Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Tratamento para Enxaqueca

Numa crise, o tratamento para enxaqueca envolve repouso num quarto escuro e silencioso, que é, algumas vezes, o suficiente para parar a dor, mas a enxaqueca também pode ser tratada com o uso de medicamentos, chás, infusões e através de tratamentos alternativos, como acupuntura, homeopatia, biofeedback e manipulação cervical e técnicas de relaxamento.

Tratamento natural para enxaqueca

O tratamento natural para enxaqueca pode ser feito com o consumo de chás de plantas medicinais, como artemísia (Tanacetum parthenium L.), e extratos das folhas de gingko biloba. Mas para que este tipo de tratamento tenha o efeito esperado deve-se consumir o chá diariamente e respeitar todas as orientações para prevenir as crises de enxaqueca, que estão citadas abaixo.

Tratamento para enxaqueca com acupuntura

A acupuntura também é uma ótima aliada no tratamento para enxaquecas, pois não possui efeitos secundários como os tratamentos convencionais à base de anti-inflamatórios e analgésicos. Na acupuntura o corpo é visto como um todo e cabe ao terapeuta descobrir quais são os bloqueios energéticos que estão originando esta enxaqueca. Muitas vezes o problema está na cervical e no fígado e, por isso, estas zonas deverão ser tratadas ao mesmo tempo.

Tratamento para enxaqueca com aura

O tratamento para enxaqueca com aura pode ser feito através da ingestão de alguns medicamentos como Naramig receitados pelo neurologista, que aliviam a dor e outros sintomas.

Para prevenir as crises também é importante adotar alguns hábitos alimentares, dando preferência aos alimentos naturais e reduzindo o consumo de alimentos industrializados. Além disso, manter a hidratação bebendo 2 litros de água por dia e evitar o estresse, também são duas dicas que podem fazer toda a diferença. 

Como prevenir crises de enxaqueca

Para prevenir as crises de enxaqueca recomenda-se dormir pelo menos 8 horas por noite e ter uma alimentação saudável, fazer exercícios físicos e evitar o consumo de alimentos desencadeantes da enxaqueca, como vinho tinto e outras bebidas alcoólicas, chocolate, queijo, embutidos e alimentos ricos em glutamato de sódio e nitritos, por isso, é importante ver no rótulo das embalagens.

Links úteis:

Mais sobre este assunto:


Carregando
...