9 xaropes caseiros para gripe (e como preparar)

Alguns xaropes para gripe, como o xarope de cebola e alho, ou o xarope de gengibre com limão, mel e própolis, possuem substâncias com ação anti-inflamatória, antibacteriana, antiviral e expectorante, que ajudam a aliviar os sintomas da gripe, além de fortalecer o sistema imunológico, acelerando a recuperação.

Para que sejam mais eficazes, esses xaropes caseiros devem ser preparados com mel, que ajuda a tornar o catarro mais líquido, aliviar a tosse e lubrificar a garganta, além de ajudar a conservar os xaropes. No entanto, o mel não deve ser usado por crianças com menos de 2 anos, ou por pessoas que tenham diabetes ou alergia ao mel, pólen ou própolis. Além disso, mulheres grávidas só devem utilizar os xaropes se recomendado pelo médico. Veja como aliviar os sintomas de gripe na gravidez.

Os xaropes caseiros são uma boa opção natural para a gripe, e embora não sirvam para substituir o tratamento médico, podem ser usados para aliviar os sintomas da gripe mais rapidamente e acelerar a sua recuperação. Saiba identificar todos os sintomas da gripe.

Algumas opções de xaropes caseiros para gripe são:

1. Xarope de cebola e alho

O xarope de cebola e alho tem propriedades expectorantes e anti-sépticas que, além de ajudarem a soltar o catarro, fortalecem o sistema imune e reduzem a inflamação das vias respiratórias, ajudando a aliviar os sintomas da gripe, como tosse ou nariz entupido.

Ingredientes

  • 1 cebola média ralada;
  • 1 dente de alho amassado;
  • Mel.

Modo de preparo

Colocar a cebola e o alho em um recipiente de vidro e adicionar uma quantidade suficiente de mel para cobrir a cebola e o alho. Mexer os ingredientes e armazenar na geladeira de um dia para o outro. 

Para crianças com mais de 2 anos, pode-se dar 2,5 mL do xarope, o que equivale a cerca de meia colher de chá do xarope, até 3 vezes ao dia. Já para adultos, pode-se tomar 5 mL ou 1 colher de chá do xarope, até 3 vezes por dia. 

O xarope de cebola e alho deve ser guardado em um recipiente de vidro limpo e seco, na geladeira. Descartar qualquer quantidade não utilizada desse xarope após 1 semana. Confira outras formas de utilizar o alho para combater a gripe

2. Xarope de tomilho, alcaçuz e anis estrelado

O xarope de tomilho,  raiz de alcaçuz e  sementes de anis estrelado é rico em substâncias, como carvacrol, γ-terpineno, glicirrizina e compostos fenólicos, com ação antioxidante, anti-inflamatória, antibacteriana e expectorante, que ajudam a fortalecer o sistema imunológico, soltar o catarro e relaxar as vias respiratórias, aliviando os sintomas da gripe como mal estar, tosse, dor no corpo e nariz entupido.

Além disso, o anis estrelado possui atividade antiviral devido ao ácido xiquímico, uma substância natural que é utilizada para combater o vírus da gripe. Veja outros benefícios do anis estrelado

Ingredientes

  • 1 colher (de sopa) de sementes de anis estrelado;
  • 1 colher (de sopa) de raiz de alcaçuz seca;
  • 1 colher (de sopa) de casca de cerejeira-americana;
  • 1 colher (de sopa) de tomilho seco;
  • 500 mL de água filtrada;
  • 250 mL de mel.

Modo de preparo

Ferver as sementes de anis estrelado, raiz de alcaçuz e a casca de cerejeira-americana na água, numa panela tampada, durante 15 minutos. Em seguida, desligar o fogo, juntar o tomilho, tampar e deixar em infusão até esfriar. Coar, adicionar o mel e aquecer um pouco para dissolver o mel. Pode-se tomar 1 colher de chá até 3 vezes por dia, para aliviar a tosse e diminuir a irritação da garganta.

Este xarope deve ser conservado num frasco de vidro, na geladeira, durante três meses. 

3. Xarope de sabugueiro e hortelã-pimenta

O xarope de sabugueiro e hortelã-pimenta tem propriedades antibacterianas, antivirais e anti-inflamatórias, devido a presença de mentol, flavonóides, triterpenos e ácidos fenólicos, que ajudam a melhorar os sintomas de tosse com catarro, nariz escorrendo ou entupido e, dor de cabeça, comuns nos casos de gripes ou resfriados.

Além disso, este xarope tem propriedades antibacterianas, antivirais e anti-inflamatórias, que ajudam o corpo a combater o resfriado e a se recuperar mais rápido. 

Ingredientes

Modo de preparo

Adicionar o hortelã pimenta, o sabugueiro e a água em um recipiente e ferver durante 15 minutos. Em seguida, desligar o fogo, coar e adicionar o mel até dissolver completamente. Pode-se tomar 1 colher de chá do xarope até 3 vezes por dia, para aliviar a tosse e a garganta irritada.

