Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é Cistite, quais os sintomas, causas e tratamento

A cistite é uma infecção geralmente causada pela bactéria E. Coli, que migra do intestino para a uretra e seus sintomas incluem urgência em urinar, dor e ardor ao urinar e o seu tratamento pode ser feito com o uso de remédios naturais ou antibióticos receitados pelo médico.

A cistite de lua de mel é aquela que geralmente é causada pela subida das bactérias da própria vagina para a bexiga devido a várias pequenas lesões na uretra, devido ao ato sexual repetitivo. Beber muita água e fazer xixi após as relações pode ser o suficiente para vencer este mal, mas se o incômodo persistir, deve-se consultar um médico.

A cistite intersticial, também chamada de doença inflamatória da bexiga, gera sintomas como intensa dor na região abdominal, cujas causas não são totalmente esclarecidas. Seu tratamento pode ser feito com o uso de medicamentos, como Ácido hialurônico, Heparina, Polisulfato sódico de pentosano, Amitriptilina, Hidroxizina e Ciclosporina, sob orientação médica. 

O que é Cistite, quais os sintomas, causas e tratamento

Quais os sintomas

Os sintomas da cistite geralmente são:

  • Dor na bexiga, localizada ligeiramente acima da zona pubiana;
  • Urina turva ou urina com sangue;
  • Desejo frequente e urgente de urinar, mas com pouca urina de cada vez;
  • Ardência ou queimação ao urinar;
  • Micção noturna mais frequente.

Quando o paciente apresenta dor na região das costas, os rins podem estar afetados. O diagnóstico da cistite pode ser feito através do exame de urina solicitado pelo médico clínico geral.

Causas mais comuns

As causas da cistite estão relacionadas à contaminação da bexiga com bactérias vindas da vagina ou do próprio intestino. Algumas situações que podem favorecer a instalação da cistite são:

  • Contato íntimo excessivo;
  • ​​Má higiene local, limpando-se de trás para frente;
  • Baixa produção de urina causada pela pouca ingestão de água;
  • Pouco espaço entre a uretra e o ânus, neste caso seria um defeito anatômico;
  • Conexão anormal entre a bexiga e a vagina, condição conhecida como fístula vesicovaginal.

No homem, a causa mais comum de cistite é a infecção bacteriana persistente da próstata e ela raramente pode ocorrer devido a uma conexão anormal entre a bexiga e o intestino chamada fístula vésico-entérica.

Como é feito o tratamento

O tratamento para cistite pode ser feito com o consumo de remédios antibióticos receitados pelo médico como Ciprofloxacino, Amoxicilina, Doxiciclina ou Sulfametazol-trimetoprim, que devem ser tomados durante 3, 7 ou 10 dias. Além disso, a toma de antibiótico deve ser associada a remédios para a dor, como o Cloridrato de fenazopiridina, e a remédios caseiros com efeito diurético com o Óleo de Copaíba, por exemplo, que complementam o tratamento. Saiba mais sobre o Óleo de Copaíba.

Outro bom exemplo de remédio caseiro para cistite é o banho de assento com vinagre na proporção de 3 litros de água para 2 colheres de vinagre, onde é necessário lavar a região genital e fazer este banho de assento diariamente por 20 minutos. Conheça outros remédios caseiros usados para tratar a cistite.

Além do tratamento medicamentoso, é importante beber no mínimo 2 litros de água por dia e consumir alimentos diuréticos, como melancia e o aipo, por exemplo. A cistite crônica parece ser solucionada com o uso da toxina botulínica na bexiga. Conheça mais detalhes do Tratamento para cistite.

Cistite na gravidez

A cistite na gravidez pode ser mais frequente porque nesta fase a mulher possui um comprometimento natural do sistema imune. A cistite na gravidez gera os mesmos sintomas acima citados e pode ser tratada com o uso de remédios caseiros e aumento da ingestão de água. Confira algumas ótimas opções em Chá para cistite.

Possíveis complicações

Como consequência de uma cistite mal tratada pode ocorrer a migração das bactérias da bexiga para os rins (pielonefrite) tornando o caso mais grave. Quando atingem os rins, surgem sintomas como febre, dor lombar intensa e vômitos. O diagnóstico é feito através do exame de urina que verifica a presença de bactérias e seu tratamento é feito com antibióticos.

O tratamento para a pielonefrite deve ser instituído rapidamente, de preferência com antibióticos por via venosa, para evitar que as bactérias cheguem à corrente sanguínea e causem sepse, um quadro clínico grave que pode levar a morte.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Mais sobre este assunto:


Publicidade

LIVE | Saúde da Prostata

A Tatiana e o Manuel vão estar te esperando num encontro informal para falar tudo sobre problemas na próstata.

A sua presença vai fazer o evento ser mais especial.

Se inscreva e receba uma notificação quando começar, para não perder nenhum minuto.

Inscreva-se
* Não perca a oportunidade de fazer perguntas e participar deste momento em homenagem ao Novembro Azul.

Estamos ao vivo agora! Vem falar com a gente!

A Tati e o Manuel falam sobre problemas na próstata, o preconceito dos homens a respeito do exame de toque retal, e até sobre impotência sexual, que pode ser um complicação da detecção tardia desse tipo câncer.

Participe agora
* Vamos responder todas as perguntas que chegarem, sem tabus. Estamos te esperando!
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem