Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Remédios para dor de barriga: o que tomar

Os remédios para dor de barriga, como o Diasec ou o Diarresec, por exemplo, ajudam a diminuir os movimentos do intestino e, por isso, podem ser utilizados para ajudar a aliviar a dor de barriga, especialmente quando associada a diarreia.

No entanto, é sempre importante que se descubra a causa da dor de barriga e da diarreia já que, se forem sintomas de infecção intestinal, o ideal é permitir que a diarreia continue para que o corpo consiga eliminar a infecção através das fezes. Nestas situações, o objetivo em vez de ser usar remédios para parar a diarreia deve ser de manter o organismo corretamente hidratado, o que pode ser feito com a ingestão de soro caseiro ao longo do dia. Confira a receita para fazer soro caseiro em casa.

Além dos remédios e da hidratação, é ainda importante tentar fazer uma alimentação leve, optando por frutas descascadas ou cozinhadas, canja e mingaus, por exemplo.

Remédios para dor de barriga: o que tomar

Lista de remédios para dor de barriga

Para tratar a dor de barriga, o médico pode indicar o uso de diferentes tipos de remédios, mas geralmente o tratamento inclui um ou mais destes medicamentos:

  • Antidiarreicos: são usados para parar a diarreia e incluem substâncias como a loperamida ou racecadotril, que pode ser comprados com os nomes Diasec ou Diarresec ou Tiorfan;
  • Antiespasmódicos: permitem diminuir os espasmos dos músculo do estômago e intestino e ajudam a aliviar a sensação de cólica. Alguns exemplos são a butilescopolamina, mebeverina ou tiropramida, comercialmente conhecidos por Buscopan​, Duspatal ou Maiorad, por exemplo;
  • Antiflatulentos: ajudam a absorver o excesso de gases, como carvão vegetal ativado ou Simeticona;
  • Antibióticos: só podem ser usados com orientação do médico e servem para combater infecções intestinais causadas por bactérias;
  • Probióticos: geralmente são recomendados pararegular a flora do intestino e aumentar as defesas do organismo. Confira alguns exemplos de probióticos e como tomar;
  • Anti-inflamatórios intestinais: ajudam a diminuir a inflamação das paredes do intestino e geralmente são usados quando a dor é provocada por um doença intestinal inflamatória, como a doença de Crohn. Um exemplo é a mesalazina.

Embora existam vários remédios que podem ser usados para tratar a dor de barriga, isso não significa que sejam todos utilizados ao mesmo tempo, já que nem todos se adequam a cada caso. Dessa forma, é sempre importante consultar o médico, especialmente se a dor demorar mais de 2 dias para melhorar, ou caso se intensifique.

Estes remédios são usados até tratar a diarreia, que pode demorar entre 3 dias a 1 semana e, muitas vezes associado à dor de barriga, a pessoa pode ainda ter náuseas e vômitos que precisam ser tratados com outros medicamentos, como os antieméticos, por exemplo.

Opções naturais para aliviar a dor

Quando se está no primeiro dia, ou quando o médico não receitou qualquer tipo de medicamento, por se tratar de um caso leve, por exemplo, existem algumas opções naturais que podem ajudar:

  • Fazer uma papa de banana e alfarroba: estes alimentos são ricos em pectina, que ajudam a solidificar as fezes líquidas da diarreia, melhorando a dor. Veja como preparar este e outros remédios naturais para diarreia;
  • Fazer soro caseiro, pois é uma das melhores formas de se manter hidratado em situações de diarreia intensa;
  • Preparar um suco de maçã: pois a maçã ajuda a acalmar e a melhorar o funcionamento do intestino.

Assista ao vídeo para saber como fazer soro caseiro:

Remédios para bebês e crianças

Geralmente, para tratar a dor de barriga de bebês ou crianças pode-se usar os mesmos remédios para o adulto, no entanto, apenas após indicação do pediatra, pois depende da idade da criança e as quantidades variam com o peso, sendo geralmente sob a forma de xarope ou gotas. Remédios com Loperamida não são indicados para crianças de qualquer idade.

Além disso, o risco de desidratação é mais elevado e, por isso, é fundamental aumentar a ingestão de líquidos como sucos, chás, água ou soro caseiro, além de fazer uma alimentação leve. Saiba mais sobre o que a criança deve comer em situações de diarreia.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem