11 remédios para ouvido inflamado (e como usar)

Alguns remédios para ouvido inflamado, como o cetoprofeno, a dexametasona ou a dexbronfeniramina + pseudoefedrina, ajudam a reduzir a inflamação e aliviar os sintomas como dor ou desconforto no ouvido, causados por otite externa ou média.

Além disso, caso a inflamação no ouvido tenha sido causada por bactérias, o médico pode indicar o uso de antibióticos na forma de comprimidos ou gotas para aplicar no ouvido, como amoxicilina + clavulanato ou gentamicina, por exemplo.

O tratamento para o ouvido inflamado deve ser feito com indicação do otorrinolaringologista, que pode indicar o melhor remédio de acordo com o tipo e a causa da inflamação. Veja as principais causas de ouvido inflamado.

Imagem ilustrativa número 1

11 remédios para ouvido inflamado

Os principais remédios para ouvido inflamado são:

1. Cetoprofeno

O cetoprofeno é um anti-inflamatório e analgésico que diminui a inflamação do ouvido, sendo indicado para dor de ouvido causada por otites.

Esse remédio pode ser encontrado na forma de comprimidos de 50, 100 ou 150 mg, ou solução oral 20 mg/mL em gotas que devem ser tomados por via oral, durante uma refeição.

O cetoprofeno gotas orais pode ser usado por crianças a partir de 1 ano e os comprimidos devem ser tomados somente por adultos, sendo contraindicado na gravidez.

Como usar: a dose inicial para adultos é de 1 comprimido de 150 mg, 2 vezes por dia. Essa dose pode ser diminuída pelo médico para 1 comprimido de 150 mg por dia, de acordo com a melhora dos sintomas. Saiba como dar o cetoprofeno gotas para crianças.

2. Dexametasona

A dexametasona na forma de pomada dermatológica é um corticoide potente que pode ser indicado para otite externa, desde que não se tenha perfuração do tímpano.

Essa pomada pode ser encontrada com o nome Dexason 1 mg/g, e não deve ser usada nos casos de infecção por fungos no ouvido, herpes simples ou na gravidez.

Como usar: limpar e secar bem a parte externa do ouvido. Aplicar a pomada de dexametasona em um algodão, e passar nas paredes do canal auditivo externo, 2 ou 3 vezes por dia, conforme orientação do otorrinolaringologista. Veja como usar a pomada de dexametasona corretamente.

3. Amoxicilina + clavulanato

A amoxicilina + clavulanato é um antibiótico que pode ser indicado pelo otorrinolaringologista para o ouvido inflamado, no caso da otite média, causada por bactérias.

Esse remédio pode ser encontrado na forma de comprimidos ou suspensão oral, como genérico ou com os nomes comerciais Clavulin BD, Novamox ou Atak Clav, por exemplo.

Como usar: a dose normalmente recomendada para adultos ou crianças acima de 12 anos, é de 1 comprimido de amoxicilina 500 mg + clavulanato 125 mg, de 8 em 8 horas, ou 1 comprimido de amoxicilina 875 + clavulanato 125 mg, de 12 em 12 horas, conforme orientado pelo médico. Saiba como tomar a amoxicilina e amoxicilina + clavulanato.

4. Ciprofloxacino

O ciprofloxacino é um antibiótico de amplo espectro da classe das fluorquinolonas indicado para o tratamento de inflamação no ouvido causada por bactérias, como no caso da otite média.

Esse remédio é encontrado na forma de comprimidos de 500 mg, como genérico “cloridrato de ciprofloxacino”, ou com os nomes comerciais Cipro, Prolox ou Foritus, vendido mediante apresentação de receita médica.

O ciprofloxacino não deve ser usado por crianças, mulheres grávidas ou em amamentação ou por pessoas com histórico de problemas nos tendões causados pelo uso de fluoroquinolonas, ou que tenham miastenia gravis.

Como usar: o ciprofloxacino deve ser tomado por via oral, com um copo de água, antes ou após uma refeição, sendo que a dose normalmente recomendada para adultos é de 250 mg a 500 mg, 2 vezes por dia, ou conforme orientação médica. Saiba como tomar e posologia do ciprofloxacino.

5. Dexbronfeniramina + pseudoefedrina

A dexbronfeniramina + pseudoefedrina é um remédio para inflamação no ouvido indicado nos casos de otite média com secreção ou obstrução da trompa de Eustáquio. Veja as principais causas de secreção no ouvido.

Esse remédio pode ser encontrado na forma de cápsulas contendo 6 mg de maleato de dexbronfeniramina + 120 mg sulfato de pseudoefedrina, com o nome comercial Winter AP.

A dexbronfeniramina + pseudoefedrina não deve ser usada por crianças com menos de 12 anos, mulheres grávidas ou em amamentação, ou pessoas com glaucoma, problemas cardíacos, hipertireoidismo, diabetes ou que usam remédios inibidores da IMAO.

Como usar: a dose normalmente recomendada para adultos é de 1 cápsula, de 12 em 12 horas, ou conforme orientação médica. A cápsula deve ser tomada com um copo de água, e não se deve abrir, partir ou mastigar a cápsula.

6. Axetilcefuroxima

A axetilcefuroxima é um antibiótico da classe das cefalosporinas, indicada para eliminar bactérias como S. pneumoniae, H. influenzae, S. pyogenes e M. catarrhalis, ajudando a aliviar os sintomas da otite média bacteriana. Entenda o que é a otite média.

