Pomadas para queimaduras: 7 melhores opções e quando usar

As pomadas para queimadura, como dexpantenol ou desoximetasona, podem ser utilizadas para o  tratamento de queimaduras de 1º grau, com sintomas como vermelhidão, inchaço, dor ou desconforto na pele, pois ajudam a aliviar a dor e a inflamação, promovem a cicatrização da pele ou previnem o surgimento de infecções. 

As queimaduras de 1º grau podem ocorrer devido ao contato com calor extremo, como encostar em uma panela quente ou após exposição ao sol sem utilização de protetor solar, além de contato com frio extremo ou substâncias químicas, por exemplo.

Essas pomadas podem ser compradas em farmácias ou drogarias e, geralmente, não necessitam de prescrição médica, exceto as pomadas que contêm antibióticos que são vendidas somente com receita médica, e são indicadas para queimaduras leves de 1º grau sem bolha ou descamação na pele.

Pomadas para queimaduras: 7 melhores opções e quando usar

1. Dexpantenol

A dexpantenol pomada é indicada para queimadura de 1º grau que não formou bolha, pois ajuda a regenerar as células da pele e tem ação hidratante, protetora e nutritiva, devido à vitamina B5 na sua composição, ajudando na cicatrização da pele.

Esta pomada pode ser encontrada com os nomes comerciais Bepantol ou Bepantol derma ou com o nome similar Probentol derma, e pode ser aplicada sob a queimadura 1 a 3 vezes por dia.

2. Sulfato de neomicina + bacitracina zíncica

A pomada para queimadura de sulfato de neomicina + bacitracina zíncica é uma combinação de dois antibióticos que agem inibindo o crescimento de bactérias, prevenindo infecções causadas por queimaduras, além de ajudar na cicatrização da pele. 

Essa pomada deve ser usada somente sobre a pele e pode ser encontrada com os nomes comerciais Nebacetin ou Cicatrisan, ou com o nome genérico sulfato de neomicina + bacitracina zíncica. 

A pomada de sulfato de neomicina e bacitracina zíncica é vendida com prescrição médica e é indicada para quando surgem sinais de infecção como pus ou inchaço excessivo da pele com queimadura, e deve ser aplicada 2 a 5 vezes ao dia com o auxílio de uma gaze, conforme orientação médica.

3. Desoximetasona

A pomada para queimadura desoximetasona é um corticóide com ação anti-inflamatória, que ajuda a aliviar a vermelhidão e o inchaço da pele, e a melhorar a cicatrização da pele, sendo indicada para queimaduras de 1º grau causadas pela exposição ao sol.

Esta pomada é vendida com o nome comercial Esperson e pode ser usada sobre a pele de 1 a 2 vezes por dia, sob indicação de um profissional de saúde, e não deve ser aplicada em grandes áreas na pele pois pode causar efeitos colaterais como visão embaçada, dor nos olhos, aumento da sede ou da vontade de urinar, boca seca, ganho de peso, inchaço no rosto, fraqueza muscular, depressão, ansiedade ou irritabilidade. 

4. Sulfadiazina de prata

A sulfadiazina de prata é uma pomada  indicada para tratamento e prevenção de infecção em queimadura na pele, pois tem ação antibacteriana impedindo a multiplicação de bactérias, além de ter propriedades anti-inflamatórias, promovendo a cicatrização da pele.

Esta pomada para queimadura pode ser encontrada com os nomes comerciais Dermazine ou Dermacerium, ou com o nome genérico sulfadiazina de prata, e é vendida com receita médica.

A sulfadiazina de prata pode ser usada sobre a pele de 1 a 2 vezes por dia, em queimaduras  graves ou de 2º ou 3º graus, após avaliação por um médico ou enfermeiro. Saiba o que fazer em caso de queimadura grave.

5. Acetato de clostebol + sulfato de neomicina

A pomada para queimadura de clostebol + neomicina possui ação anti-inflamatória e antibacteriana, que age estimulando a formação de novas células da pele, facilitando sua cicatrização, e prevenindo infecções por bactérias, sendo indicada para o tratamento de queimaduras leves.

