Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Ranitidina (Antak)

A Ranitidina é um remédio anti-ulceroso que ajuda a proteger o revestimo do estômago, sendo indicado no tratamento de problemas como úlceras gástrica e duodenal, esofagite de refluxo, gastrite ou duodenites, por exemplo.

Este medicamento normalmente é conhecido com o nome comercial de Antak, produzido pelo laboratório Glaxosmithkline Brasil, mas também pode ser comprado em farmácias convencionais com outros nome como Label, Ranitil, Ulcerocin ou Neosac, sob a forma de comprimidos ou xarope.

Ranitidina (Antak)

Preço

O preço da Antak varia entre 20 e 90 reais, dependendo da quantidade e da forma de apresentação do medicamento.

Para que serve

Este remédio está indicado para prevenção de úlceras mas também no tratamento de úlcera duodenal, úlcera gástrica benigna, úlcera pós-operatória, síndrome de Zollinger-Ellison, dor epigástrica ou retroesternal relacionada com as refeições ou durante o sono.

Também pode ser usado no tratamento de doenças relacionadas à hipersecreção ou hipersensibilidade à secreção gástrica, tais como esofagite de refluxo associada ou não à hérnia de hiato.

Como tomar

O uso e a dose de ranitidina deve ser sempre indicados por um clínico geral ou gastroenterologista, no entanto as orientações gerais são:

  • Adultos: 150 a 300 mg, 2 a 3 vezes por dia, durante 1 mês, podendo ser tomado sob a forma de comprimidos ou xarope;
  • Crianças: 2 a 8 mg/ Kg por dia, divididos em 3 vezes durante o dia, normalmente sob a forma de xarope.

Além destes casos, ainda existe a ranitidina injetável, que deve ser administrada por um enfermeiro, administrado pela veia durante 2 min e a cada 6-8 horas, durante o período indicado pelo médico.

No caso de esquecimento de uma dose, deve-se tomar o medicamento o mais rápido possível e tomar as seguintes doses no horário certo, sendo que jamais se deve tomar uma dose dobrada para compensar a dose que se esqueceu de tomar.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns do uso deste medicamento incluem tontura,s sonolência, insônia e vertigem.

Já quando é administrado pela veia, também pode surgir dor no local da picada e pele avermelhada.

Quem não deve tomar

A ranitidina está contraindicada para gravidez, durante a amamentação e pessoas com hipersensibilidade aos componentes da fórmula. Além disso, crianças menores de 1 mês de idade, pacientes com porfiria e pessoas com insuficiência renal também não devem usar.

Conheça alguns remédios naturais que podem complementar o tratamento:

Mais sobre este assunto:
Carregando
...