ser uma alternativa. Veja seus benefícios e saiba como utilizar essa farinha.

Cardápio da dieta sem glúten

O cardápio da dieta sem glúten é difícil de seguir, pois são eliminados muitos alimentos comumente consumidos no dia a dia. Segue-se um exemplo.

  • Café da manhã - pão sem glúten com manteiga e leite ou tapioca. Veja algumas receitas com tapioca em Tapioca pode substituir o pão na dieta.
  • Almoço - arroz com filé de frango grelhado e salada de alface, tomate e repolho roxo, temperada com azeite e vinagre. Para sobremesa melancia.
  • Lanche - vitamina de morango com amêndoas.
  • Jantar - batata cozida com pescada e brócolis cozidos, temperados com vinagre e suco de limão. Maçã para sobremesa.

Para ter mais alternativas para a dieta e consumir todos os nutrientes importantes para o corpo é necessário fazer a dieta sem glúten com o acompanhamento de um nutricionista especializado. Veja algumas dicas:

Para saber mais alimentos a incluir no cardápio, veja: Alimentos sem glúten.

Que alimentos se pode adicionar na dieta

Para criar seu próprio cardápio, pode seguir alguns dos exemplos desta tabela:

Tipo de alimentoPode comerNão pode comer
SopasDe carne e/ou legumes.De miojo, enlatadas e industrializadas.
Carnes e outras proteínasCarne fresca, aves, frutos do mar, peixe, queijo suíço, queijo creme, cheddar, parmesão, ovos, feijão branco seco ou ervilhas.Preparados de carne, comidas industrializadas, suflês com farinha ou queijo cottage.
Batata e substitutos da batataBatata, batata-doce, inhames e arroz.Creme de batata e preparados industrializados de batata.
LegumesTodos os legumes frescos ou enlatados.Legumes cremosos preparados com farinha e legumes industrializados.
PãesTodos os pães feitos com farinha de arroz, maisena, tapioca ou sojaTodos os pães feitos com trigo, centeio, cevada, aveia, farelo de trigo, gérmen de trigo ou malte. Todos os tipos de bolachas.
CereaisArroz, milho puro e arroz doceLanches com cereais, farinha de trigo, uvas secas, mingau de aveia, gérmen de trigo, cereais de milho ou cereais com malte adicionado.
GordurasManteiga, margarina, óleo e gorduras animais.Cremes e molhos preparados e industrializados.
FrutasTodas as frutas frescas, congeladas, enlatadas ou secas.Frutas preparadas com trigo, centeio, aveia ou cevada.
SobremesasTortas caseiras, biscoitos, bolos e pudins feitos com milho, arroz ou tapioca. Gelatinas, merengue, pudim de leite e sorvete de frutas.Todos os doces e sobremesas industrializados.
LeiteFresco, seco, evaporado, condensado e creme doce ou azedo.Leite maltado e iogurte industrializado.
BebidasÁgua, café, chá, sucos de fruta ou limonada.Pó de frutas, cacau em pó, cerveja, gin, uísque e alguns tipos de café instantâneo.

No entanto, é sempre recomendado fazer uma dieta orientada por um nutricionista, especialmente no caso dos doentes celíacos. Um bom substituto é o trigo sarraceno, saiba como usá-lo aqui.

Receitas sem glúten

As receitas sem glúten são, principalmente, receitas de bolos, bolachas ou pão sem farinha de trigo, centeio ou aveia porque são esses os cereais que têm o glúten.

1. Biscoito sem glúten

Aqui está um exemplo de receita de biscoito sem glúten:

Ingredientes

  • Meia xícara de avelãs
  • 1 xícara de farinha de milho
  • 2 colheres de sopa de farinha de arroz
  • 1 colher de café de mel
  • Meia xícara de leite de arroz
  • Meia xícara de açúcar mascavo
  • 2 colheres de sopa de azeite

Modo de preparo

Colocar no liquidificador as avelãs, o açúcar, o mel, o azeite e o leite de arroz até ter um creme homogêneo. Misturar em uma taça as farinhas e verter o creme mexendo bem. Fazer bolinhas com as mãos, achatar as bolinhas em forma de disco e colocar em um tabuleiro forrado com papel vegetal. Levar ao forno a 180-200ºC por 30 minutos.

2. Pão sem glúten

Esta receita de pão sem glúten é simples de fazer e apesar de não ficar igual ao pão de trigo é uma excelente alternativa para quem não pode comer glúten.

Ingredientes

  • 1 xícara de farinha de amêndoas;
  • 1 xícara de sementes de girassol;
  • 1 colher de sopa de mel;
  • 1 colher de sopa de suco de limão;
  • Meia colher de chá de sal;
  • Manjericão seco a gosto;
  • 2 colheres de sopa de água.

Modo de preparo

Em uma taça junte as sementes de girassol com a farinha de amêndoas, o manjericão e o sal. Depois, misture o mel com o suco de limão e junte no liquidificador com os outros ingredientes, adicionando água quando necessário. Se necessário, pode optar por amassar o pão com as mãos, utilizando um pouco de farinha de amêndoa para não grudar nas mãos, nem na mesa.

Quando a massa ficar homogênea e fofa coloque-a no forno a 68ºC durante 1 hora. Retire do forno, corte em fatias e volte a colocar no forno a 40ºC por mais uma hora.

Esta informação foi útil?
Mais sobre este assunto:

Carregando
...