Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Dieta para intolerância à lactose

A dieta para a intolerância à lactose baseia-se na diminuição do consumo ou exclusão dos alimentos que contêm lactose, como leite e seus derivados. A intolerância à lactose varia de uma pessoa para outra, por isso nem sempre é necessário restringir por completo esses alimentos.

Essa intolerância é caracterizada pela incapacidade que uma pessoa tem em digerir a lactose, que é o açúcar presente no leite, devido à diminuição ou ausência da enzima lactase no intestino delgado. Essa enzima tem como função transformar a lactose em um açúcar mais simples para ser absorvido no intestino.

Dessa forma, a lactose chega ao intestino grosso sem sofrer alterações e é fermentada pelas bactérias do cólon, favorecendo o aumento na produção de gases, diarreia, distensão e dor abdominal.

Dieta para intolerância à lactose

Cardápio da dieta para intolerância à lactose

A tabela a seguir traz um cardápio de 3 dias de uma dieta sem lactose:

RefeiçãoDia 1Dia 2Dia 3
Café da manhã2 panquecas de aveia e banana com geleia de frutas ou manteiga de amendoim + 1/2 xícara de frutas cortadas + 1 copo de suco de laranja1 xícara de granola com leite de amêndoas + 1/2 banana cortada em rodelas + 2 colheres de sopa de uva passa1 omelete com espinafre + 1 copo de suco de morango com 1 colher de sopa de levedura de cerveja
Lanche da manhãVitamina de abacate com banana e leite de coco + 1 colher de sopa de levedura de cerveja1 copinho de gelatina + 30 gramas de frutos secos1 banana amassada com manteiga de amendoim e sementes de chia
Almoço/ jantar1 peito de frango + 1/2 xícara de arroz + 1 xícara de brócolis com cenoura + 1 colher de chá de azeite de oliva + 2 fatias de abacaxi4 colheres de sopa de carne moída preparada com molho de tomate natural + 1 xícara de macarrão + 1 xícara de salada de alface com cenoura + 1 colher de chá de azeite de oliva + 1 pêra90 gramas de salmão grelhado + 2 batatas + 1 xícara de salada de espinafre com 5 nozes, temperada com azeite de oliva, vinagre e limão
Lanche da tarde1 fatia de bolo, preparado com substitutos do leite1 maçã cortada em pedaços com 1 colher de manteiga de amendoim1/2 xícara de aveia em flocos com leite de coco, 1 pitada de canela e 1 colher de sopa de sementes de gergelim

As quantidades incluídas no cardápio variam de acordo com a idade, gênero, atividade física e se a pessoa tem alguma doença associada e, por isso, o ideal é importante consultar o nutricionista para que seja realizada uma avaliação completa e seja elaborado um plano alimentar adequado às necessidades.

Quando o diagnóstico da intolerância à lactose é feito, deve-se excluir o leite, iogurte e o queijo por cerca de 3 meses. Depois desse período, é possível voltar a consumir o iogurte e o queijo, uma de ca da vez, e verificar se surge algum sintoma de intolerância e, caso não apareçam, é possível voltar a incluir esses alimentos na alimentação do dia a dia.

Veja mais dicas sobre o que comer na intolerância à lactose:

Quais alimentos devem ser evitados

O tratamento para a intolerância à lactose exige uma mudança na alimentação da pessoa, devendo haver diminuição do consumo de alimentos que contenham lactose, como leite, manteiga, leite condensado, creme de leite, queijos, iogurte, whey protein, entre outros. Além disso, é importante ler as informações nutricionais de todos os alimentos, já que alguns biscoitos, pães e molhos também contém lactose. Confira uma lista completa dos alimentos com lactose.

Dependendo do grau de tolerância da pessoa, os produtos lácteos fermentados, como o iogurte ou alguns queijos, podem ser bem tolerados quando consumidos em pequenas quantidades, e, por isso, a dieta pode variar de uma pessoa para outra.

Além disso, existe no mercado alguns produtos lácteos, que são processados industrialmente, que não contém lactose em sua composição e, por isso, podem ser consumidos por pessoas intolerantes a esse açúcar, sendo importante ver a etiqueta nutricional, que deve indicar que é um produto "sem lactose".

Também é possível comprar na farmácia medicamentos que contém a lactase, como o Lactosil ou o Lacday, sendo recomendado tomar 1 cápsula antes de consumir algum alimento, refeição ou fármaco que contenha lactose, isso permitirá digerir a lactose e evitar o surgimento dos sintomas associados. Conheça outros remédios usados para a intolerância à lactose.

Como repor a falta de cálcio

A diminuição do consumo de alimentos com lactose pode fazer com que a pessoa tenha que consumir suplementos de cálcio e de vitamina D. É importante também incluir outras fontes alimentares de cálcio e vitamina D não lácteas para evitar um déficit desses nutrientes, devendo incluir na dieta amêndoas, espinafre, tofu, amendoim, levedura de cerveja, brócolis, acelga, laranja, mamão, banana, cenoura, salmão, sardinha, abóbora, ostras, dentro outros alimentos.

É recomendado também substituir o leite de vaca por bebidas vegetais, que também são uma boa fonte de cálcio, podendo ser consumido o leite de aveia, arroz, soja, amêndoas ou coco. O iogurte pode ser substituído por iogurte de soja, deslactosados ou ser feito em casa com leite de amêndoas ou de coco.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem