Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Sintomas de sarna humana e como tratar

A sarna humana é uma doença de pele, chamada também de escabiose, que é causada pelo ácaro Sarcoptes Scabiei, que infecta a pele e provoca sintomas como coceira intensa e vermelhidão.

Esta doença é facilmente transmitida entre pessoas da mesma família através da partilha de roupas, lençóis ou toalhas, por exemplo, sendo, por isso, recomendado evitar o contato direto com a pele da pessoa infectada ou com suas roupas, pelo menos até ao final do tratamento. Embora também seja frequente em animais, a sarna não se pega do cachorro, pois os parasitas são diferentes.

Esta doença tem cura através do tratamento indicado pelo dermatologista, que geralmente inclui o uso de remédios para sarna como permetrina ou benzoíla, por exemplo.

Sintomas de sarna humana e como tratar

Principais sintomas

O sintoma mais comum da sarna humana é o surgimento de uma coceira muito intensa na pele, que piora durante a noite. Se acha que pode estar com esta doença, selecione qual dos sintomas está sentindo:

  1. 1. Coceira na pele que piora durante a noite
    Sim
    Não
  2. 2. Pequenas bolhas na pele, especialmente nas dobras
    Sim
    Não
  3. 3. Placas vermelhas na pele
    Sim
    Não
  4. 4. Linhas perto das bolhas que parecem caminhos ou túneis
    Sim
    Não
Imagem que indica que o site está fazendo loading

Na primeira vez em que se é infectado pelo ácaro da sarna, os sintomas podem demorar até 2 meses para aparecer, já em casos seguintes os sintomas surgem mais rápido, aparecendo em menos de 4 dias.

No tempo em que não se tem sintomas, a doença pode ser transmitida de pessoa para pessoa. Assim, quando surge um caso na família é importante testar todo o mundo que esteve em contato com a pessoa infectada para fazer o diagnóstico e iniciar o tratamento, se necessário.

Sarna é contagiosa

A sarna humana é uma doença bastante contagiosa que pode passar facilmente entre pessoas através do contato direto com a pele. Isto acontece porque a fêmea do ácaro Sarcoptes Scabiei vive e deposita seus ovos na camada mais superficial da pele, facilitando a sua transmissão.

Além disso, a doença pode ser transmitida mesmo que não esteja causando sintomas ainda, o que diminui os cuidados para evitar o seu contágio. Assim, mesmo que não existam suspeitas de sarnas é importante adotar cuidados que evitam a transmissão deste tipo de doenças, como:

  • Não partilhar toalhas de banho;
  • Evitar compartilhar roupas não lavadas;
  • Lavar a pele, pelo menos, 1 vez por dia;
  • Evitar o contato direto com pessoas que vivam em locais com poucas condições de higiene.

No caso de roupas que não podem ser lavadas frequentemente, uma boa opção é colocá-las no interior de um saco de plástico fechado enquanto não estão sendo utilizadas, pois isso impede que o ácaro se consiga alimentar, acabando por ser eliminado.

Como tratar a sarna

O tratamento para a sarna humana deve ser orientado por um dermatologista, pois pode variar de acordo com a gravidade da infestação e do tipo de pele de cada pessoa. No entanto, normalmente é feito com remédios para sarna como:

  • Permetrina: é um creme que deve ser passado na pele para eliminar o ácaro e seus ovos. Pode ser usado em adultos, grávidas e crianças com mais de 2 anos;
  • Crotamiton: pode ser comprada em forma de creme ou loção que deve ser aplicado diariamente. Não deve ser usado por grávidas ou mulheres a amamentar;
  • Ivermectina: é um comprimido que fortalece o sistema imune e ajuda a eliminar o ácaro. Não deve ser utilizado por grávidas, mulheres a amamentar ou crianças com menos de 15 Kg.

Geralmente, estes remédios devem ser aplicados em todo o corpo, desde o pescoço para baixo, e devem ficar 8 horas em contato pela pele, sendo, por isso, recomendado fazer o tratamento antes de dormir.

Além disso, durante o tratamento é ainda importante manter uma higiene corporal adequada e lavar em água quente todas as roupas, lençóis ou toalhas que tenham estado em contato direto com a pele.

Pessoas da mesma família devem ir ao dermatologitsa para avaliar se também foram infectados pelo ácaro, iniciando o tratamento, se necessário.

Remédio caseiro para sarna

Um excelente remédio caseiro natural para aliviar os sintomas da sarna e facilitar o tratamento é o gel de babosa. Este gel possui propriedades que acalmam a pele, diminuem a coceira e podem ajudar a eliminar os ácaros.

Para usar este remédio, deve-se remover o gel do interior de uma folha de babosa e espalhar sobre as regiões afetadas, deixando atuar por, pelo menos, 15 minutos. depois deve-se lavar a região com água e sabão de pH neutro.

Confira outras receitas de remédios naturais para sarna.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...