Somos REDE D'OR
icon de informação icon de telefone 3003-3230
Número disponível apenas em território brasileiro, com custo de chamada local.

Síndrome do intestino irritável: o que é, sintomas, causas e tratamento

Revisão médica: Dr.ª Clarisse Bezerra
Médica de Saúde Familiar
janeiro 2023
  1. Sintomas
  2. Teste online
  3. Diagnóstico
  4. Causas
  5. Tratamento

A síndrome do intestino irritável é um distúrbio gastrointestinal que provoca sintomas como dor na barriga, excesso de gases, prisão de ventre e diarreia. Os sintomas da síndrome do intestino irritável, também chamada de SII, podem piorar com situações como estresse, ansiedade e o consumo de alguns alimentos e bebidas.

A causa exata da síndrome do intestino irritável ainda não é conhecida, mas alguns fatores podem aumentar o risco de inflamação do intestino e causar os sintomas, como estresse, infecção intestinal e alergia alimentar, por exemplo, sendo importante que o gastroenterologista seja consultado.

Apesar de não ter cura, a síndrome do intestino irritável pode ser controlada com mudanças na alimentação e diminuição do estresse, por exemplo. Além disso, o gastroenterologista também pode indicar o uso de remédios, como laxantes, antidepressivos e antidiarreicos para aliviar os sintomas dessa síndrome.

Imagem ilustrativa número 1

Principais sintomas

Os principais sintomas da síndrome do intestino irritável são:

  • Pontadas na barriga, que melhoram depois de defecar e que duram pelo menos uma vez por semana;
  • Excesso de gases;
  • Diarreia;
  • Prisão de ventre;
  • Fezes com muco.

É importante lembrar que é possível que nem todos os sintomas estejam presentes ao mesmo tempo. Além disso, podem haver dias em que os sintomas piorem e outros em que melhorem ou até mesmo desapareçam.

Teste online de síndrome do intestino irritável

Para saber se tem o risco de estar com síndrome do intestino irritável, selecione os sintomas que apresenta no teste a seguir:

  1. 1.Dor abdominal ou cólicas frequentes
  2. 2.Sensação de barriga inchada
  3. 3.Produção exagerada de gases intestinais
  4. 4.Períodos de diarreia, intercalados com prisão de ventre
  5. 5.Aumento do número de evacuações por dia
  6. 6.Fezes com secreção gelatinosa

O teste de sintomas é apenas uma ferramenta de orientação, não servindo como diagnóstico e nem substituindo a consulta com o gastroenterologista.

Como confirmar o diagnóstico

O diagnóstico da síndrome do intestino irritável deve ser feito pelo gastroenterologista, que avalia principalmente o histórico de saúde e os sinais e sintomas apresentados pela pessoa.

Apesar de não haver um exame específico para confirmar o diagnóstico, o gastroenterologista também pode solicitar alguns exames, como estudo das fezes, colonoscopia, tomografia computadorizada ou exame de sangue, para excluir outras doenças gastrointestinais, como colite ou doença inflamatória intestinal, por exemplo.

Possíveis causas

Ainda não se conhece a causa exata para o desenvolvimento da síndrome do intestino irritável. No entanto, acredita-se que seja multifatorial e esteja relacionada a alterações no eixo cérebro-intestino, um eixo que representa a ligação entre o cérebro e o intestino, e que influencia o funcionamento intestinal.

Por isso, alguns fatores de risco que estão relacionados com o surgimento da síndrome do intestino irritável são:

  • Estresse;
  • Ansiedade;
  • Depressão;
  • Alergias ou intolerâncias alimentares;
  • Infecção intestinal.

No entanto, os sintomas da síndrome do intestino irritável também podem surgir sem nenhuma causa específica.

Como é o tratamento

O tratamento da síndrome do intestino irritável deve ser feito sob a orientação de um gastroenterologista e um nutricionista, e tem o objetivo de aliviar os sintomas e melhorar a qualidade de vida da pessoa. Assim, os principais tratamentos que podem ser indicados são:

1. O que comer

Os alimentos que ajudam a prevenir e aliviar os sintomas da síndrome do intestino irritável são:

  • Frutas, como tangerina, mamão, melão e uvas;
  • Legumes e verduras, como abóbora, cebolinha, cenoura e pepino;
  • Laticínios sem lactose, como leite sem lactose e iogurte sem lactose;
  • Proteínas, como carne, peixe, ovos ou frango;
  • Oleaginosas, como amendoim, pinhão e nozes;
  • Tubérculos, como aipim, inhame, batata e batata doce.

Manter uma alimentação saudável e variada é fundamental para evitar o agravamento dos sintomas da síndrome do intestino irritável. Veja outras dicas do que comer e o que evitar na síndrome do intestino irritável.

Além disso, fazer uma dieta pobre em FODMAPs, que consiste na eliminação de alimentos com alto teor de frutose, lactose, fruto-oligossacarídeos e galacto-oligossacarídeos e álcoois de açúcar, como beterraba, maçã, e mel, por exemplo, ajuda a controlar e evitar os sintomas dessa síndrome. Veja como fazer a dieta FODMAP.

2. Remédios

O uso de remédios, como analgésicos, laxantes e antidepressivos, podem ser indicados pelo gastroenterologista para aliviar os sintomas dessa doença. Conheça outros remédios indicados para tratar a síndrome do intestino irritável.

Além disso, o uso de probióticos, microrganismos vivos que, em quantidades adequadas, ajudam a equilibrar a flora intestinal, também pode ser recomendado para aliviar os sintomas da síndrome do intestino irritável.

3. Psicoterapias

A terapia cognitiva comportamental é um tipo de psicoterapia que pode ser indicado especialmente para aliviar os sintomas da síndrome do intestino irritável em pessoas com estresse, ansiedade ou depressão.

A hipnoterapia, uma técnica que induz a pessoa a um estado de profundo relaxamento, é recomendada pela Organização Mundial de Gastroenterologia para ajudar no alívio das dores e melhorar a qualidade de vida da pessoa com síndrome do intestino irritável.

Confira mais dicas sobre o tratamento da síndrome do intestino irritável no vídeo a seguir:

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcela Lemos - Biomédica, em janeiro de 2023. Revisão médica por Dr.ª Clarisse Bezerra - Médica de Saúde Familiar, em novembro de 2020.

Bibliografia

  • NÚCLEO DE NEUROGRASTRENTEROLOGIA E MOTILIDADE DIGESTIVA. Síndrome do intestino irritável do diagnóstico à terapêutica. 2021. Disponível em: <https://nmd.com.pt/wp-content/uploads/2021/04/livrosii.pdf>. Acesso em 05 jul 2022
  • SOCIEDADE BRASILEIRA DE MOTILIDADE DIGESTIVA E NEUROGASTROENTEROLOGIA. Síndrome do Intestino Irritável (SII). Disponível em: <http://www.sbmdn.org.br/sindrome-do-intestino-irritavel-sii/>. Acesso em 05 jul 2022
Mostrar bibliografia completa
  • FEDERAÇÃO BRASILEIRA DE GASTROENTEROLOGIA. Síndrome do intestino irritável. Disponível em: <https://campanhas.fbg.org.br/sindrome-do-intestino-irritavel/>. Acesso em 05 jul 2022
  • Tatiana Filipa Santos Bastos. Síndrome do Intestino Irritável e Dieta com restrição de FODMAPs. Trabalho Final de Mestrado Integrado em Medicina, 2016. Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa.
Revisão médica:
Dr.ª Clarisse Bezerra
Médica de Saúde Familiar
Formada em Medicina pelo Centro Universitário Christus e especialista em Saúde da Família pela Universidade Estácio de Sá. Registro CRM-CE nº 16976.

Tuasaude no Youtube

  • 7 DICAS PARA ACALMAR O SEU INTESTINO IRRITÁVEL

    12:24 | 18113 visualizações
  • 3 principais doenças que causam DIARREIA

    07:01 | 30293 visualizações