Esse remédio pode ser encontrado na forma de comprimidos para uso oral, como genérico “axecilcefuroxima” ou com os nomes comerciais Zinnat ou Mefex, por exemplo.

Como usar: a dose normalmente recomendada para adultos é de 1 comprimido de 500 mg de axetilcefuroxima, 1 vez por dia. Para crianças de 3 meses a 12 anos de idade, deve-se utilizar a suspensão oral de axetilcefuroxima e as doses devem ser calculadas pelo pediatra de acordo com o peso corporal da criança.

7. Gentamicina + betametasona

A gentamicina + betametasona é um remédio para inflamação no ouvido que ajuda a eliminar bactérias, além de reduzir a inflamação, sendo normalmente indicado nos casos de otite externa aguda ou crônica. Saiba identificar os sintomas da otite externa.

Esse remédio é encontrado na forma de gotas para pingar no ouvido contendo 3 mg/mL de sulfato de gentamicina + 1 mg/mL de fosfato dissódico de betametasona, com o nome comercial Garasone.

A gentamicina + betametasona pode ser usada por adultos ou crianças com mais de 8 anos, e é contraindicada nos casos de infecções por fungos no ouvido, ausência ou perfuração do tímpano, gravidez ou amamentação.

Como usar: limpar o canal auditivo externo cuidadosamente antes de aplicar as gotas otológicas. A dose recomendada para adultos é de 3 a 4 gotas no ouvido, 2 a 4 vezes por dia, ou conforme orientação do otorrinolaringologista.

8. Polimixina B + lidocaína

A polimixina B + lidocaína é um remédio para inflamação no ouvido que contém um antibiótico e anestésico que ajudam a eliminar bactérias e aliviar a dor causada por otite externa aguda.

Esse remédios é encontrado na forma de gotas para aplicar diretamente no ouvido contendo 12.000 UI/mL de sulfato de polimixina B + 45,4 mg/mL de lidocaína, com o nome comercial Lidosporin.

A polimixina B + lidocaína não deve ser usada na gravidez ou amamentação, ou por pessoas que tenham infecções por fungos, vírus, tuberculose ou herpes no ouvido, perfuração do tímpano ou otite média.

Como usar: limpar e secar o canal auditivo externo afetado. Não usar sabonete ou outros produtos para limpar o ouvido, pois pode inativar a polimixina B. A dose recomendada para adultos é de 3 ou 4 gotas aplicadas no ouvido afetado, 3 a 4 vezes por dia, ou conforme recomendação do otorrinolaringologista.

9. Clorfenesina

A clorfenesina + betametasona + cloridrato de tetracaína é um remédio para inflamação no ouvido causada por otites externa aguda ou crônica, devido a infecções por bactérias ou fungos, ou devido a dermatite seborreica, eczema alérgico e psoríase.

Esse remédio contém betametasona 1 mg/mL + clorfenesina 10 mg/mL + cloridrato de tetracaína 5 mg/mL, sendo encontrado na forma de gotas para aplicar no ouvido, com o nome comercial Oto Betnovate.

A clorfenesina + betametasona + cloridrato de tetracaína não deve ser usada durante a gravidez.

Como usar: a dose recomendada para adultos é de 3 a 4 gotas aplicadas no ouvido afetado, 3 a 4 vezes por dia, durante 7 a 10 dias, conforme indicação do otorrinolaringologista. Antes de aplicar as gotas, deve-se limpar cuidadosamente e secar bem o canal auditivo externo.

10. Fluocinolona acetonida

O remédio para inflamação no ouvido contendo fluocinolona acetonida + sulfato de polimixina B + neomicina + cloridrato de lidocaína é indicado para o tratamento da otite externa bacteriana.

Esse remédio age eliminando bactérias e reduzindo a dor causada pela otite externa, sendo encontrado na forma de gotas para aplicar no ouvido, com o nome comercial Otosylase.

A fluocinolona acetonida + polimixina B + neomicina + lidocaína não deve ser usada na gravidez ou amamentação, assim como nos casos de otite causada por fungos, vírus ou herpes simples, ou perfuração no tímpano.

Como usar: a dose para adultos é de 3 ou 4 gotas aplicadas no ouvido, 2 a 4 vezes por dia, conforme orientação do otorrinolaringologista.

11. Hialuronidase

O remédio para inflamação com hialuronidase, contém outras substâncias como lidocaína e neomicina, sendo indicado nos casos de otite média, pois tem ação analgésica e antibacteriana.

Esse remédio é encontrado na forma de gotas para aplicar no ouvido, com o nome comercial Oto-Xilodase e não deve ser usado para otite causada por fungos ou durante a gravidez ou amamentação.

Como usar: a dose recomendada para adultos é de 5 a 10 gotas no ouvido afetado, de 1 a 4 vezes por dia, até o desaparecimento da dor e da infecção, conforme indicação do otorrinolaringologista. Veja também os remédios para dor de ouvido.

Remédio caseiro para ouvido inflamado

Alguns remédios caseiros para inflamação no ouvido causada por otite externa, como o óleo essencial de verbasco ou a compressa de alho e azeite, podem ajudar a reduzir a inflamação, aliviando os sintomas de dor ou desconforto.

Esses remédios caseiros podem ser usados para complementar o tratamento indicado pelo otorrinolaringologista, e devem ser usados com recomendação médica. Veja todas as opções de remédios caseiros para otite.

Vídeos relacionados