Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Cisto de Naboth: o que é, sintomas, causas e tratamento

O cisto de Naboth é um pequeno cisto que pode ser formado na superfície do colo do útero devido ao aumento da produção de muco pelas glândulas de Naboth que estão presentes nessa região. O muco produzido por essas glândulas não consegue ser eliminado corretamente devido à presença de obstrução, o que favorece o desenvolvimento do cisto.

Os cistos de Naboth são bastante comuns em mulheres em idade reprodutiva e são considerados benignos, não sendo necessária a realização de tratamentos específicos. No entanto, quando é verificada a presença de vários cistos ou quando o cisto aumenta de tamanho ao longo do tempo, é importante que a mulher consulte o ginecologista para que seja avaliada a necessidade de remoção.

Cisto de Naboth: o que é, sintomas, causas e tratamento

Principais sintomas

O cisto de Naboth é caracterizado por ser um pequeno cisto arredondado branco ou amarelado que não dói ou causa desconforto, sendo normalmente identificado durante exame ginecológico de rotina, como o Papanicolau e a colposcopia.

Algumas mulheres podem relatar sintomas, no entanto estes são geralmente relacionados com a causa do aparecimento do cisto. Assim, é importante que seja identificada a causa dos sintomas e do cisto para que seja avaliada a necessidade de tratamento.

Causas do cisto de Naboth

O cisto de Naboth acontece devido ao acúmulo de secreção no interior do útero devido ao bloqueio da passagem do muco pelo canal. Essa obstrução normalmente acontece devido a uma infecção e inflamação da região genital, em que o corpo forma uma camada de pele protetora na região do colo do útero, dando origem aos pequenos nódulos benignos nesta região que podem ser observados em exames ou sentidos através do toque vaginal.

Além disso, em algumas mulheres o cisto pode aparecer como consequência de alguma lesão no cérvix ou após o parto vaginal, isso porque essas situações podem promover crescimento do tecido ao redor da glândula, levando à formação do cisto.

Como deve ser o tratamento

Na maioria dos casos não é necessário tratamento específico, uma vez que o cisto de Naboth é considerado uma alteração benigna e não representa risco para a mulher.

No entanto, em alguns casos pode ser observado durante o exame ginecológico a presença de vários cistos ou o aumento do tamanho do cisto ao longo do tempo de forma a alterar o formato do útero. Assim, nessas situações pode ser necessária a remoção do cisto através de eletrocauterização ou com um bisturi.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem