Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Catapora no Adulto é mais Grave

Quando um adulto está com a catapora, ele tende a desenvolver a forma mais grave da doença - apresentando muito mais bolhas do que o normal, além de sintomas como febre alta, dor de ouvido e dor de garganta.

Os sintomas são mais intensos e pode impedir a pessoa de estudar ou trabalhar, tendo que ficar em casa para se recuperar mais rápido. Quando as pessoas à sua volta já tiveram catapora ou tomaram a vacina da catapora o risco de ter a doença é muito reduzido, mas por isso deve-se ficar longe de bebê que ainda não estejam protegidos.

Como tratar a catapora no adulto

O tratamento da catapora em adultos é o mesmo que nas crianças, ou seja, é direcionado para o alívio dos sintomas. Indica-se:

  • Paracetamol para baixar a febre;
  • Pomada antialérgica para evitar a coceira;
  • Os antivirais só devem ser utilizados em indivíduos com o sistema imune comprometido, como ocorre durante a AIDS ou o tratamento do câncer, por exemplo.

Além disso, recomenda-se os seguintes cuidados:

  • Manter unhas pequenas;
  • Evitar coçar as feridas;
  • Tomar 2 ou 3 banhos de água fria;
  • Evitar a exposição solar e a transpiração;
  • Evitar alimentos salgados e ácidos caso haja feridas dentro da boca;
  • Evitar permanecer no mesmo local que outros.
Catapora no Adulto é mais Grave

Possíveis complicações da catapora

As complicações da catapora podem surgir quando o tratamento é feito de forma inadequada (sem os cuidados acima) ou quando o organismo do indivíduo não consegue vencer o vírus por si só, por estar muito debilitado. Neste caso, a entrada de outros vírus ou bactérias fica mais fácil e elas podem chegar aos pulmões, coração e até mesmo ao cérebro, gerando doenças como:

  • Encefalite;
  • Ataxia cerebelar;
  • Miocardite;
  • Pneumonia;
  • Artrite transitória.

Há suspeita destas complicações, se o indivíduo começar a apresentar sintomas como intensa dor de cabeça, a febre não baixar e se surgirem outros sintomas. Recomenda-se uma consulta médica o quanto antes.

É possível pegar catapora 2 vezes?

É possível pegar catapora duas vezes, no entanto, é uma situação rara que acontece, principalmente, quando existe enfraquecimento do sistema imune ou quando a catapora foi mal diagnosticada da primeira vez e o paciente ainda não teve a infecção.

A catapora é uma doença viral cujo principal sintoma é o surgimento de pintas ou bolhas vermelhas espalhadas pelo corpo, que coçam e que estão cheias de líquido.

Normalmente, o paciente com catapora desenvolve anticorpos contra o vírus da catapora após a infecção e, por isso, é raro pegar catapora mais que uma vez. Porém, o vírus da catapora fica adormecido no organismo e pode ser reativado, provocando sintomas de herpes zóster, que é a reativação do vírus da catapora, mas de outra forma. 

Posso pegar catapora mesmo vacinado?

A catapora pode contagiar um indivíduo vacinado, uma vez que a vacina não protege completamente contra o vírus, no entanto, estas situações são raras e os sintomas são mais leves, desaparecendo em menos tempo. Normalmente quem toma a vacina contra catapora tem no máximo 30 feridinhas espalhadas pelo corpo, e a recuperação acontece em menos de 1 semana.

Saiba mais sobre a Vacina contra catapora e como não pegar catapora do seu filho.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...