Este xarope deve ser conservado num frasco de vidro, na geladeira, por até três meses. Após esse período, descartar qualquer quantidade não utilizada.

4. Xarope de gengibre com limão, mel e própolis

O xarope de gengibre com limão, mel e própolis é um excelente remédio caseiro para gripes, resfriados ou dor de garganta, pois contém na sua composição substâncias, como gingerol e vitamina C, com potente ação anti-inflamatória, analgésica, antipirética e expectorante. 

Além disso, esse xarope tem ação antioxidante que reduz os danos nas células e ajuda a melhorar o funcionamento do sistema imunológico, aumentando a imunidade e melhorando a resposta do corpo às infecções.

Ingredientes

  • 25 g de gengibre fresco sem casca fatiado ou 1 colher de gengibre em pó;
  • 1 xícara de mel;
  • 3 colheres (de sopa) de água;
  • 3 colheres (de sopa) de suco do limão;
  • 5 gotas de extrato de própolis.

Modo de preparo

Ferver a água e, depois de fervida, acrescentar o gengibre. Tampar, deixar repousar durante 10 minutos, acrescentar o mel, o suco do limão e o própolis, e misturar até obter uma mistura homogênea e com consistência viscosa igual ao xarope.

Tomar 1 colher de sopa, 3 vezes ao dia, até ao desaparecimento dos sintomas da gripe. As crianças com mais de 2 anos, podem tomar 1 colher de chá do xarope de gengibre, até 3 vezes ao dia.

Esse xarope não deve ser usado por pessoas com problemas de coagulação ou que estejam utilizando remédios anticoagulantes, pois pode aumentar o risco de sangramentos e hematomas. Além disso, o uso deste xarope deve ser evitado por grávidas sem orientação do médico.

5. Xarope de beterraba com mel

O xarope de beterraba com mel pode ser usado para auxiliar no tratamento de gripes, resfriados e tosse, devido suas propriedades anti-inflamatórias das vias respiratórias e por ajudar a melhorar o sistema imunológico. Além disso, o mel também ajuda a lubrificar a garganta e a reduzir a inflamação, aliviando a tosse. 

Ingredientes

  • 1 beterraba crua;
  • 2 colheres (de sopa) de mel.

Modo de preparo

Lavar e cortar a beterraba em fatias finas e colocar em um recipiente de vidro limpo e seco. Adicionar o mel, misturar e deixar descansar por 24 horas. Após esse tempo, recolher a parte líquida que se formou, que é o xarope, e transferir para outro recipiente de vidro esterilizado e tampar. 

Pode-se tomar 1 colher de sopa, até 3 vezes ao dia, até o desaparecimento dos sintomas. As crianças com mais de 2 anos, podem tomar 1 colher de chá do xarope de beterraba até 3 vezes ao dia. Veja outras formas de preparar o xarope de beterraba

6. Xarope de gengibre com canela

O xarope de gengibre e canela possui efeito secante nas mucosas e é um expectorante natural, que ajuda a combater a tosse com catarro causada por gripes ou resfriados.

Por não conter mel, esse xarope pode ser usado por pessoas alérgicas ao mel, própolis ou pólen, mas deve ser usado com cautela por pessoas que sofrem de diabetes.

Ingredientes

  • 1 pau de canela ou 1 colher de chá de canela em pó;
  • 1 xícara da raiz de gengibre sem casca fatiado;
  • 85 g de açúcar mascavo, demerara ou de coco;
  • 100 mL de água.

Modo de preparo

Ferver a água com o açúcar, mexendo até dissolver completamente o açúcar. Desligar o fogo, adicionar o gengibre e a canela, e mexer. Guardar o xarope em um frasco de vidro limpo e seco. Tomar 1 colher de chá do xarope de gengibre, até 3 vezes ao dia.

Esse xarope não deve ser usado por pessoas que usem remédios anticoagulantes ou que tenham problemas de coagulação ou, pois pode aumentar o risco de sangramentos e hematomas. 

Além disso, o uso deste xarope deve ser evitado por grávidas se estiverem próximo ao parto ou em mulheres com histórico de aborto, problemas de coagulação ou que tenham risco de hemorragias.

7. Xarope de guaco e malva 

O xarope de guaco e malva tem um efeito calmante sobre os brônquios, reduzindo a produção de catarro, além de tornar as secreções mais líquidas, sendo mais fácil retirar o catarro preso na garganta e pulmões, aliviando a tosse causada por gripes ou resfriados.

Ingredientes

  • 1 colher (de chá) de flores ou folhas secas de malva;
  • 1 colher (de sopa) de folhas frescas de guaco;
  • 1 xícara de água fervente;
  • 1 colher (de sopa) de mel.

