Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
Fechar Coronavírus: Informações sobre COVID-19 Ler mais
O que você precisa saber?

Como é feito o tratamento para catapora no adulto e na criança

O tratamento para catapora dura de 7 a 15 dias, pode ser recomendado por um clínico geral ou pediatra, no caso de catapora infantil, e consiste principalmente no uso de medicamentos antialérgicos, para aliviar os sintomas de coceira nas bolhas da pele e remédios para baixar a febre, como o paracetamol ou dipirona sódica.

Também é importante tomar alguns cuidados como evitar coçar as bolhas na pele com as unhas, para não causar feridas na pele e nem causar uma infecção e deve-se beber bastante líquidos durante o dia e fazer banho com permanganato de potássio para secar as bolhas mais rapidamente.

Além disso, em pessoas com sistema imune enfraquecido, como no caso de HIV ou que esteja realizando um tratamento com quimioterapia, ou crianças muito pequenas e mulheres grávidas, o médico irá indicar o uso do medicamento antiviral aciclovir nas primeiras 24 horas após o início dos sintomas. Durante o tratamento é importante não ir trabalhar e não ir à escola, para evitar contaminar outras pessoas. A seguir, o tratamento para catapora pode ser feito com:

Como é feito o tratamento para catapora no adulto e na criança

1. Uso de medicamentos

O uso de medicamentos para tratamento de catapora deve ser indicado por um clínico geral ou pediatra e serve para reduzir os sintomas provocados pela doença. Os antialérgicos, como o Polaramine, podem ser indicados para aliviar a coceira nas bolhas na pele e os analgésicos podem ser recomendados para baixar a febre nos primeiros dias.

Em pessoas com imunidade baixa, que tenham HIV ou que façam tratamento com quimioterapia, mulheres grávidas e crianças prematuras deve-se iniciar o tratamento com o aciclovir nas primeiras 24 horas após o aparecimento das bolhas na pele. Dependendo do estado de saúde da pessoa, pode ser necessário fazer o aciclovir diretamente na veia para melhor absorção no corpo.

Os medicamentos à base de ácido acetilsalicílico não devem ser utilizados na ocorrência de catapora, pois pode piorar a doença e provocar outros problemas de saúde. E ainda, se o médico verificar que a pele tem alguma outra infecção por bactérias, poderá recomendar o uso de antibióticos.

2. Tratamento natural

O tratamento natural para catapora baseia-se em medidas simples que podem ser feitas em casa e que ajudam a aliviar os sintomas da doença e pode incluir:

  • Beber bastantes líquidos, como água, chá ou água de coco, por exemplo;
  • Tomar 2 a 3 banhos com água morna e permanganato de potássio ou aveia;
  • Cortar as unhas, evitando provocar feridas na pele;
  • Evitar alimentos muito quentes, salgados ou ácidos, no caso de bolhas na boca ou garganta;
  • Utilizar roupa larga e de algodão, para evitar a transpiração.

Estes cuidados também podem ser utilizados no tratamento para catapora no bebê, sendo que além destes cuidados é importante limpar as superfícies e objetos que entraram em contato com a criança doente, pois pode ocorrer a transmissão da catapora para os pais, através do ar, pelo contato direto com a pele ou através do compartilhamento de roupa ou objetos contaminados pelas secreções das bolhas de catapora. Veja melhor como não pegar catapora do seu filho.

3. Pomadas

O uso de pomadas deve ser feita apenas com recomendação do médico, pois nem todos os tipos de pomadas ajudam a cicatrizar as bolhas de catapora. Se as feridas na pele coçam muito, o médico poderá receitar pomadas à base de corticoides, como a betametasona, por exemplo. 

Entretanto, algumas opções de pomadas caseiras são indicadas para aliviar a coceira e facilitar a cicatrização das bolhas da catapora como passar talco ou pasta d´água ou fazer compressas e banhos com permanganato de potássio (1:40.000) ou água boricada a 2%, várias vezes ao dia. Confira mais para que serve o permanganato de potássio.

Como é feito o tratamento para catapora no adulto e na criança

4. Remédios de homeopatia

O tratamento para catapora com homeopatia ajuda a reduzir o desconforto provocado pelo vários sintomas da catapora e, por isso, pode ser feito com:

  • Rhus Toxicodendron 6c: utilizado para reduzir a coceira;
  • Belladonna 6c: recomendado em casos de febre e corpo dolorido;
  • Enxdere 6c: recomendado para aliviar coceira intensa;
  • Brionia 30c: utilizado para tratar tosse seca e febre alta.

Os remédios homeopáticos devem ser receitados por um médico homeopata, uma vez que cada pessoa necessita de remédios diferentes, dependendo da gravidade dos sintomas.

Tratamento para catapora infantil

O tratamento para catapora infantil consiste em aliviar os sintomas da doença, pois o próprio sistema imunológico da criança tem formas de combater a doença. Os sintomas da catapora na criança podem ser aliviados com uso de medicamentos, recomendados pelo pediatra, como o paracetamol, para diminuir a dor, um xarope anti-histamínico para aliviar a coceira e pasta d´água ou uma pomada cicatrizante para ajudar a cicatrizar as bolhas da catapora.

Os remédios anti-inflamatórios não esteroides, como o ibuprofeno, ou remédios com aspirina devem ser evitados no tratamento para catapora infantil, pois podem agravar os sintomas e provocar outros problemas de saúde.

Possíveis complicações

Uma das complicações mais comuns da catapora é a infecção das bolhas na pele, que pode acontecer quando o adulto ou a criança retira a "casquinha" da catapora e há entrada de bactérias na região, podendo levar ao surgimento de abscesso ou impetigo. Saiba mais o que é impetigo e quais os sintomas.

Em alguns casos, como em pessoas com imunidade baixa, bebês recém-nascidos e mulheres grávidas a catapora deve ser tratada segundo orientações do médico, pois se não for tratada pode causar complicações como pneumonia e encefalite. Por isso, é importante ter atenção aos sinais de piora como febre acima de 38,9°C por mais de 4 dias seguidos, tosse intensa, rigidez no pescoço, dificuldade para respirar ou vômitos intensos.

Bibliografia >

  • MINISTÉRIO DA SAÚDE. Catapora (Varicela): causas, sintomas, diagnóstico, tratamento e prevenção. Disponível em: <http://saude.gov.br/saude-de-a-z/varicela-catapora>. Acesso em 03 Fev 2020
  • COHEN, Jonathan. Chickenpox: treatment. BMJ Clin Evid. Vol.6, n.912. 1-13, 2015
  • CENTERS FOR DISEASE CONTROL AND PREVENTION. Prevention and Treatment. Disponível em: <https://www.cdc.gov/chickenpox/about/prevention-treatment.html#treatments>. Acesso em 03 Fev 2020
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem