Somos REDE D'OR
icon de informação icon de telefone 3003-3230
Número disponível apenas em território brasileiro, com custo de chamada local.

Maxixe: 6 benefícios e como fazer (com receitas)

dezembro 2022
  1. Benefícios
  2. Informação nutricional
  3. Como fazer
  4. Receitas

O  maxixe é um fruto que favorece a perda de peso e ajuda a combater a prisão de ventre. Isso porque esse alimento é rico em fibras que estimulam os movimentos naturais do intestino e prolongam o tempo de digestão dos alimentos, diminuindo a fome.

Além disso, o maxixe também contém vitamina C, um nutriente que melhora a absorção do ferro presente nos alimentos, ajudando na prevenção da anemia. Conheça outros alimentos que ajudam a prevenir a anemia.

Os diferentes tipos de maxixe são o maxixe-do-reino, ou peruano, o maxixe paulista ou o maxixe-do-pará, que se diferenciam principalmente quanto às suas cascas, que são lisas ou espinhosas. Com um sabor suave, o maxixe pode ser consumido cru, em saladas, sucos e conservas, ou ainda refogado, salteado ou cozido.

Imagem ilustrativa número 1

Principais benefícios do maxixe

Os principais benefícios do consumo do maxixe para a saúde são:

1. Fortalecer o sistema imunológico

Por conter vitamina C e clorofila, compostos com ação antioxidante e anti-inflamatória, o maxixe fortalece o sistema imunológico, ajudando a combater infecções como gripes, alergias e resfriados.

2. Prevenir o envelhecimento precoce

O maxixe previne o envelhecimento precoce por ter boas quantidades de vitamina C e clorofila, nutrientes com ação antioxidante que protegem as células da pele contra os danos causados pelos radicais livres.

3. Favorecer a perda de peso

O maxixe ajuda na perda de peso, por ser rico em fibras que aumentam o tempo de digestão dos alimentos, prolongando a saciedade e diminuindo a fome ao longo do dia. Veja mais alimentos com fibras que favorecem a perda de peso.

Além disso, o maxixe é pobre em calorias e gorduras, sendo uma ótima opção de alimento para incluir em dietas de emagrecimento.

4. Evitar a diabetes

O maxixe tem ótimas quantidades de fibras que diminuem a velocidade de absorção dos carboidratos dos alimentos, equilibrando os níveis de glicose no sangue e evitando a resistência à insulina e da diabetes.

5. Prevenir a anemia

A vitamina C presente no maxixe melhora a absorção do ferro presente nos alimentos, ajudando a prevenir a anemia. Isso porque o ferro é importante para formar a hemoglobina, o componente das hemácias no sangue que é responsável por transportar o oxigênio pelo organismo.

6. Combater a prisão de ventre

Por conter boas quantidades de fibras, o maxixe aumenta o volume das fezes e promove os movimentos naturais do intestino, facilitando a evacuação e combatendo a prisão de ventre. Confira outros alimentos que combatem a prisão de ventre.

Tabela de informação nutricional

A tabela a seguir contém a informação nutricional de 100g de maxixe cru e cozido:

Componentes

100g de maxixe cru

100g de maxixe cozido

Energia

14 calorias

20 calorias

Carboidratos

2,7 g

4,3 g

Proteínas

1,4 g

2 g

Gorduras

0,1g

0,1 g

Fibras

2,2 g

3,1 g

Potássio

328 mg

92,4 mg

Fósforo

25 mg

32,3 mg

Vitamina C

9,6 mg

9 mg

Para se obter os benefícios com o consumo do maxixe, é fundamental manter uma alimentação saudável e variada e praticar exercícios físicos regularmente.

Como consumir

Embora não exista uma quantidade específica indicada para o consumo de maxixe, a recomendação mínima diária de vegetais é entre 2 a 3 porções, o que corresponde entre 160g a 240 g por dia.

