Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como tratar a garganta inflamada na gravidez

A garganta inflamada na gravidez pode ser tratada com medidas simples e caseiras, como gargarejos com água morna e sal, bebendo o suco ou chá de romã ou até mesmo comendo mais alimentos com vitamina C, como laranja, tangerina e limão, que ajudam a aumentar as defesas do organismo e, consequentemente, a combater a inflamação ou infecção mais rápido.

O uso de remédios anti-inflamatórios e antibióticos na gravidez só deve ser feito sob indicação e prescrição do obstetra pelo risco de poderem causar malformações no feto ou problemas no seu crescimento e desenvolvimento. Desta forma, mesmo os remédios para garganta inflamada que podem ser usados na gravidez, como o paracetamol, ou os antibióticos, como a Amoxicilina ou a Cefalexina, por exemplo, só devem ser utilizados sob indicação médica.

Como tratar a garganta inflamada na gravidez

O que fazer para tratar a garganta inflamada naturalmente

A garganta inflamada na gravidez pode ser tratada com medidas caseiras que ajudam a aliviar a dor e a inflamação da garganta e que incluem:

  1. Beber até 3 xícaras do chá de gengibre com limão por dia: este chá possui propriedades analgésicas e anti-inflamatórias e aumenta as defesas naturais do organismo. Para fazer o chá, basta colocar 1 casca de 4 cm de 1 limão galego ou normal e 1 cm de gengibre em 1 xícara de água fervente, deixar amornar e beber até 3 xícaras do chá por dia;
  2. Tomar 2 colheres de mel com 10 gotas do extrato de própolis por dia: ajuda a desinfectar a garganta e a tratar a dor e a inflamação, além de fortalecer o sistema imune;
  3. Aplicar 3 a 4 vezes por dia o spray de própolis com mel ou o spray de própolis, mel e romã: estes sprays atuam como um antibiótico natural e ajudam a aliviar a dor e a inflamação da garganta;
  4. Beber o suco de romã com mel 2 vezes por dia: a romã tem ação anti-inflamatória e anti-séptica, ajudando a desinfectar a garganta e a reduzir a inflamação e o mel lubrifica a garganta, diminuindo a dor. Para fazer o suco, deve-se bater no liquidificador 1 romã e 1 copo de água, acrescentando depois 1 colher de chá de mel, mexendo bem;
  5. Beber até 3 xícaras do chá de romã por dia: este chá ajuda a tratar a garganta inflamada e a eliminar os microrganismos que possam estar causando a inflamação. Para fazer o chá, basta adicionar 20 g da casca ou das flores e folhas de romã em 1 xícara de água fervente;
  6. Comer mais alimentos ricos em vitamina C como morango, laranja ou brócolis: aumentam as defesas do organismo, ajudando a combater mais rapidamente a inflamação. Veja outros alimentos ricos em vitamina C.
  7. Chupar um quadradinho de chocolate e comer folhas de menta, como indicado pela nutricionista Tatiana Zanin nesse vídeo:

Normalmente, com estas medidas caseiras a inflamação da garganta melhora em cerca de 3 dias. No entanto, caso os sintomas persistirem, é importante consultar o obstetra para que ele observe se há pus na garganta para indicar o uso de antibióticos, mas mesmo com a indicação de usar esse tipo de medicamento, as 6 formas naturais que indicamos aqui ainda são aconselhadas para complementar o tratamento clínico.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...