Somos REDE D'OR
icon de informação icon de telefone 3003-3230
Número disponível apenas em território brasileiro, com custo de chamada local.

7 remédios para aliviar a dor de dente

Revisão médica: Dr.ª Clarisse Bezerra
Médica de Saúde Familiar
janeiro 2023

Alguns remédios, como os anti-inflamatórios e os analgésicos são uma boa opção para aliviar a dor de dente, pois são capazes de atuar no local da dor, criando uma ação anestesiante ou diminuindo a inflamação. 

No entanto, este tipo de remédios não trata a causa da dor de dente, especialmente se existir cárie ou uma infecção, o que faz com que os sintomas possam ser atenuados, mas a inflamação continue se agravando. Assim, os remédios só devem ser utilizados com orientação do médico ou quando não existir suspeita de um problema mais grave, como acontece no nascimento dos dentes do siso.

Nos casos em que a dor é muito intensa ou não melhora após 2 dias, mesmo com o uso dos remédios, é aconselhável consultar um dentista para avaliar o dente afetado e iniciar o tratamento mais adequado, que pode incluir o uso de antibióticos, por exemplo.

Imagem ilustrativa número 1

Principais medicamentos para dor de dente

Os principais remédios que podem ser utilizados para tratar a dor de dente são:

1. Paracetamol

O paracetamol é um analgésico que pode ser usado para dor de dente leve a moderada e pode ser encontrado na forma de comprimidos ou de solução em gotas. As doses de paracetamol que podem ser utilizadas para dor de dente são: 

  • Paracetamol comprimido revestido de 500 mg: a dose recomendada para adultos é de 1 a 2 comprimidos, 3 a 4 vezes ao dia, antes ou após as refeições. A dose máxima por dia é de 8 comprimidos de paracetamol 500 mg;
  • Paracetamol comprimido revestido de 750 mg: a dose recomendada para adultos é de 1 comprimido, 3 a 5 vezes ao dia, antes ou após as refeições. A dose máxima por dia é de 5 comprimidos de paracetamol 750 mg;
  • Paracetamol gotas: a dose recomendada para adultos é de 35 a 55 gotas, a cada 4 a 6 horas, no período de 24 horas. A dose máxima por dia de paracetamol é de 275 gotas tomada em doses divididas de no máximo 55 gotas.

O paracetamol pode ser comprado sem receita, no entanto, recomenda-se consultar o dentista antes de comprar, pois não deve ser usado por quem tem doença no fígado ou rins ou alergia ao paracetamol. 

2. Dipirona

A dipirona é outro analgésico indicado para dor de dente leve a moderada e pode ser encontrado na forma de comprimido ou de solução em gotas. As doses recomendadas de dipirona são: 

  • Dipirona comprimido de 500 mg: a dose recomendada para adultos é de 1 a 2 comprimidos até 4 vezes ao dia;
  • Dipirona solução oral 500 mg/mL: a dose recomendada para adultos é de 20 a 40 gotas por dia, no máximo 4 vezes ao dia.

A dipirona é contra indicada para bebês com menos de 3 meses de idade ou que pesam menos de 5 Kg, nos 3 primeiros e 3 últimos meses de gravidez, e por pessoas que têm alergia a dipirona.

3. Ibuprofeno

O ibuprofeno é um anti-inflamatório indicado para o alívio da dor de dente que age reduzindo a produção de substâncias que causam a inflamação e também atua como analgésico, reduzindo a dor de dente. 

Este anti-inflamatório pode ser encontrado na forma de comprimido e a dose usada para dor de dente é de 1 ou 2 comprimidos de 200 mg de 8 em 8 horas, após as refeições. A dose máxima por dia é 3.200 mg que corresponde até 5 comprimidos por dia.

O ibuprofeno não deve ser usado por pessoas que têm alergia ao ibuprofeno e em casos de gastrite, úlcera gástrica, sangramento gastrointestinal, asma ou rinite. O ideal é fazer um aconselhamento com o dentista para garantir o uso seguro do ibuprofeno.

Além disso, o ibuprofeno não deve ser usado por mulheres grávidas ou em amamentação e por bebês menores de 6 meses de idade. 

4. Naproxeno

O naproxeno, assim como o ibuprofeno, é um anti-inflamatório que tem ação analgésica, que age diminuindo a dor de dente. Pode ser encontrado na forma de comprimidos em duas doses diferentes que incluem:

  • Naproxeno comprimidos revestidos de 250 mg: a dose recomendada para adultos é de 1 comprimido de 250 mg, 1 a 2 vezes por dia. A dose máxima por dia é de 2 comprimidos de 250 mg.
  • Naproxeno comprimidos revestidos de 500 mg: a dose recomendada para adultos é de 1 comprimido de 500mg, 1 vez ao dia. A dose máxima por dia é de 1 comprimido de 500 mg.

O naproxeno é contra indicado para pessoas que já fizeram cirurgia cardíaca, mulheres grávidas ou em amamentação, crianças com menos de 2 anos de idade e em casos de doenças no estômago como gastrite ou úlcera gástrica.

É importante consultar o dentista antes de tomar o naproxeno para que possa ser avaliada qualquer contra indicação para seu uso.

5. Ácido acetilsalicílico 

O ácido acetilsalicílico, mais conhecido como aspirina, é um anti-inflamatório que pode ser usado para dor de dente pois reduz a produção de substâncias que causam a inflamação, além de ter ação analgésica reduzindo a dor. Pode ser encontrado na forma de comprimidos de 500 mg e a dose recomendada para adultos é de 2 comprimidos a cada 8 horas ou 1 comprimido a cada 4 horas, após a alimentação. Não se deve tomar mais de 8 comprimidos por dia.

A aspirina não deve ser usada por grávidas, crianças com menos de 12 anos ou por pessoas com problemas no estômago ou no intestino, como gastrite, colite, úlcera ou sangramentos. Além disso, pessoas que usam regularmente a aspirina como anticoagulante ou a varfarina não devem tomar a aspirina para o tratamento da dor de dente.

Esse anti-inflamatório é vendido em farmácias e drogarias e pode ser comprado sem receita, no entanto, é aconselhado consultar o dentista para garantir o uso seguro.

6. Diclofenaco sódico

O diclofenaco sódico é um agente anti-inflamatório, analgésico e antipirético que pode ser utilizado para diminuir a dor de dente, pois atua inibindo a produção de substâncias responsáveis pela dor de origem inflamatória.

Esse medicamento pode ser encontrado em farmácias convencionais na forma de comprimido, e a dose recomendada para a dor de dente é de 1 comprimido de 50 mg por via oral, a cada 8 a 12 horas, ou 1 comprimido de 75 mg 1 a 2 vezes por dia, dependendo da intensidade da dor. Não deve-se exceder a dose máxima diária de 150 mg e é recomendado tomar o diclofenaco sódico antes das refeições.

O diclofenaco sódico não deve ser utilizado por mulheres grávidas ou em períodos de lactância, e nem por pessoas que tenham úlcera gástrica, colite ulcerativa, doença de Crohn, alterações hepáticas graves, dor nos rins ou coração, ou pressão alta. Também deve ser evitado por pessoas alérgicas aos AINES e aquelas que estão fazendo tratamento com anticoagulantes como a varfarina, já que pode aumentar o risco de hemorragias.

Veja mais sobre o diclofenaco sódico.

7. Antibióticos

O uso de antibióticos para aliviar a dor de dente está indicado nos casos em que foi confirmado pelo dentista a existência de infecção, sendo necessário o uso desse tipo de medicamento para promover a eliminação do agente infeccioso e, assim, aliviar os sintomas e prevenir complicações.

Por isso, é importante estar atento a outros sintomas como inchaço, enrijecimento de alguma parte da boca, presença de pus, mau hálito e dor intensa no dente, já que podem ser indicativos de infecção.

O que fazer em caso de dor de dente intensa

Para diminuir a dor de dente intensa, podem ser utilizados medicamentos anti-inflamatórios e analgésicos, como dipirona, naproxeno, ibuprofeno ou diclofenaco, por exemplo.

No entanto, o alívio da dor só ocorrerá de forma transitória, já que esses medicamentos não tratam a causa da dor no dente. Por isso, o mais recomendado é que o dentista seja consultado para que seja feita uma avaliação e seja indicado o tratamento mais adequado de acordo com a causa de dor no dente. Veja as principais causas de dor de dente.

Além disso, caso a dor aconteça devido à presença de infecção, o dentista pode indicar o uso de antibióticos.

Medicamentos na gravidez

No caso da dor de dente na gravidez, o único remédio recomendado é o paracetamol, que é um analgésico muito utilizado durante a gestação para aliviar a dor. No entanto, recomenda-se entrar em contato com o obstetra que faz o acompanhamento pré-natal para garantir o uso seguro e na dose correta durante a gravidez.

Remédios caseiros para dor de dente

Alguns remédios caseiros podem ajudar a aliviar a dor de dente como o cravo da índia, a hortelã ou o alho, por exemplo, pois possuem propriedades analgésicas ou anti-inflamatórias. Confira todas as opções de remédios caseiros aliviar a dor de dente

Além disso, em caso de dor no dente, é recomendado evitar o consumo de bebidas ou alimentos muito frios ou muito quentes, já que podem aumentar a sensação de dor. Também não é recomendado consumir alimentos muito duros e nem mascar chiclete, pois podem piorar a dor e aumentar o risco de quebrar o dente.

Quando ir ao dentista

É recomendado consultar o dentista sempre que surgir dor de dente, porém, as situações que necessitam de mais atenção incluem:

  • Dor que não melhora após 2 dias;
  • Surgimento de febre acima de 38ºC;
  • Desenvolvimento de sintomas de infecção, como inchaço, vermelhidão ou alterações no paladar;
  • Dificuldade para respirar ou engolir.

Quando a dor de dente não é tratada de forma adequada pode causar infecção, havendo a necessidade de tomar antibióticos. Por isso, no caso de não ter melhora com o uso dos remédios para dor de dente, deve-se consultar o dentista e fazer o tratamento mais adequado.

Veja no vídeo a seguir algumas dicas para evitar a dor de dente:

Esta informação foi útil?

Atualizado por Manuel Reis - Enfermeiro, em janeiro de 2023. Revisão médica por Dr.ª Clarisse Bezerra - Médica de Saúde Familiar, em janeiro de 2023.

Bibliografia

  • DRUGS.COM. Naproxen Information from Drugs.com. Disponível em: <https://www.drugs.com/>. Acesso em 11 nov 2020
  • DRUGS.COM. Aspirin Information from Drugs.com. Disponível em: <https://www.drugs.com/>. Acesso em 11 nov 2020
Mostrar bibliografia completa
  • NHS. Toothache. Disponível em: <https://www.nhs.uk/conditions/toothache/>. Acesso em 11 nov 2020
  • DRUGS.COM. Benzocaine Topical Information from Drugs.com. Disponível em: <https://www.drugs.com/>. Acesso em 11 nov 2020
  • DRUGS.COM. Lidocaine Topical Information from Drugs.com. Disponível em: <https://www.drugs.com/>. Acesso em 11 nov 2020
  • DRUGS.COM. Ibuprofen Information from Drugs.com. Disponível em: <https://www.drugs.com/>. Acesso em 11 nov 2020
  • DRUGS.COM. Paracetamol Information from Drugs.com. Disponível em: <https://www.drugs.com/>. Acesso em 11 nov 2020
  • KRKA FARMACÊUTICA, SOCIEDADE UNIPESSOAL, LDA . Naproxeno (naproxeno sódico). 2012. Disponível em: <http://app7.infarmed.pt/infomed/download_ficheiro.php?med_id=53997&tipo_doc=fi>. Acesso em 27 nov 2019
  • INFARMED. Ibuprofeno. 2018. Disponível em: <http://app7.infarmed.pt/infomed/download_ficheiro.php?med_id=41943&tipo_doc=fi>. Acesso em 27 nov 2019
  • LABORATÓRIO TEUTO BRASILEIRO S/A.. Paracetamol. Disponível em: <https://www.bifarma.com.br/manual/paracetamol-500mg-com-4-comprimidos-teuto-manual.pdf>. Acesso em 27 nov 2019
  • SCOTTISH DENTAL CLINICAL EFFECTIVENESS PROGRAMME . Management of Acute Dental Problems - Guidance for healthcare professionals . 2013. Disponível em: <http://www.sdcep.org.uk/wp-content/uploads/2013/03/SDCEP+MADP+Guidance+March+2013.pdf>. Acesso em 11 nov 2020
Revisão médica:
Dr.ª Clarisse Bezerra
Médica de Saúde Familiar
Formada em Medicina pelo Centro Universitário Christus e especialista em Saúde da Família pela Universidade Estácio de Sá. Registro CRM-CE nº 16976.

Tuasaude no Youtube

  • Como Aliviar a dor de dente

    06:45 | 290890 visualizações
  • 3 DICAS PARA AUMENTAR A SAÚDE DOS DENTES

    02:00 | 28522 visualizações