Hemorragia estomacal: principais Sintomas e causas

A hemorragia estomacal, também conhecido hemorragia gástrica, é um tipo de hemorragia digestiva alta que se caracteriza pela perda de sangue através do estômago. Isso normalmente acontece devido a uma úlcera não tratada, que acaba causando sangramento, mas também pode acontecer em casos mais graves de gastrite, por exemplo.

O sintoma mais comum de uma hemorragia gástrica é a alteração da cor das fezes, que se tornam mais escuras e com cheiro muito fétido, devido ao sangue digerido. Além disso, é ainda possível que se tenha sentindo dor frequente no estômago, causada pela inflamação do revestimento do estômago.

Como é um tipo hemorragia interna, muitas vezes, a hemorragia estomacal pode ser descoberta apenas após uma endoscopia, quando a pessoa tem o diagnóstico de anemia por muito tempo, que não melhora com nenhum tipo de tratamento. Veja outros tipos de hemorragia interna e como identificar.

Hemorragia estomacal: principais Sintomas e causas

Principais sintomas

Alguns dos sintomas mais comuns da hemorragia estomacal, ou gástrica, incluem:

  • Dor no estômago tipo cólica;
  • Vômito com sangue vermelho vivo ou com aspecto de borra-de-café;
  • Fezes escuras muito mal cheirosas, chamadas cientificamente de melena;
  • Pode haver anemia;
  • Pode haver sangue vermelho vivo misturado com as fezes, caso a hemorragia seja intensa.

A cor negra das fezes é devida à degradação do sangue no intestino e, por isso, sempre que surge deve-se consultar um gastroenterologista ou um clínico geral, para tentar achar a causa do problema e iniciar o tratamento mais adequado. Veja quais as possíveis causas deste tipo de fezes.

Como confirmar o diagnóstico

Para diagnosticar a hemorragia estomacal é necessário a realização de uma endoscopia digestiva que permita visualizar a região interna do esôfago e estômago.

Assim é possível analisar a presença de úlceras em suas paredes. Um outro exame capaz de detectar a doença é a colonoscopia, onde uma microcâmera é introduzida no ânus e permite visualizar o trato digestivo.

As úlceras são formadas pelo excesso de ácido gástrico produzido no estômago do indivíduo, que acaba por lesionar suas paredes. Uma má alimentação e sistema nervoso alterado podem facilitar o aparecimento da úlcera. O estresse faz com que seja produzido uma maior quantidade de ácido gástrico.

Possíveis causas

A hemorragia estomacal normalmente é causada por uma inflamação grave da parede do estômago. Assim, as causas mais comuns incluem:

  • Úlceras gástricas;
  • Gastrite crônica;
  • Câncer gástrico.

Dessa forma, as úlceras e a gastrite devem sempre ser tratadas adequadamente, geralmente com alterações na dieta, para aliviar a inflamação e evitar o sangramento, que acaba sendo uma complicação destes problemas. Veja como deve ser a dieta caso sofra com úlcera ou gastrite.

Já o câncer no estômago é uma causa bem mais rara que é acompanhada de outros sintomas como dor de estômago constante, perda de apetite, fraqueza frequente e perda de peso. Saiba mais sobre como identificar o câncer de estômago.

Como é feito o tratamento

O tratamento para as hemorragias estomacais é a utilização de medicamentos para o estômago e nos casos de anemia severa, transfusões sanguíneas.

Caso a hemorragia estomacal seja provocada por um traumatismo direto na região, como ocorre num acidente de carro, por exemplo, pode ser necessário uma cirurgia.

Esta informação foi útil?
Mais sobre este assunto: