O que você precisa saber?

Como tirar cicatrizes da pele

Para tirar cicatrizes do rosto ou do corpo podem ser utilizadas diferentes técnicas que incluem terapia a laser, cremes corticóides ou enxertos de pele, de acordo com a gravidade e o tipo de cicatriz.

Estes tipos de tratamentos são bastante eficazes a remover cicatrizes, deixando a cicatriz quase invisível, no entanto devem ser sempre orientados por um médico dermatologista.

Por isso, se deseja optar por uma opção mais natural, experimente os nossos remédios caseiros para eliminar manchas na pele.

1. Tirar cicatrizes de espinha

Peeling facialPeeling facial
DermoabrasãoDermoabrasão

Para tirar a cicatriz deixada por uma espinha são muito utilizadas as seguintes técnicas:

  • Peeling químico: aplicação de produtos ácidos no rosto que retiram as camadas superficiais da pele, permitindo o crescimento de uma nova pele lisa e sem manchas;
  • Laser: aplicação de laser para aquecer e destruir cicatrizes de espinhas;
  • Dermoabrasão: utilização de um aparelho que remove as camadas superficiais da pele, estimulando o crescimento de um novo tecido sem machas.
  • Micro Needling: utilização de micro agulhas para penetrar uma região específica da pele, que vai causar micro ferimentos e vermelhidão, estimulando naturalmente a regeneração da pele, produção de colágeno, elastina e de ácido hialurônico. Saiba mais sobre este tratamento estético.

Essas técnicas ajudam também a tirar cicatrizes de herpes labial, mas devem ser sempre feitas pelo dermatologista. Também é importante lembrar que durante o tratamento é necessário evitar o sol, pois os raios solares aumentam as manchas na pele.

2. Tirar cicatrizes de cirurgia

Cremes que aumentam o colágenoCremes que aumentam o colágeno
Tratamento com ultrassomTratamento com ultrassom

Algumas opções para tirar cicatriz de cirurgia, machucado ou outro tipo de corte na pele são:

  • Cremes que aumentam a produção de colágeno: melhoram a elasticidade da pele, reduzindo o relevo da cicatriz;
  • Ultrassom: promove a circulação e a produção de colágeno, evitando a formação de cicatriz e de queloides;
  • Carboxiterapia: aumenta a produção de colágeno e elastina, formando uma pele mais lisa;
  • Preenchimento com colágeno: usado quando a cicatriz fica mais profunda que a pele, pois aumenta o volume abaixo da cicatriz para que ela fique no mesmo nível da pele;
  • Cirurgia estética local: remove as camadas da cicatriz e utiliza pontos internos para não deixar marcas.

Pessoas com histórico de cicatrizes profundas ou queloides devem informar ao médico antes de fazer cirurgias, para que o procedimento cirúrgico seja feito de maneira a deixar o mínimo de cicatrizes possível.

3. Tirar cicatrizes de queimadura

Pomada com corticoidePomada com corticoide

As cicatrizes de queimadura normalmente são as mais difíceis de retirar, mas as técnicas mais usadas nestes casos incluem:

  • Pomadas corticoides: diminuem a inflamação e reduzem a cicatriz, sendo indicadas para queimaduras de 1º grau;
  • Crioterapia: utiliza baixas temperaturas para controlar a dor e a inflamação, sendo utilizada para queimaduras leves;
  • Laserterapia com luz pulsada: remove o excesso de tecido da cicatriz, disfarçando a diferença de cor e diminuindo o relevo, sendo indicada para queimaduras de 2º grau;
  • Cirurgia: utilizada principalmente para queimaduras de 3º grau, a cirurgia substitui as camadas afetadas da pele por enxertos de pele saudável retirados de outras partes do corpo.

Além disso, o óleo natural de Rosa Mosqueta também é uma ótima opção caseira que ajuda a disfarçar e alisar a pele das cicatrizes, veja como usar o Óleo de Rosa Mosqueta.

Porém, é importante lembrar que a remoção de cicatrizes pode ser um processo demorado que necessita de várias sessões e tipos de tratamentos para que a pele volte a ficar saudável e sem manchas.

O que pode piorar a cicatriz

Os principais fatores que pioram a cicatriz e dificultam sua retirada são:

  • Idade: quanto maior a idade, mais lenta e pior é a cicatrização, deixando mais marcas;
  • Parte do corpo: joelhos, cotovelos, costas e tórax fazem mais movimentos e esforços ao longo do dia, piorando a cicatriz;
  • Excesso de sol: provoca manchas mais escuras na pele, deixando a cicatriz mais visível.

Além disso, alguns medicamentos e alterações hormonais podem interferir no processo de cicatrização, por isso é importante consultar o dermatologista e seguir o tratamento adequado para evitar complicações.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...