Esta pomada é vendida com receita médica e pode ser encontrada com o nome comercial Trofodermin creme dermatológico ou com o nome comercial acetato de clostebol + sulfato de neomicina e deve ser usada sobre a pele de 1 a 2 vezes por dia conforme orientação médica. Saiba como usar a pomada cicatrizante clostebol + neomicina.

6. Sulfacetamida sódica + trolamina

A pomada sulfacetamida sódica e trolamina tem ação antibacteriana indicada para prevenir infecções em queimaduras causadas pelo sol ou por contato com superfícies quentes, como panelas ou ferro de passar roupa, por exemplo.

Essa pomada é vendida com receita médica com o nome comercial Queimalive e pode ser usada sobre a pele aplicando uma camada fina, nos horários estabelecidos pelo médico.

7. Emulsão com óleo de andiroba

A pomada preparada com emulsão de óleo de andiroba, colágeno, vitaminas A e E, possui ação hidratante, cicatrizante e anti-inflamatória, reduzindo a vermelhidão, dor ou desconforto da pele, sendo indicada para queimaduras causadas pela exposição ao sol, ou por tratamentos como radioterapia, peeling ou depilação com laser, por exemplo.

Esta pomada pode ser encontrada com o nome comercial Tegum e pode ser usada aplicando uma fina camada na pele até 5 vezes ao dia, ou conforme orientação médica.

Quando não utilizar

Na maior parte dos casos, as pomadas para queimaduras vendidas sem receita médica na farmácia, podem ser utilizadas sem qualquer contraindicação, porém, mulheres grávidas ou que estejam amamentando, pessoas com histórico de alergias e pele sensível e crianças devem sempre consultar um médico antes.

Como tratar uma queimadura de 1º Grau

As queimaduras de 1º grau são geralmente queimaduras leves e fáceis de tratar, que devem ser tratadas da seguinte forma:

  1. Lavar bem a região a tratar e, se possível, colocar a região queimada debaixo de água corrente durante 5 a 15 minutos;
  2. Aplicar compressas frias no local, e deixar atuar enquanto existir dor ou inchaço. As compressas podem ser embebidas em água fria ou em chá de camomila gelado, que ajuda a acalmar a pele. Nunca utilizar gelo na queimadura, pois pode o gelo também pode queimar a pele e piorar os sintomas; 
  3. Aplicar uma pomada cicatrizante ou creme antibiótico e corticoide, cerca de 1 a 3 vezes ao dia, durante 3 a 5 dias de tratamento, sob orientação de um profissional de saúde.

Se posteriormente surgirem bolhas ou se a pele se desprender, é recomendado consultar um médico ou enfermeiro, para orientar o melhor tratamento e prevenir o surgimento de infecções. 

Além disso, é importante não aplicar óleo, manteiga, borra de café ou pasta de dentes, pois podem piorar a queimadura e causar infecção na pele, dificultando o tratamento.

Assista o vídeo com dicas de como tratar todos os tipos de queimaduras:

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • WERDIN, Frank; et al. Healing Time Correlates With the Quality of Scaring: Results From a Prospective Randomized Control Donor Site Trial. Dermatol Surg. 44. 4; 521-527, 2018
  • BROUGHTON 2ND, George; JANIS, Jeffrey E.; ATTINGER, Christopher E. Wound healing: an overview. Plast Reconstr Surg. 117. 7; 1e-S-32e-S, 2006
  • ROWAN, Matthew P.; et al. Burn wound healing and treatment: review and advancements. Crit Care. 2015; 19: 243. 19. 243; 1-12, 2015
  • GANTWERKER, Eric A.; HOM, David B. Skin: histology and physiology of wound healing. Facial Plast Surg Clin North Am. 19. 3; 441-53, 2011
  • EVERS, L. H.; BHAVSAR, D.; MAILANDER, P. The biology of burn injury. Exp Dermatol. 19. 9; 777-83, 2010
Mais sobre este assunto: