Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Entenda o verdadeiro perigo da gripe aviária

A gripe das aves não passa de uma pessoa para outra e também não estão registrados casos de contaminação através do consumo da carne ou de ovos destes animais. Os animais mais comummente infectados são galinhas, patos, perus e gansos mas não existem casos registrados de gripe aviária nos animais ou em humanos no Brasil.

Este tipo de gripe causada pelo vírus Influenza H5N1, raramente afeta humanos, mas pode ser grave e colocar a vida da pessoa em risco porque pode ter como complicações a dificuldade respiratória, pneumonia e sangramentos. Esta gripe inicialmente afeta estes animais mas pode contaminar humanos que tenham contato direto com os animais doentes.

Entenda o verdadeiro perigo da gripe aviária

Sintomas da gripe das aves

Os sintomas da gripe das aves em humanos surgem cerca de 2 a 8 dias depois do contato com o animal infectado, principalmente através do contato com sua urina, fezes ou saliva, mas também através do contato com superfícies expostas a este. Os primeiros sinais são semelhantes aos de uma gripe comum e surgem de repente:

  • Dor de garganta
  • Febre alta, acima de 38ºC
  • Dor no corpo
  • Mal-estar geral 
  • Tosse seca
  • Calafrios
  • Franqueza
  • Espirros e secreção nasal
  • Pode haver dor abdominal
  • Pode haver sangramentos pelo nariz ou pela gengiva

A transmissão do vírus das aves para humanos pode acontecer através do contato com penas, fezes ou urina de um animal infectado mas basta inalar a poeira contento estas pequenas partículas para ser contaminado.

Praticamente todos os casos registrados de gripe aviária em humanos no mundo tiveram contato direto com os animais infectados.

Como é feito o tratamento

O tratamento da gripe das aves em humanos deve ser indicado pelo médico mas pode ser feito com medidas como uso de remédios antivirais que ajudam a controlar a multiplicação viral no sangue. Também podem ser usados remédios para controlar os vômitos e baixar a febre, mas não estão recomendados antibióticos.

A gripe das aves tem cura mas cerca de metade dos casos em humanos foram fatais e por isso esta não deve ser tratada como uma gripe comum, sendo preciso ser avaliado constantemente pelo médico.

Possíveis complicações

Após ser infectado pelo vírus da gripe das aves a pessoa deve desenvolver a forma mais simples, como uma gripe comum. No entanto, podem surgir complicações como dificuldade respiratória ou pneumonia, por exemplo.

As pessoas que podem ter maiores complicações são as crianças, idosos e pessoas com o sistema imune enfraquecido porque seu corpo demora mais tempo para reagir. Assim, se estes forem contaminados deverão ficar internados para receber o tratamento adequado no hospital.

Como prevenir a gripe aviária

Para se prevenir da gripe das aves deve-se evitar o contato direto com os animais infectados e usar sempre botas de borracha e luvas ao tratar dos animais, tendo todo cuidado de higiêne necessária. Em caso de suspeita de que alguma ave esteja contaminada ou se encontrar algum animal morto deve-se entrar em contato com o órgão responsável pela segurança animal do seu país e não tocar no animal morto para não ser contaminado.

Humanos que apresentam sinais de gripe aviária deverão ser investigados porque o vírus poderá sofrer alguma mutação e assim conseguir passar de uma pessoa para outra, havendo risco de uma pandemia. 

Mais sobre este assunto:


Carregando
...