Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Para que serve o Ácido Acetilsalicílico - Aspirina

A Aspirina é um remédio que contém como substância ativa o ácido acetilsalicílico, que é um anti-inflamatório não esteroide, que serve para tratar a inflamação, aliviar a dor e baixar a febre em adultos e crianças.

Além disso, em baixas doses, o ácido acetilsalicílico é usado em adultos como inibidor da agregação plaquetária, para reduzir o risco de infarto agudo do miocárdio, prevenir o AVC, angina de peito e tromboses em pessoas que apresentam alguns fatores de risco.

O ácido acetilsalicílico, também pode ser comercializado com associação de outros componentes, e em diversas dosagens, como:

  • Aspirina Prevent que pode ser encontra em doses de 100 a 300 mg;
  • Aspirina Protect que contém 100 mg de ácido acetilsalicílico;
  • Aspirina C que contém 400 mg de ácido acetilsalicílico e 240 mg de ácido ascórbico, que é a vitamina C;
  • CafiAspirina que contém 650 mg de ácido acetilsalicílico e de 65 mg cafeína;
  • AAS infantil que contém 100 mg de ácido acetilsalicílico;
  • AAS adulto que contém 500 mg de ácido acetilsalicílico.

O ácido acetilsalicílico pode ser comprado na farmácia por um preço que pode variar entre 1 e 45 reais, dependendo da quantidade de comprimidos da embalagem e do laboratório que o comercializa, mas só devem ser usados após recomendação médica, porque como também atuam como inibidores da agregação plaquetária, podem aumentar o risco de sangramentos.

Para que serve o Ácido Acetilsalicílico - Aspirina

Para que serve

A Aspirina está indicada no alívio de dores de intensidade leve a moderada, como dor de cabeça, dor de dente, dor de garganta, dor menstrual, dor muscular, dor nas articulações, dor nas costas, dor da artrite e alívio da dor e da febre em caso de resfriados ou gripes.

Além disso, a aspirina também pode ser usada como inibidora da agregação plaquetária, o que evita a formação de trombos que podem causar complicações cardíacas, por isso em alguns casos o cardiologista poderá receitar a toma de 100 a 300 mg de aspirina por dia, ou a cada 3 dias. Veja quais as causas de doença cardiovascular e como prevenir.

Como tomar

A Aspirina pode ser usada da seguinte forma:

  • Adultos: A dose recomendada varia entre 400 a 650 mg a cada 4 a 8 horas, para tratar a dor, inflamação e a febre. Para ser usada como inibidora da agregação plaquetária, geralmente, a dose recomendada pelo médico é de 100 a 300 mg por dia, ou a cada 3 dias;
  • Crianças: A dose recomendada em crianças de 6 meses a 1 ano, é de ½ a 1 comprimido, em crianças de 1 a 3 anos, é de 1 comprimido, em crianças de 4 a 6 anos, é de 2 comprimidos, em crianças de 7 a 9 anos, é de 3 comprimidos e em crianças de 9 a 12 anos é de 4 comprimidos. Estas doses podem ser repetidas em intervalos de 4 a 8 horas, se necessário até um máximo de 3 doses por dia. 

O uso da Aspirina deve ser feito sob prescrição médica. Além disso, os comprimidos devem ser sempre ingeridos preferencialmente após as refeições, para reduzir a irritação do estômago.

Efeitos colaterais

Os efeitos colaterais da Aspirina incluem náuseas, dor abdominal e gastrointestinal, má digestão, vermelhidão e coceira na pele, inchaço, rinite, congestão nasal, tonturas, tempo de sangramento prolongado, hematomas e sangramento pelo nariz, gengivas ou região íntima.

Contraindicações

A Aspirina está contraindicada em pacientes com hipersensibilidade ao ácido acetilsalicílico, a salicilatos ou a outro componente do remédio, em pessoas com tendência para sangramentos, crise de asma induzida pela administração de salicilatos ou outras substâncias semelhantes, úlceras do estômago ou do intestino, insuficiência renal, hepática e cardíaca grave, durante o tratamento com metotrexato em doses superiores a 15 mg por semana e no último trimestre de gravidez.

É necessário consultar o médico antes do uso de Ácido Acetilsalicílico em caso de gravidez ou suspeita de gravidez, hipersensibilidade a analgésicos, anti-inflamatórios ou antirreumáticos, história de úlceras no estômago ou intestino, história de sangramentos gastrointestinais, problemas dos rins, coração ou fígado, doenças respiratórias como asma e se estiver tomando anticoagulantes.

Medicamentos à base de Ácido Acetilsalicílico

NomeLaboratórioNomeLaboratório
AASSanofiEMS comprimidos de Ácido AcetilsalicílicoEMS
ASSedatilVitapanFuned Ácido AcetilsalicílicoFuned
AceticilCaziFurp-Ácido AcetilsalicílicoFURP
Ácido AcetilsalicílicoLafepeGrip-StopIma
AlidorAventis PharmaHipotermalSanval
AnalgesinTeutoIquego Ácido AcetilsalicílicoIquego
AntifebrinRoytonMelhoralDM
As-MedMedquímicaSalicetilBrasterápica
BufferinBristol-MyersSquibbSalicilDucto
CimasCimedSalicinGreenpharma
CordioxMedleySalipirin
Geolab
DausmedUsmedSalitilCifarma
EcasilBiolab SanusSomalginSigmaPharma

Atenção: Indivíduos que estejam tomando aspirina devem evitar o consumo de manga, porque pode deixar o sangue mais fluido que o normal, aumentando o risco de hemorragias. Além disso, este medicamento não deve ser tomado juntamente com álcool.

Veja ainda como preparar uma aspirina natural.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...