Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é o volvo intestinal e como identificar

O nó no intestino, conhecido como torção, vôlvulo ou volvo, é um problema grave em que há a torção de parte do intestino, provocando a sua obstrução e impedindo a passagem de fezes e do fluxo sanguíneo para o local, o que pode causar a morte da região afetada.

Esta alteração pode acontecer em qualquer lugar do intestino, embora seja mais comum na parte final do intestino grosso, e costuma provocar sintomas como náuseas, vômitos, dor na barriga, prisão de ventre e inchaço abdominal.

O volvo intestinal surge principalmente em crianças e idosos, devido a causas como alterações congênitas na forma do intestino, tumores intestinais ou aderências causadas após cirurgias ou inflamações, por exemplo. Em caso de suspeita deste problema, é aconselhado ir imediatamente para o hospital para fazer exames que possam identificar o problema e iniciar o tratamento, que normalmente é feito com cirurgia.

O que é o volvo intestinal e como identificar

Principais sintomas

Os principais sintomas do volvo intestinal estão relacionados, principalmente, à obstrução causada no intestino, e incluem:

  • Dor abdominal tipo cólica;
  • Náuseas e vômitos;
  • Incapacidade de eliminar fezes ou gases;
  • Inchaço da barriga;
  • Tonturas;
  • Febre.

A intensidade e quantidade dos sintomas depende do local da torção e do tamanho da região afetada, havendo uma intensa inflamação abdominal, que piora com o tempo e, caso não seja rapidamente identificada e tratada, pode colocar a vida da pessoa em risco. 

O que pode causar a torção

Nem sempre é possível identificar a causa deste problema, no entanto, as mais comuns são:

  • Alterações genéticas da forma do intestino;
  • Adesões intestinais provocadas por cirurgia abdominal ou infecção;
  • Tumor no intestino;
  • Constipação crônica.

Além disso, as pessoas que sofrem de disfunções no trânsito intestinal, seja acelerado ou lentificado, apresentam maior risco de desenvolver esta alteração. Desta forma, algumas formas de evitar o surgimento de uma torção incluem beber cerca de 2 litros de água por dia, manter uma alimentação saudável e fazer exercício físico regular, pois são formas de manter o hábito intestinal regularizado. 

O que é o volvo intestinal e como identificar

Como confirmar o diagnóstico

O volvo intestinal pode ser confirmado através da avaliação médica em conjunto com realização de alguns exames como radiografia abdominal ou tomografia computadorizada do abdômen.

Além disso, o médico também pode pedir um enema opaco, que é um exame específico que utiliza contraste para observar todo o trajeto do intestino e identificar possíveis problemas no trajeto intestinal, como acontece nestes casos. Entenda como funciona este exame.

Como é feito o tratamento

O nó intestinal é uma emergência médica, e deve ser tratada rapidamente no hospital. A forma de tratamento mais utilizada é um procedimento cirúrgico chamado de colonoscopia descompressiva, capaz de desfazer a torção e permitir que o sangue e as fezes voltem a passar normalmente. 

Porém, nos casos mais graves, em que a torção é difícil de desfazer ou o intestino sofreu um infarto devido à falta de sangue, o médico pode optar por fazer uma cirurgia clássica com um corte na barriga para remover a parte do órgão que está morrendo.

Nestes casos, se a porção removida for muito grande, pode ser necessário fazer uma colostomia, que consiste numa ligação permanente do intestino à pele da barriga para permitir a saída de fezes. Veja o que é e como cuidar de uma colostomia.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar