Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.

Desnutrição: o que é, sintomas, consequências e tratamento

A desnutrição é a ingestão ou absorção inadequada de nutrientes necessários para satisfazer as necessidades energéticas para o funcionamento normal do corpo ou de crescimento do organismo, no caso das crianças. É uma condição mais grave nos idosos, crianças ou mulheres grávidas que pode até levar à morte, se muito severa, quando o índice de massa corporal é inferior à 18 Kg/m2. 

Geralmente, a desnutrição ocorre em pessoas com dificuldades econômicas ou habitantes de países pouco desenvolvidos, como a África, provocando, especialmente, desnutrição infantil.

A desnutrição pode levar ao surgimento de doenças, como anemia, na falta de ferro, hipotireoidismo, na deficiência de iodo ou xeroftalmia, na redução de vitamina A, por exemplo. Por isso, as pessoas devem ter uma alimentação balanceada e um estilo de vida saudável para evitar a desnutrição. Veja como ter uma alimentação saudável.

Desnutrição: o que é, sintomas, consequências e tratamento

Principais sintomas

O principal sintoma de desnutrição é a perda de peso corporal, porém outros sintomas são:

  • Diarreia frequente;
  • Cansaço excessivo;
  • Dificuldade de concentração;
  • Falta de apetite;
  • Diminuição da temperatura corporal;
  • Apatia ou irritabilidade;
  • Inchaços generalizados.

Nos casos mais graves de desnutrição pode acontecer enfraquecimento do sistema imune, resultando em infecções frequentes.

Possíveis causas

As causas mais comuns da desnutrição são a falta de acesso a alimentos; problemas no metabolismo ou absorção de nutrientes, como diarreia, anorexia ou diabetes; uso de remédios que diminuam a absorção de nutrientes, como a quimioterapia e situações que aumentam a necessidade de nutrientes, como febre alta ou queimaduras, por exemplo.

Outra causa frequente de desnutrição é fazer dietas pobres em determinados nutrientes, como no caso de alguns vegetarianos ou dietas da moda.

Quem tem maior risco

O grupo que apresenta maior risco de desnutrição são os bebês, especialmente quando a mãe não amamenta de forma adequada ou quando o bebê não consome o leite de forma adequada para sua idade, e as crianças de até 5 anos, fase em que depende totalmente do cuidado de adultos para se alimentar.

Além disso, idosos e pessoas com anorexia ou outras doenças graves, como câncer e insuficiência cardíaca, também têm maiores chances de ficarem desnutridos, pois normalmente não conseguem consumir a quantidade necessária de alimentos por dia.

Como é feito o tratamento

O tratamento para desnutrição é feito com o aumento gradual da quantidade de calorias ingeridas, evitando alterações intestinais, como diarreia. Assim, são feitas entre 6 a 12 refeições por dia com pouca quantidade de alimentos.

Com o avanço do tratamento, o número de refeições é diminuído, enquanto as quantidades de comida a cada refeição são aumentadas, conforme a adaptação do paciente. Porém, quando o indivíduo não consegue ingerir alimentos sólidos podem ser utilizadas dietas ou suplementes líquidos para garantir os nutrientes necessários. Nos casos mais graves, pode ser necessário internamento hospitalar para que o paciente seja alimentado com nutrientes diretamente na veia ou através de sonda gástrica.

Consequências da desnutrição

A principal consequência da desnutrição é a redução do crescimento físico e o menor desempenho intelectual em crianças. Isso acontece porque a magreza extrema acaba reduzindo a altura que a criança poderia atingir na idade adulta, e dificulta o seu aprendizado, memória e raciocínio.

Além disso, outras principais consequências são:

  • Grave perda de peso;
  • Baixa imunidade, favorecendo o aparecimento de doenças;
  • Anemia;
  • Dificuldade na cicatrização das feridas;
  • Pele, cabelos e unhas frágeis;
  • Rugas mais visíveis;
  • Mau funcionamento intestinal;
  • Atraso no desenvolvimento intelectual nas crianças;
  • Infertilidade.

Além disso, nos casos mais graves, em que não é tratada adequadamente, a desnutrição pode colocar em risco a vida.

Esta informação foi útil?
Mais sobre este assunto:

Carregando
...