Otalgia: o que é, causas e tratamento

Setembro 2021

Otalgia é um termo utilizado para designar a dor de ouvido, que pode ser um sintoma de situações que atingem a orelha média, interna, externa ou estruturas que estão em volta do ouvido. Dessa forma, a otalgia pode ser indicativo de sinusite, infecção, lesão no canal auditivo, acúmulo de cera ou ser consequência de alteração da pressão, por exemplo.

Além da dor de ouvido, é comum que surjam outros sintomas, como febre, inchaço, saída de líquido pelo ouvido e perda temporária de audição no ouvido afetado. A otalgia é mais comum de acontecer em crianças e, além dos sintomas relacionados com o ouvido, é comum que a criança fique mais irritada, chorosa ou fique colocando a mão no ouvido repetidamente, principalmente quando a criança ainda não consegue falar.

Assim, na presença de dor de ouvido e outros sintomas, é importante que o pediatra seja consultado para que seja feita uma avaliação, identificada a causa e iniciado o tratamento mais adequado, que pode envolver o uso de antibióticos caso a otalgia seja causada por uma infecção.

Otalgia: o que é, causas e tratamento

Possíveis causas

A otalgia pode acontecer devido a alterações em estruturas presentes em volta do ouvido ou ser consequência de problemas que afetam a orelha externa, média ou interna, sendo as principais causas:

  • Infecção;
  • Pancada na orelha;
  • Frio excessivo;
  • Dermatite de contato;
  • Acúmulo de cera;
  • Presença de corpo estranho;
  • Entrada de água.

Além disso, embora seja mais raro, outras causas que podem estar na origem da dor de ouvido são problemas nos dentes, perfuração do tímpano, alterações na pressão, que podem ocorrer durante uma viagem de avião, ou quando se viaja para locais com uma grande altitude, acúmulo de cera no ouvido, presença de feridas no canal adutivo ou devido a disfunção temporomandibular, por exemplo. Conheça outras causas de dor no ouvido.

Como é feito o diagnóstico

O diagnóstico da causa da otalgia deve ser feito pelo pediatra ou clínico geral levando em consideração os outros sintomas apresentados pela pessoa. Na maioria dos casos, é feita apenas uma avaliação clínica, sendo a importante que a pessoa informe o que está sentindo, podendo a pessoa apresentar, além da dor de ouvido:

  • Febre;
  • Dor de cabeça;
  • Inchaço da orelha;
  • Saída de líquido pelo ouvido;
  • Perda temporária de audição no ouvido afetado;
  • Dor de cabeça;
  • Alteração no equilíbrio.

No caso das crianças, em que a comunicação é mais limitada, o médico e os responsáveis devem observar se a criança coloca a mão várias vezes próximo ao ouvido repetidamente, se balança a cabeça frequentemente ou se evita apoiar a cabeça do lado em que sente dor. Veja como identificar a dor de ouvido no bebê.

Tratamento da otalgia

O tratamento vai depender da causa que está na origem da otalgia. Para aliviar os sintomas pode-se tomar analgésicos e anti-inflamatórios, como o paracetamol, dipirona ou ibuprofeno, por exemplo, aplicar compressas mornas e manter o ouvido seco. Em alguns casos, também pode ser recomendado aplicar soluções em gotas, que ajudam a remover a cera, mas só se o médico recomendar.

Caso se trate de uma infecção, o médico pode prescrever antibióticos de uso oral e/ou gotas auriculares com antibiótico na composição, que podem ainda conter um corticoide.

Para aliviar a dor de ouvido causada pelas diferenças de pressão, pode ajudar mascar chiclete ou bocejar, e caso a pessoa sofra de disfunção temporomandibular, pode ser necessário realizar sessões de fisioterapia, fazer massagens para relaxar os músculos da face e da cabeça e usar uma placa dentária de acrílico, para usar durante a noite.

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • GONÇALVES Nina, Luciano. Diagnóstico diferencial da otalgia e orientação terapêutica, sem realização de otoscopia.. Perspectivas Médicas. Vol.13. 1.ed; 33-34, 2002
  • HTTPS://WWW.HEALTH.HARVARD.EDU/A_TO_Z/EARACHE-A-TO-Z. Earache. Disponível em: <https://patient.info/ears-nose-throat-mouth/earache-ear-pain>. Acesso em 20 Ago 2020
  • BERGMANN, GABRIELA A., REGERT, REBECA; MOUSSALE, SÉRGIO K. Otalgia: diagnóstico diferencial e tratamento. Disponível em: <https://docs.bvsalud.org/biblioref/2018/02/879483/otalgia-diagnostico-diferencial-e-tratamento.pdf>. Acesso em 10 Set 2021
Mais sobre este assunto: