Doença de Creutzfeldt-Jakob: o que é, sintomas, causas e tratamento

julho 2022
  1. Sintomas
  2. Causas
  3. Transmissão
  4. Diagnóstico
  5. Tratamento

A doença de Creutzfeldt-Jakob é uma doença grave e progressiva causada por uma proteína defeituosa, conhecida como príon, que afeta o sistema nervoso levando ao surgimento de sintomas como problemas de memória e dificuldade para movimentar e comunicar.  

Geralmente, esta proteína é produzida pelo próprio corpo devido a alterações genéticas que podem ocorrer naturalmente, e tende a se acumular no cérebro, retina e nervo óptico, afetando seu funcionamento. No entanto, a transmissão da doença também é possível, principalmente por meio da ingestão de carne contaminada. Conheça as principais causas de dificuldade de memória e raciocínio.

Em caso de suspeita de doença de Creutzfeldt-Jakob é importante consultar um neurologista para uma avaliação detalhada.

Principais sintomas

Os sintomas da doença de Creutzfeldt-Jakob normalmente incluem:

  • Problemas de memória;
  • Alteração do comportamento, como agitação, irritabilidade, mudança de humor;
  • Dificuldade para enxergar;
  • Perda da coordenação e equilíbrio;
  • Confusão, desorientação e dificuldade de raciocínio;
  • Rigidez muscular;
  • Contrações musculares súbitas.

Embora no início da doença geralmente ocorram sintomas mais leves como dificuldade para dormir, fadiga, dor de cabeça e vertigem, os sintomas geralmente pioram de forma rápida, em média de 4 a 5 meses, e nos estágios mais avançados as pessoas afetadas podem não conseguir andar ou mesmo se comunicar.

Em caso de suspeita da doença de Creutzfeldt-Jakob, é importante que um neurologista seja consultado para uma avaliação detalhada.

Causas da doença de Creutzfeldt-Jakob

A doença de Creutzfeldt-Jakob é causada por uma proteína defeituosa, chamada príon, que pode ser produzida pelo próprio corpo, devido à existência de alterações genéticas que podem acontecer naturalmente ou serem transmitidas pelos dos pais, ou entrar no organismo por meio da ingestão de alimentos, por exemplo. 

Esta proteína defeituosa pode se espalhar pelo corpo e se acumular principalmente no cérebro, retina e nervo óptico, prejudicando o funcionamento normal destes órgãos e causando a sua degeneração, o que leva aos sintomas da doença. 

Como é a transmissão

Embora a maioria dos casos ocorram devido a alterações genéticas, a doença de  Creutzfeldt-Jakob pode ser transmitida pelo contato com a proteína defeituosa, que pode ocorrer por meio de instrumentos cirúrgicos, transplantes de órgãos ou ingestão de alimentos contaminados. 

Uma outra forma de pegar a doença de Creutzfeldt-Jakob é pela ingestão de carne de boi contaminada. Nesses casos, a condição é conhecida como “doença da vaca louca”. Entenda melhor o que é a doença da vaca louca e como se transmite.

Como prevenir

Em regiões onde há casos da doença de Creutzfeldt-Jakob, a recomendação é evitar o consumo de carnes bovinas ou, caso sejam consumidas, evitar carnes moídas e vísceras. No entanto, o risco de transmissão geralmente é muito baixo quando as medidas sanitárias, como o abatimento de animais contaminados e troca de rações, estão sendo implementadas para evitar a disseminação da doença. 

Como confirmar o diagnóstico

Em caso de suspeita de doença de Creutzfeldt-Jakob, é importante consultar um neurologista, que é o médico mais indicado para confirmar o diagnóstico, que geralmente é feito após uma avaliação completa e levando em consideração os sintomas presentes.

 Exames gerais no sangue, como hemograma, dosagem de eletrólitos, vitamina B12, avaliação da função hepática e sorologia para HIV, geralmente são úteis para afastar outras doenças que também podem causar sintomas cognitivos, como dificuldades de memória e raciocínio, e desorientação.

No entanto, outros exames como a punção lombar, eletroencefalograma e a ressonância magnética geralmente também são indicados. 

Tratamento da doença de Creutzfeldt-Jakob

Não há tratamento comprovado para a doença de Creutzfeldt-Jakob, que atualmente envolve apenas o apoio por uma equipe de profissionais de saúde e alternativas para aliviar os sintomas, como tratar a depressão e ansiedade com medicamentos como antidepressivos e ansiolíticos. 

Apesar dessas medidas, a doença geralmente evolui rápido colocando a vida da pessoa em risco em menos de 1 ano.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Jonathan Panoeiro - Neuropediatra, em julho de 2022.

Bibliografia

  • STATPEARLS. Creutzfeldt Jakob Disease. 2022. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK507860/>. Acesso em 06 jul 2022
  • CENTERS FOR DISEASE CONTROL AND PREVENTION. Risk for Travelers. Disponível em: <https://www.cdc.gov/prions/vcjd/risk-travelers.html>. Acesso em 06 jul 2022
Mostrar bibliografia completa
  • IWASAKI, Yasushi. Creutzfeldt-Jakob disease. Neuropathology. Vol.37, n.2. 174-188, 2017
  • UTTLEY, L. et al. Creutzfeldt-Jakob disease: a systematic review of global incidence, prevalence, infectivity, and incubation. The Lancet Infectious Diseases. Vol.20, n.1. e2-e10, 2020
Equipe editorial constituída por médicos e profissionais de saúde de diversas áreas como enfermagem, nutrição, fisioterapia, análises clínicas e farmácia.