Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é Impetigo, suas causas e transmissão

O impetigo é uma infecção na pele causada por bactérias que levam ao surgimento de pequenas feridas que contém pús e uma casquinha dura, que pode ser de cor dourada ou cor de mel. 

O tipo mais comum de impetigo é o não-bolhoso, e nesse caso, as feridinhas surgem sempre dentro do nariz e no lábio, no entanto, outros tipos de impetigo se manifestam nos braços ou nas pernas e pés. Popularmente o impetigo também é chamado de impinge.

Sintomas e diagnóstico do impetigo

Para confirmar se as lesões na pele são impetigo, é importante consultar um dermatologista, pois as lesões são muito contagiosas e provocadas pelo desenvolvimento excessivo de bactérias que podem infectar e danificar várias camadas da pele.

Existem diferentes tipos de impetigo que apresentam características e sintomas ligeiramente diferentes, como:

1. Impetigo comum ou não-bolhoso

  • Feridas semelhantes a picadas de mosquito;
  • Pequenas lesões na pele com pús;
  • Feridas que evoluem para crostas com coloração dourada ou cor de mel

Este é o tipo mais comum da doença e, normalmente, demora cerca de 1 semana para que todos os sintomas apareçam, especialmente nas regiões em volta do nariz e da boca.

Impetigo não-bolhosoImpetigo não-bolhoso

2. Impetigo bolhoso

  • Pequenas feridas vermelhas semelhantes a picadas;
  • Lesões que evoluem rapidamente para bolhas com líquido amarelado;
  • Coceira e vermelhidão na pele em volta das bolhas;
  • Surgimento de crostas amarelas;
  • Febre acima de 38º C. mal-estar geral e falta de apetite.

O impetigo bolhoso é o segundo tipo mais comum e desenvolve-se nos braços, pernas, peito e barriga, sendo raro no rosto.

3. Ectima

  • Feridas abertas com pús;
  • Surgimento de crostas grandes e amareladas;
  • Vermelhidão em volta das crostas.

Este é o tipo de impetigo mais grave porque afeta as camadas mais profundas da pele, especialmente nas pernas e pés. Dessa forma, o tratamento é mais demorado e pode deixar pequenas cicatrizes na pele.

Impetigo leveImpetigo leve

Como é feito o tratamento

O tratamento para esta doença deve ser orientado por um pediatra, no caso de bebês e crianças, ou por um dermatologista, no caso de adultos, mas normalmente é feito com a aplicação de pomadas antibióticas sobre a lesão.

Em alguns casos, pode ser necessário amolecer as crostas com água morna antes de aplicar a pomada para melhorar os efeitos do tratamento. Saiba quais os remédios mais usados e o que deve fazer para assegurar o tratamento adequado do impetigo.

Nos casos em que o tratamento não apresenta efeito, o médico pode ainda pedir exames laboratoriais para identificar o tipo de bactéria que está provocando a doença e adaptar o antibiótico utilizado.

Causas e Transmissão do Impetigo 

O impetigo é causado pelas bactérias Streptococcus pyogenes ou Staphylococcus aureus que afetam as camadas mais superficiais da pele, e qualquer pessoa pode desenvolver a doença, por mais saudável que seja. Essas bactérias habitam normalmente na pele, mas uma picada de inseto, corte ou arranhão pode fazer com que alcancem as camadas mais internas causando infecção.

Esta doença de pele é muito contagiosa porque as bactérias são facilmente transmitidas através do contato com o pús liberado pelas lesões. Assim, é aconselhado que a criança, ou o adulto, fique em casa até 2 dias após iniciar o tratamento, para evitar contagiar outras pessoas.

Além disso, durante o tratamento é muito importante ter alguns cuidados como:

  • Não partilhar lençóis, toalhas ou outros objetos que estejam em contato com área afetada;
  • Manter as feridas cobertas por uma gaze limpa ou roupa;
  • Evitar mexer ou cutucar as feridas, lesões ou crostas;
  • Lavar as mãos frequentemente, especialmente antes de entrar em contato com outras pessoas;

Além disso, no caso dos bebês e crianças é muito importante deixá-los brincar apenas com brinquedos laváveis, pois devem ser lavados 48 horas após o inicio do tratamento para evitar que a infecção volte a surgir devido a bactérias que fiquem na superfície dos brinquedos.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...