Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Coronavírus na gravidez: possíveis complicações e como se proteger

Maio 2020

Devido às alterações que acontecem naturalmente durante a gravidez, as mulheres grávidas possuem maiores chance de pegar infecções virais, já que o seu sistema imunológico possui menor atividade. No entanto, no caso do SARS-CoV-2, que é o vírus responsável pela COVID-19, apesar do sistema imunológico da grávida estar mais comprometido, não parece haver risco de desenvolver sintomas mais graves da doença.

No entanto, apesar de não haver evidências de gravidade da COVID-19 relacionadas com a gravidez, é importante que a mulher adote os hábitos de higiene e de precaução para evitar o contágio e a transmissão para outras pessoas, como lavar as mãos com água e sabão regularmente e cobrir a boca e o nariz ao tossir ou espirrar. Veja como se proteger da COVID-19.

Coronavírus na gravidez: possíveis complicações e como se proteger

Possíveis complicações

Até o momento existem poucos relatos de complicações relacionadas com a COVID-19 durante a gravidez.

No entanto, segundo um estudo feito nos Estados Unidos [1], é possível que o novo coronavírus cause a formação de coágulos na placenta, que parecem redzuir a quantidade de sangue que é transportada até ao bebê. Ainda assim, o desenvolvimento do bebê não parece ser afetado, sendo que a maior parte dos bebês que nasceram de mães com COVID-19 apresentaram peso e desenvolvimento normal para a idade gestacional.

Apesar dos coronavírus responsáveis pela Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS-CoV-1) e Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS-CoV) terem sido relacionados com graves complicações durante a gestação, como complicação renal, necessidade de internamento e de intubação endotraqueal, o SARS-CoV-2 não foi relacionado com nenhuma complicação. No entanto, no caso de mulheres que possuem sintomas mais graves, é importante entrar com contato com o serviço de saúde e seguir as orientações recomendadas.

O vírus passa para o bebê?

Em um estudo realizado com 9 mulheres grávidas [2] que foram confirmadas com COVID-19, nenhum dos seus bebês deu positivo para o novo tipo de coronavírus, o que sugere que o vírus não é passado da mãe para o bebê durante a gravidez, nem o parto.

Nesse estudo, foi realizada a pesquisa do vírus no líquido amniótico, na garganta do bebê e no leite materno com o objetivo de verificar se haveria algum risco para o bebê, no entanto o vírus não foi encontrado em nenhuma dessas pesquisas, o que indica que o risco de transmissão do vírus para o bebê durante o parto ou através da amamentação é mínimo.

Outro estudo realizado com 38 gestantes positivas para SARS-CoV-2 [3] também indicou que os bebês testaram negativo para o vírus, confirmando a hipótese do primeiro estudo.

Mulheres com COVID-19 podem amamentar?

Segundo a OMS [4] e os alguns estudos feitos com grávidas [2,3], o risco de passar a infecção pelo novo coronavírus para o bebê parece ser muito baixo e, por isso, é aconselhado que a mulher amamente caso se sinta em boas condições de saúde e o deseje.

É apenas recomendado que a mulher tenha alguns cuidados na hora de amamentar para proteger o bebê de outras vias de transmissão, como lavar as mãos antes de amamentar e utilizar máscara durante a amamentação.

Sintomas de COVID-19 na gravidez

Os sintomas de COVID-19 na gravidez variam de leves a moderados, havendo sido relatados sintomas iguais aos das pessoas que não estão grávidas, como:

  • Febre;
  • Tosse constante;
  • Dor muscular;
  • Mal estar geral.

Em alguns casos foi verificado também diarreia e dificuldade para respirar, sendo importante que nessas situações a mulher seja acompanhada no hospital. Saiba identificar os sintomas de COVID-19.

Como evitar pegar COVID-19 durante a gravidez

Apesar de não existirem evidências de que os sintomas apresentados pela mulher sejam mais graves durante a gravidez, ou de que possam haver complicações para o bebê, é importante que a mulher adote medidas para evitar pegar o novo coronavírus, como:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por cerca de 20 segundos;
  • Evitar tocar nos olhos, boca e nariz;
  • Evitar ficar em um ambiente com muitas pessoas e com pouca circulação de ar.

Além disso, é importante que a gestante fique em repouso, beba bastante líquido e tenha hábitos saudáveis para que o sistema imunológico funcionando corretamente, sendo capaz de combater infecções virais, como a COVID-19.

Saiba mais sobre o que fazer contra o novo coronavírus no vídeo a seguir:

Bibliografia >

  • HARVARD MEDICAL SCHOOL. Pregnant and worried about the new coronavirus?. 2020. Disponível em: <https://www.health.harvard.edu/blog/pregnant-and-worried-about-the-new-coronavirus-2020031619212>. Acesso em 20 Mar 2020
  • CHEN, Huijun et al. Clinical characteristics and intrauterine vertical transmission potential of COVID-19 infection in nine pregnant women: a retrospective review of medical records. The Lancet. Vol 395. 2020
  • CDC. Pregnancy & Breastfeeding - Information about Coronavirus Disease 2019. Disponível em: <https://www.cdc.gov/coronavirus/2019-ncov/prepare/pregnancy-breastfeeding.html>. Acesso em 20 Mar 2020
  • JIAO, Jian. Under the epidemic situation of COVID-19, should special attention to pregnant women be given?. Journal of Medical Virology. 2020
  • SCHWARTZ, David A. An Analysis of 38 Pregnant Women with COVID-19, Their Newborn Infants, and Maternal3 Fetal Transmission of SARS-CoV-2: Maternal Coronavirus Infections and Pregnancy Outcomes. Arch Pathol Lab Med. 2020
  • YANG, H.; WANG, C.; POON, L. Novel coronavirus infectionand pregnancy. Ultrasound Obstet Gynecol. 2020
  • OMS. Pregnancy, Childbirth, breastfeeding and COVID-19. Disponível em: <https://www.who.int/reproductivehealth/publications/emergencies/COVID-19-pregnancy-ipc-breastfeeding-infographics/en/>. Acesso em 25 Mai 2020
  • SHANES, Elisheva D. et al.. Placental Pathology in COVID-19. American Journal of Clinical Pathology. 2020
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem