Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Conheça as características do melhor sapato para o bebê

​Os primeiros sapatos do bebê podem ser de lã ou tecido, mas quando o bebê começar a andar, por volta dos 12 a 15 meses, é preciso investir num bom sapato que consiga proteger os pés sem causar danos ou deformidades e que podem até mesmo ajudar o bebê a andar.

Usar sapatos pouco apropriados pode ser mais econômico no momento, mas ele pode prejudicar o desenvolvimento de todas as curvaturas do pé do bebê, podendo favorecer o pé chato, também conhecido por pé plano, ou causar bolhas e calos, por exemplo.

Primeiros sapatinhos do bebê
Primeiros sapatinhos do bebê
Bebês de colo ainda não precisam de sapatos
Bebês de colo ainda não precisam de sapatos

Sapatos para bebês que estão aprendendo a andar

As características de um bom sapato para o bebê que já está se colocando de pé e aprendendo a andar são:

  • Ser maleável e confortável;
  • Ter sola antiderrapante;
  • Ter preferencialmente fecho de velcro ao invés de cadarços que podem desamarrar com mais facilidade;
  • Deve permitir a ventilação nos pés da criança;
  • Deve cobrir a parte detrás do tornozelo;
  • A parte detrás do sapato deve ser bem firme.

Além disso é muito importante que a criança use o tamanho correto do sapato.

Conheça as características do melhor sapato para o bebê

Como saber o número do pé do bebê

Para saber o número que a criança calça pode-se medir o tamanho da planta do pé, utilizando uma régua, um medidor próprio (comum em várias lojas) ou então usar a palmilha do sapato como parâmetro.

Uma boa dica é colocar somente a palmilha do sapato na planta do pé da criança e observar se a palmilha é pelo menos 1 dedo maior que seu pezinho.

Tabela de numeração de calçados

A tabela a seguir mostra o possível número do calçado do bebê, levando em consideração o tamanho do pé em centímetros e a idade da criança:

Tamanho do pé (em centímetros)Número do calçadoIdade da criança
9 cm130 a 2 meses
10 cm142 a 4 meses
10, 5 cm154 a 6 meses
11 cm166 a 8 meses
11,5 cm178 a 10 meses
12,5 cm1810 a 12 meses
13 cm191 ano
13,5 cm201 ano a 1 e meio
14 cm211 ano e meio a 2
15 cm222 anos a 2 e meio
15,5 cm232 e meio a 3 anos
16 cm243 a 3 e meio
16,5 cm253 e meio a 4 anos
17 cm264 anos
18 cm275 anos
19,5 cm285 anos e meio
20 cm295 e meio a 6
21 cm306 anos
22 cm317 anos
22,5 cm327 e meio a 8
23 cm338 anos
23,5 cm349 anos
24 cm3510 anos
24,5 cm36acima de 10

A numeração do calçado pode variar conforme o fabricante e por isso algumas lojas utilizam um medidor próprio, como mostra a terceira imagem.

Os sapatos são realmente necessários quando o bebê começa a andar e duram em média de dois a três meses, devendo ser substituído logo a seguir por um número um pouquinho maior, mas não pode ser muito maior, pois estes não acomodam bem o pé do bebê e podem facilitar a queda.

Para medir o número do sapato
Para medir o número do sapato

Cuidados para comprar sapatos para crianças

Para comprar sapatos para crianças os pais devem observar se o calçado é confortável, verificando se ao colocar o sapato fechado e com meia, ainda sobram de 1 a 2 cm à frente do dedão do pé. Outro cuidado é verificar a qualidade do tecido porque as crianças correm, saltam e arrastam os pés no chão e por isso o tecido deve ser resistente para que dure mais.

Conheça as características do melhor sapato para o bebê

Uma das características mais importantes do sapato da criança é que a palmilha tenha uma curvinha para cima para ajudar na formação do arco do pé da criança. Todo bebê tem o pé chato desde o nascimento e por volta dos 3 ou 4 anos, o arco do pé vai se formando, e comprar sapatos e sandálias semi ortopédicas é uma excelente estratégia para evitar que a criança tenha o pé plano, necessitando de tratamento.

Sapatos e tênis de velcro ajudam as crianças a calçarem-se sozinhas e não desamarram acidentalmente, evitando as quedas. Se a palmilha do calçado tiver amortecimento, melhor ainda para conferir mais conforto. Ter todos estes cuidados evita a formação de bolhas e garante o bom desenvolvimento do pé do bebê.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...