Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Colostro

O colostro é o primeiro leite que a mulher produz para amamentar, que pode começar a aparecer a partir dos 4 meses de gestação. Ele é amarelado, muito gordo e muito calórico. É produzido em pouca quantidade, que é compatível ao tamanho do estômago do bebê, durante os 2 ou 3 primeiros dias de vida do bebê.

O colostro não é sinal de gravidez, porém uma secreção branca pode ser libertada pelo mamilo das mulheres depois da estimulação originada no contato íntimo, em qualquer fase do ciclo menstrual.

O colostro contribui para a maturação do trato gastrointestinal do bebê, pois possui substâncias anti-inflamatórias, antimicrobianas e propriedades que ajudam na defesa do organismo do bebê. Isso o protege contra várias doenças, como a diarreia e as alergias, além de fortalecer a relação entre a mãe e o bebê, ser de fácil digestão pelo bebê, estar sempre pronto em qualquer hora e lugar e ser gratuito.

Composição do colostro

O colostro é mais rico em proteínas, vitamina A e minerais, e menos concentrado em carboidratos e gordura em comparação com o leite materno maduro.

As características do colostro são apropriadas às necessidade do bebê recém-nascido. Além disso, o colostro dura apenas 2 ou 3 dias, momento em que ocorre a "subida do leite" e inicia o leite de transição, ainda com uma coloração amarelada.

Informação nutricional do colostro

 ColostroLeite de transiçãoLeite maduro
Proteína3,10,90,8
Gordura2,13,94,0
Lactose4,15,46,8
Oligossacarídeos2,4-1,3

Durante a amamentação, se a mãe tiver rachadura nos mamilos é normal que saia colostro com sangue mas o bebê pode mamar mesmo assim.

O médico poderá indicar o uso de uma pomada cicatrizante para os mamilos para ser usada durante toda a amamentação.

Links úteis:

Mais sobre este assunto:
Carregando
...