Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Pielonefrite

A pielonefrite é uma infecção do trato urinário, geralmente causada por bactérias vindas da bexiga, que atinge os rins provocando inflamação.

A pielonefrite pode ser classificada como:

  • Pielonefrite aguda: a infecção surge de forma repentina e intensa, desaparecendo ao fim de algumas semanas ou dias;
  • Pielonefrite crônica: resulta de infeções renais constantes e que não foram bem curadas, provocando inflamação prolongada no rim e lesões graves que podem levar a insuficiência renal.

Alguns dos sintomas da pielonefrite são dor no fundo das costas, cólica renal, dor e ardência a urinar, vontade constante de urinar, urina com mau cheiro, febre e náuseas.

Tratamento da pielonefrite

O tratamento da pielonefrite geralmente é feito com antibióticos como amoxicilina ou ciprofloxacina e deve começar o quanto antes para prevenir lesões nos rins e evitar que as bactérias se espalhem pela corrente sanguínea causando septicemia. Para aliviar a dor podem ser usados analgésicos e anti-inflamatórios.

Quando a pielonefrite é causada por obstrução ou malformação do rim, pode ser necessária a cirurgia para corrigir o problema.

Em caso de pielonefrite crônica, lesões graves no rim e insuficiência renal, além do uso de antibióticos, pode ser necessário fazer diálise todas as semanas para filtrar o sangue.

Pielonefrite na gravidez

A pielonefrite na gravidez geralmente se deve a ma infecção prolongada na bexiga, causada geralmente por bactérias ou fungos como Candida albicans.

Na gravidez, as infecções renais são bastantes comuns, pois o aumento dos níveis de hormônios como progesterona leva ao relaxamento do trato urinário, facilitando a entrada de bactérias na bexiga e a sua multiplicação. Quando a infecção não é diagnosticada ou tratada, os microrganismos vão se multiplicando e começam a subir no trato urinário, atingindo os rins e causando a sua inflamação.

O tratamento da pielonefrite na gravidez pode ser feito com antibióticos, como a amoxicilina, que não têm efeitos sobre o desenvolvimento do bebê.

Diagnóstico da pielonefrite

O diagnóstico de pielonefrite é feito através da avaliação dos sintomas do paciente, exame físico como palpação e precursão na região lombar e exame à urina para identificar a presença de sangue e células brancas do sangue na urina. Os exames de ultra-som, raio-x e tomografia computadorizada podem ser realizados para confirmar o diagnóstico.

O exame de cultura e o teste do antibiótico também podem ser realizados para identificar o agente causador da infecção e escolher o melhor tratamento.

O urologista é o especialista indicado para fazer o diagnóstico e indicar o melhor tratamento para a pielonefrite.

A pielonefrite enfisematosa é um tipo de infecção renal onde há acumulo de gases produzidos por bactérias presentes no rim, que é mais comum nos diabéticos.

A pielonefrite xantogranulomatosa é uma forma rara e grave de pielonefrite crônica em que há inflamação intensa e constante do rim, que leva a sua destruição.

Links úteis:

Mais sobre este assunto:
Carregando
...