O maxixe tem um sabor suave e pode ser consumido cru em preparações como sucos, saladas e conservas. Além disso, esse fruto também pode ser consumido refogado ou cozido e adicionado em sopas ou no feijão.

Receitas saudáveis com maxixe

Imagem ilustrativa número 2

Algumas receitas saudáveis e simples com esse fruto são maxixe refogado, conserva e salada de maxixe:

1. Maxixe refogado

Ingredientes:

  • 300g de maxixe;
  • ½ cebola picada;
  • 2 dentes de alho picados;
  • 1 colher de sopa de azeite;
  • 1 pitada de sal;
  • Pimenta-do-reino à gosto.

Modo de preparo:

Lavar bem o maxixe e raspar a casca do fruto, caso seja do tipo espinhoso. Cortar o maxixe ao meio e reservar. Em uma frigideira, aquecer o azeite e refogar a cebola e o alho. Adicionar o maxixe, o sal e a pimenta. Deixar o maxixe refogar em fogo médio por alguns minutos, até que fique macio. Apagar o fogo, aguardar amornar e servir.

2. Conserva de maxixe

Ingredientes:

  • 5 maxixes;
  • 2 dentes de alho picados;
  • 1 xícara de chá de vinagre de maçã;
  • ¾ de xícara de água filtrada ou fervida;
  • 1 colher de chá de gengibre ralado;
  • 2 colheres de sopa de açúcar demerara;
  • ½ colher de chá de sal;
  • 1 colher de chá de pimenta-do-reino em grãos;
  • 1 colher de chá de sementes de coentro.

Modo de preparo:

Lavar bem os maxixes e retirar o excesso de espinhos, caso tenha. Cortar o maxixe em fatias médias e distribuir em um pote de vidro. Em uma panela, colocar todos os demais ingredientes e levar ao fogo médio até o açúcar dissolver. Distribuir esse líquido, ainda quente, sobre os maxixes fatiados.

Tampar bem o pote e armazenar a mistura na geladeira por um dia antes de consumir. Essa conserva deve ser armazenada em geladeira, podendo ser consumida em até 15 dias.

3. Salada de maxixe com cebola

Ingredientes:

  • 8 maxixes;
  • 1 cebola;
  • 3 colheres de sopa de azeite;
  • 2 colher de sopa de vinagre;
  • Pimenta-do-reino e sal a gosto.

Modo de preparo:

Lavar bem os maxixes e retirar os espinhos, se tiver. Cortar a cebola e o maxixe em fatias bem finas e colocar em uma tigela. Adicionar os demais ingredientes, misturar bem e servir.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Karla S. Leal - Nutricionista, em dezembro de 2022.

Bibliografia

  • UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS – UNICAMP . Tabela Brasileira de Composição de Alimentos. 2011. Disponível em: <http://www.nepa.unicamp.br/taco/contar/taco_4_edicao_ampliada_e_revisada.pdf?arquivo=taco_4_versao_ampliada_e_revisada.pdf>. Acesso em 05 dez 2022
  • SANTANA, A, Girlana et al. Frutos de maxixe (Cucumis anguria L.) submetidos a diferentes temperaturas de armazenamento: estabilidade de pigmentos durante a pós-colheita. Brazilina Journal of Food Research. Vol.9. 1.ed; 12-24, 2018
Mostrar bibliografia completa
  • EMBRAPA. Maxixe: Sabor do Nordeste. Disponível em: <https://www.embrapa.br/hortalica-nao-e-so-salada/maxixe>. Acesso em 05 dez 2022
  • UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (USP). Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TBCA). Disponível em: <http://www.fcf.usp.br/tbca>. Acesso em 05 dez 2022
Equipe editorial constituída por médicos e profissionais de saúde de diversas áreas como enfermagem, nutrição, fisioterapia, análises clínicas e farmácia.

Tuasaude no Youtube

  • 7 Alimentos para EMAGRECER mais rápido

    13:16 | 206686 visualizações
  • O que fazer para soltar o Intestino Preso

    02:59 | 4023905 visualizações