Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Sintomas da Doença Inflamatória Pélvica

A doença inflamatória pélvica ou DIP é uma infecção localizada nos órgãos reprodutores da mulher, como útero, tubas uterinas e ovários que pode causar danos irreversíveis para a mulher, como a infertilidade, por exemplo. Essa doença acontece mais em mulheres jovens sexualmente ativas, com múltiplos parceiros sexuais, que já realizaram procedimentos uterinos, como curetagem ou histeroscopia, ou que possuem história anterior de DIP. Entenda mais sobre a doença inflamatória pélvica.

Sintomas da Doença Inflamatória Pélvica

Principais sintomas

Os principais sintomas da doença inflamatória pélvica são:

  • Dor no abdome e na região pélvica;
  • Corrimento vaginal;
  • Enjoo;
  • Vômito;
  • Febre;
  • Calafrios;
  • Dor durante o contato íntimo;
  • Dor na parte inferior das costas;
  • Menstruação irregular;
  • Sangramento fora do período menstrual.

Os sintomas da DIP nem sempre são todos sentidos pela mulher, pois por vezes a doença inflamatória pélvica pode não apresentar sintomas. Assim que forem observados sintomas, deve-se ir ao ginecologista para que o diagnóstico seja confirmado e o tratamento iniciado, que geralmente é feito com antibióticos. Saiba como é feito o tratamento para a doença inflamatória pélvica.

Caso não seja tratada adequadamente, a doença inflamatória pélvica pode evoluir e causar complicações, como formação de abscessos, gravidez ectópica e infertilidade.

Como confirmar a doença

O diagnóstico da doença inflamatória pélvica é feito a partir da observação e análise dos sintomas pelo ginecologista, além de outros exames que podem ser solicitados, como a ultrassonografia pélvica ou transvaginal, tomografia computadorizada, ressonância magnética ou laparoscopia, que é o exame que costuma confirmar a doença. Veja quais são os 7 principais exames recomendados pelo ginecologista.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...
Fechar