Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Cetoprofeno: para que serve e como usar

O cetoprofeno é um medicamento anti-inflamatório, também comercializado com o nome Profenid, que age diminuindo a inflamação, as dores e a febre. Este remédio está disponível em xarope, gotas, gel, solução injetável, supositórios, cápsulas e comprimidos.

O cetoprofeno pode ser comprado em farmácias por um preço que pode variar em função da forma farmacêutica prescrita pelo médico e da marca, existindo ainda a possibilidade da pessoa optar também pelo genérico.

Cetoprofeno: para que serve e como usar

Como usar

A posologia depende da forma farmacêutica:

1. Xarope 1mg/mL

A dose recomendada é de 0,5 mg/kg/dose, administrada 3 a 4 vezes ao dia, sendo que a dose máxima não deve exceder 2mg/kg. O período de tratamento é geralmente de 2 a 5 dia.

2. Gotas 20 mg/mL

A dose recomendada depende da idade:

  • Crianças com idade entre 1 e 6 anos: 1 gota por kg a cada 6 ou 8 horas;
  • Crianças com idade entre 7 e 11 anos: 25 gotas a cada 6 ou 8 horas;
  • Adutos ou crianças com mais de 12 anos: 50 gotas a cada 6 a 8 horas.

A segurança e eficácia do uso de Profenid gotas em crianças abaixo de 1 ano de idade ainda não foram estabelecidas. 

3. Gel 25 mg/g

O gel deve ser aplicado sobre o local dolorido ou inflamado, 2 a 3 vezes ao dia, massageando levemente por alguns minutos. A dose diária total não deve exceder 15 g por dia e a duração do tratamento não deve exceder uma semana. 

4. Solução injetável 50 mg/mL

A administração do injetável deve ser realizada por um profissional de saúde e a dose recomendada é de 1 ampola por via intramuscular, 2 ou 3 vezes ao dia. Não se deve exceder a dose máxima diária de 300 mg.

5. Supositórios 100 mg

O supositório deve ser inserido na cavidade anal depois de lavar bem as mãos, sendo que a dose recomendada é de um supositório à noite e outro de manhã. Não se deve exceder a dose máxima de 300 mg ao dia.

6. Cápsulas 50 mg

As cápsulas devem ser ingeridas sem mastigar, com quantidade suficiente de líquido, de preferência durante ou logo após as refeições. A dose recomendada é de 2 cápsulas, 2 vezes ao dia ou 1 cápsula, 3 vezes ao dia. Não se deve exceder a dose máxima diária recomendada de 300 mg. 

7. Comprimidos de desintegração lenta 200 mg

Os comprimidos devem ser ingeridos sem mastigar, com quantidade suficiente de líquido, de preferência durante ou logo após as refeições. A dose recomendada é de 1 comprimido de 200 mg, pela manhã ou à noite. Não deve ser ingerido mais do que 1 comprimido por dia. 

8. Comprimidos revestidos 100 mg

Os comprimidos devem ser ingeridos sem mastigar, com quantidade suficiente de líquido, de preferência durante ou logo após as refeições. A dose recomendada é de 1 comprimido de 100 mg, duas vezes ao dia. Não devem ser ingeridos mais do que 3 comprimidos por dia.

9. Comprimidos de 2 camadas 150 mg

Para o tratamento de ataque, a dose recomendada é de 300 mg (2 comprimidos) por dia, divididos em 2 administrações. A posologia pode ser diminuída para 150 mg/dia (1 comprimido), em dose única, não se devendo exceder a dose máxima diária de 300 mg.

Cetoprofeno: para que serve e como usar

Quem não deve usar

O cetoprofeno de ação sistêmica não deve ser usado em pessoas com hipersensibilidade a qualquer um dos componentes do medicamento, pessoas com úlcera no estômago, sangramento ou perfuração gastrointestinal, relacionada ao uso de AINES e com insuficiência severa do coração, fígado ou rins. Os supositórios, além de serem contraindicados nas situações anteriores, também não devem ser usados em pessoas com inflamação do reto ou antecedentes de sangramento retal.

Além disso, também não deve ser usado em grávidas ou mulheres que estejam a amamentar e em crianças. O Xarope pode ser usado em crianças, mas não deve ser usado em crianças com menos de 6 meses de idade e a solução oral em gotas só deve ser usada em crianças com mais de 1 ano.

O cetoprofeno em gel também não deve ser usado em pessoas com hipersensibilidade aos componentes da fórmula, pessoas com histórico de sensibilidade exagerada da pele à luz, perfumes, protetores solares, entre outros. Além disso, também não deve ser usado em grávidas e crianças.

Possíveis efeitos colaterais

Alguns dos efeitos colaterais mais comuns que podem ocorrer durante o tratamento com Profenid se ação sistêmica são dor de cabeça, vertigem, sonolência, má digestão, náusea, dor abdominal, vômito, erupção cutânea e coceira.

Os efeitos colaterais mais comuns que podem ocorrer com o uso do gel são vermelhidão, coceira e eczema.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem