Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Amarelão - Doença causada por vermes

A ancilostomíase, também conhecida como ancilostomose ou amarelão, é uma doença causada pelos parasitas Ancylostoma duodenale ou Necatur americanus, cuja presença no organismo causa anemia, fraqueza e cor amarelada da pele.

As larvas infectantes do agente causador do amarelão pode ser encontrado no solo, por isso que a forma de transmissão mais comum dessa doença é por meio da penetração da pele, principalmente pelos pés, nádegas e costas.

Amarelão - Doença causada por vermes

Sintomas de Amarelão

Além da lesão de pele vista no local que houve a penetração do parasita, outros sintomas do amarelão são:

  • Palidez ou cor amarelada na pele;
  • Fraqueza generalizada;
  • Diarreia moderada;
  • Dor abdominal;
  • Anemia;
  • Perda do apetite;
  • Emagrecimento;
  • Cansaço;
  • Perda do fôlego sem esforços;
  • Fezes negras e com mal cheiro devido a presença de sangue.

Em casos mais crônicos, quando a pessoa está infectada pelo verme há muitos anos, pode haver insuficiência cardíaca e comprometimento do desenvolvimento motor e cerebral, por vezes de forma irreversível. Veja outros sintomas do amarelão.

O diagnóstico da ancilostomíase pode ser feito por meio do exame parasitológico de fezes com o objetivo de identificar a presença de ovos de Ancylostoma duodenale nas fezes. Veja como é feito o exame de fezes.

Amarelão no recém nascido

O amarelão típico de alguns bebês recém nascidos não tem nenhuma relação com esta doença, tratando-se de uma outra situação, chamada icterícia neonatal, que é caracterizada pelo acúmulo de bilirrubina no sangue devido à incapacidade do fígado de realizar o metabolismo dessa substância. Saiba mais sobre a icterícia neonatal.

Como ocorre a transmissão

Amarelão - Doença causada por vermes

A transmissão do amarelão acontece quando a pessoa toma banho de sol ou anda descalça, principalmente, isso porque a forma infectante da larva penetra a pele e atinge a circulação sanguínea. A entrada no parasita normalmente acontece por meio dos pés, nádegas e costas, causando uma erupção de formato irregular no local da penetração.

No organismo, as larvas chegam ao pulmão e migram para a faringe, onde são deglutidas e atingem o duodeno, transformando-se em larvas adultas e havendo a produção de ovos. Esses ovos são liberados no ambiente por meio das fezes e no solo desenvolvem-se até a forma infectante, reiniciando o ciclo de contaminação.

Os cães e os gatos também podem ser hospedeiros desses vermes, podendo liberar mais ovos para o solo por meio das suas fezes.

Tratamento para Amarelão

O tratamento para o Amarelão é feito com medicamentos como Befênio, Pirantel, Mebendazol ou Tiabendazol, durante 1 a 3 dias consecutivos. Além disso, o médico poderá solicitar a realização de um novo exame de fezes após os 3 dias de tratamento, para verificar a completa eliminação dos vermes. Veja quais são os remédios para verme mais indicados e como tomar.

A ancilostomíase é uma doença característica de países subdesenvolvidos em que as condições de saneamento e higiene são precárias. Assim, é importante andar sempre calçado, evitar mexer em terra e adotar medidas básicas de higiene, como lavar as mãos antes de comer e antes e depois de ir ao banheiro. Também é importante não beber ou comer qualquer alimento impróprio para o consumo.

Saiba alguns remédios caseiros para combater este verme, neste vídeo:

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...