Ranitidina (Antak): para que serve e como tomar

Revisão clínica: Flávia Costa
Farmacêutica
fevereiro 2022

A ranitidina, ou cloridrato de ranitidina, é um remédio que inibe a produção de ácido pelo estômago, sendo indicada no tratamento de vários problemas causados pela presença de ácido em excesso, como úlceras de estômago ou do intestino, esofagite erosiva, ou refluxo gastroesofágico, por exemplo.

Este remédio foi retirado do mercado de forma definitiva pela ANVISA em 2020, por ter sido detectada na sua composição uma substância potencialmente cancerígena, chamada de N-nitrosodimetilamina (NDMA), que se origina pela degradação da própria molécula da ranitidina. 

Ainda não existe previsão da ranitidina ser novamente disponibilizada para venda. Desta forma, é recomendado consultar o médico, para que seja reavaliado o tratamento e indicado outro remédio que possa substituir a ranitidina, caso seja necessário.

Para que serve

A ranitidina age diminuindo a produção de ácido pelo estômago, sendo normalmente indicada para o tratamento ou prevenção de algumas condições, como:

  • Úlceras de estômago ou do intestino;
  • Refluxo gastroesofágico;
  • Síndrome de Zollinger-Ellison;
  • Excesso de acidez gástrica;
  • Esofagite erosiva;
  • Azia;
  • Úlcera por estresse;
  • Síndrome de Mendelson.

A ranitidina também pode ser usada na prevenção de lesões no revestimento do estômago e do início do intestino, causadas pelo uso de anti-inflamatórios não esteróides.

Além disso, quando associada a antibióticos, a ranitidina pode ser indicada para erradicação da bactéria H. pylori e úlcera no estômago. Saiba como identificar os sintomas de úlcera no estômago

Como tomar

A dose da ranitidina deve ser sempre indicada por um clínico geral ou gastroenterologista, de acordo com a condição a ser tratada, no entanto, as orientações gerais são:

  • Adultos: a dose normalmente recomendada é de 150 a 300 mg, 2 a 3 vezes por dia, durante o tempo recomendado pelo médico, podendo ser tomado sob a forma de comprimidos ou xarope;
  • Crianças a partir de 1 mês: a dose normalmente recomendada é de 2 a 4 mg por Kg de peso corporal, de uma a duas vezes por dia, conforme orientação do pediatra, não se devendo ultrapassar a dose de 300 mg ao dia. Normalmente, em crianças, a ranitidina é administrada sob a forma de xarope.

No caso de esquecimento de uma dose, deve-se tomar o medicamento o mais rápido possível e tomar as seguintes doses no horário certo, sendo que jamais se deve tomar uma dose dobrada para compensar a dose esquecida.

A ranitidina também pode ser usada na forma de injeção, que deve ser administrada por um profissional de saúde, conforme orientação médica.

Possíveis efeitos colaterais

A ranitidina é um remédio geralmente bem tolerado, no entanto, embora sejam raros, podem surgir efeitos colaterais como respiração ofegante, dor ou aperto no peito, inchaço das pálpebras, face, lábios, boca ou língua, febre, erupções cutâneas ou fissuras na pele e sensação de fraqueza, principalmente quanto a pessoa fica em pé.

No caso do surgimento desses efeitos colaterais, deve-se interromper o tratamento e buscar atendimento médico ou o pronto-socorro mais próximo imediatamente, pois pode ser sinal de reação alérgica grave ou anafilática. Saiba identificar todos os sintomas de reação alérgica grave

Quem não deve tomar

A ranitidina não deve ser usada por pessoas que tenham alergia a qualquer um dos componentes da fórmula. 

Além disso, também está contraindicada para grávidas ou mulheres que estejam a amamentar.

Esta informação foi útil?

Atualizado e revisto clinicamente por Flávia Costa - Farmacêutica, em fevereiro de 2022.

Bibliografia

  • ANVISA. Proibição definitiva de uso de cloridrato de ranitidina - RESOLUÇÃO-RE Nº 3.259, DE 26 DE AGOSTO DE 2020. 2020. Disponível em: <https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/resolucao-re-n-3.259-de-26-de-agosto-de-2020-274384354?utm_campaign=informe_proibicao_definitiva_de_uso_de_cloridrato_de_ranitidina&utm_medium=email&utm_source=RD+Station>. Acesso em 28 fev 2022
  • EUROFARMA LABORATÓRIOS S.A. Ranitidina. 2018. Disponível em: <https://eurofarma.com.br/produtos/bulas/patient/bula-ranitidina-cloridrato-de.pdf>. Acesso em 28 fev 2022
Revisão clínica:
Flávia Costa
Farmacêutica
Formada em Farmácia pelo Centro Universitário Newton Paiva em 2003. Mestre em Ciências Biomédicas pela UBI, Portugal.

Tuasaude no Youtube

  • Remédio caseiro para acabar com AZIA e QUEIMAÇÃO rápido

    12:46 | 599879 visualizações
  • Como parar ARROTOS CONSTANTES

    07:04 | 157620 visualizações
  • Como não ter GASES PODRES e Como TRATAR REFLUXO!

    04:58 | 237721 visualizações
  • REFLUXO GASTROESOFÁGICO - tratamento natural

    05:19 | 2518227 visualizações
  • O que comer para aliviar os sintomas de Gastrite

    03:11 | 2132794 visualizações