Modo de preparo

Colocar a malva e o guaco na xícara com água fervente. Tampar por cerca de 10 minutos e adicionar o mel. É recomendado para adultos tomar 1 xícara do xarope, até 3 vezes por dia. Veja também outras receitas com guaco para aliviar a tosse

8. Xarope de equinácea

O xarope de equinácea é rico em substâncias antioxidantes, anti-inflamatórios e imunoestimulantes, como flavonoides, ácidos chicórico e rosmarínico, que ajudam a fortalecer o sistema imunológico, diminuindo a duração de gripes e resfriados, o que ajuda a aliviar a tosse com catarro.

Ingredientes

  • 1 colher (de chá) de raiz ou folhas de equinácea;
  • 1 xícara de água fervente;
  • 1 colher (de sopa) de mel.

Modo de preparo

Colocar 1 colher de chá da raiz ou das folhas da equinácea em uma xícara de água fervente. Deixar repousar por 15 minutos, coar, adicionar o mel e beber até 2 vezes por dia. 

O xarope de equinácea não deve ser usado por crianças, mulheres grávidas ou em amamentação, ou por pessoas que tenham asma, tuberculose ou doenças autoimunes, como artrite reumatóide, lupus ou psoríase. 

9. Xarope de eucalipto e própolis

O xarope de eucalipto e própolis possui ação antibacteriana, anti-inflamatória, mucolítica e expectorante, que ajudam a combater a gripe a aliviar os sintomas de tosse, garganta irritada ou nariz entupido.

Ingredientes

  • 1 colher (de sopa) de folhas picadas de eucalipto;
  • 1 xícara de água;
  • 5 gotas de extrato de própolis.

Modo de preparo

Adicionar as folhas picadas de eucalipto na água e ferver por 1 minuto. Desligar o fogo, tampar e deixar repousar por cerca de 5 minutos. Em seguida, coar, adicionar o própolis e beber 1 xícara do xarope de 2 a 3 vezes por dia.

Esse xarope não deve ser usado por crianças com menos de 3 anos, durante a gravidez ou amamentação, ou por pessoas que têm problemas digestivos, de vesícula e doenças no fígado, ou alergia ao eucalipto. Veja outras formas de usar o eucalipto para aliviar a gripe

Esta informação foi útil?

Atualizado por Flávia Costa - Farmacêutica, em maio de 2022.

Bibliografia

  • BOOTA Tabinda; REHMAN Rafia et al. Star Anise: A review on benefits, biological activities and potential uses. International Journal of Chemical and Biochemical Sciences. 14. 110-114, 2018
  • PATRA, Jayanta K. et al.. Star anise (Illicium verum): Chemical compounds, antiviral properties, and clinical relevance. Phytotherapy Research. 1-20, 2019
Mostrar bibliografia completa
  • SHARIFI-RAD, M.; et al. Carvacrol and human health: A comprehensive review. Phytother Res. 32. 9; 1675-1687, 2018
  • PATIL, S. M.; et al. A systematic review on ethnopharmacology, phytochemistry and pharmacological aspects of Thymus vulgaris Linn. Heliyon. 7. 5; e07054, 2021
  • KEMMERICH, B.; EBERHARDT, R.; STAMMER, H. Efficacy and tolerability of a fluid extract combination of thyme herb and ivy leaves and matched placebo in adults suffering from acute bronchitis with productive cough. A prospective, double-blind, placebo-controlled clinical trial. Arzneimittelforschung. 56. 9; 652-60, 2006
  • HADIPOUR, E.; et al. Biological effects of red beetroot and betalains: A review. Phytother Res. 34. 8; 1847-1867, 2020
  • RITZ, T.; et al. Beetroot juice supplementation for the prevention of cold symptoms associated with stress: A proof-of-concept study. Physiol Behav. 202. 45-51, 2019
  • IZZO, Angelo A.; et al. A Critical Approach to Evaluating Clinical Efficacy, Adverse Events and Drug Interactions of Herbal Remedies. Phytother Res. 30. 5; 691-700, 2016
  • DRUGS.COM. Ginger. 2020. Disponível em: <https://www.drugs.com/mtm/ginger.html>. Acesso em 30 mai 2022
  • SEMWAL, Ruchi B. et al.. Gingerols and shogaols: Important nutraceutical principles from ginger. Phytochemistry Journal. 554-568, 2015
Equipe editorial constituída por médicos e profissionais de saúde de diversas áreas como enfermagem, nutrição, fisioterapia, análises clínicas e farmácia.

Tuasaude no Youtube

  • O melhor REMÉDIO NATURAL para GRIPE

    12:17 | 502611 visualizações
  • 7 Remédios Caseiros para a DOR DE GARGANTA

    01:37 | 796667 visualizações
  • Remédio Caseiro para Gripe

    01:08 | 1181596 visualizações
  • Remédios Caseiros para Sinusite

    01:35 | 1193129 visualizações
  • Os Melhores Alimentos para a GRIPE

    03:14 | 543496 visualizações