O que comer para recuperar mais rápido da dengue

Revisão clínica: Tatiana Zanin
Nutricionista
setembro 2022

A alimentação para ajudar na recuperação da dengue deve ser rica em alimentos fontes de proteína e ferro, pois esses nutrientes ajudam a prevenir a anemia e a fortalecer o sistema imunológico.

Além dos alimentos que ajudam no combate à dengue, deve-se evitar alguns alimentos que podem aumentar o risco de hemorragias, como a pimenta, gengibre e frutos vermelhos, por exemplo.

Manter uma alimentação saudável e variada ajuda a combater a dengue e, por isso, é importante comer várias vezes ao dia, em pequenas porções, fazer repouso e beber entre 2 a 3 litros de água por dia, para manter o organismo hidratado.

Alimentos recomendados

Os alimentos recomendados para ajudar a combater a dengue são:

  • Carnes vermelhas com pouca gordura, como músculo, patinho e alcatra bovina; 
  • Carnes brancas, como frango, peru, peixe;
  • Ovos;
  • Laticínios, como leite, iogurte natural, manteiga e queijos;
  • Leguminosas, como feijão, grão-de-bico, lentilha, soja e ervilha;
  • Frutas, como melancia, banana, pera, caqui e manga;
  • Vegetais, como beterraba, couve, agrião, cenoura, alface, espinafre, bertalha e rúcula.

Esses alimentos são ricos em proteína, vitamina C e ferro, que são nutrientes importantes para evitar anemia e promover a formação de plaquetas, já que estas células se encontram diminuídas em pessoas com dengue, sendo importantes para prevenir a ocorrência de hemorragias.

Além disso, alguns chás, como camomila, hortelã-pimenta e matricária também são indicados para ajudar a aliviar sintomas da dengue, como náusea, dor de cabeça e dor no corpo. Veja outros chás indicados para melhorar os sintomas da dengue.

Alguns estudos [1] [2] [3] indicam que a suplementação de vitamina D também pode ajudar o sistema imunológico a combater a dengue, devido ao seu efeito imunomodulador; assim como a suplementação de vitamina E, devido ao seu poder antioxidante, que protege e fortalece as células do sistema imunológico.

Alimentos que devem ser evitados

Os alimentos que devem ser evitados em pessoas com dengue são principalmente aqueles que possuem alto teor de salicilatos, que é uma substância produzida pelas plantas para se protegerem contra alguns microrganismos. Como esses compostos agem de uma forma semelhante à aspirina no organismo, o seu consumo excessivo pode fluidificar o sangue e atrapalhar a coagulação sanguínea, favorecendo o aparecimento de hemorragias. Esses alimentos são:

  • Algumas frutas, como amoras, mirtilos, ameixas, coco, pêssegos, melão, romã, limão, tangerina, abacaxi, goiaba, damasco, cereja, uvas, groselha, tamarindo, laranja, maçã, kiwi e morango;
  • Alguns legumes, como aspargo, aipo, cebola, berinjela, brócolis, rabanete, alho, tomate e pepino;
  • Todas as frutas secas, como passas, ameixas secas, tâmaras e arando seco;
  • Alguns tubérculos, como batata e batata-doce;
  • Algumas oleaginosas, como amêndoas, nozes, pistache, castanha-do-pará e amendoim;
  • Alguns condimentos e ervas, como mostarda, cominho, cravo, salsa, coentro, páprica, canela, gengibre, noz-moscada, pimenta em pó ou pimenta vermelha, orégano, açafrão, tomilho, alecrim, anis, erva-doce, vinagre e curry;
  • Algumas bebidas, como vinho, cerveja, licor, rum e café;
  • Alguns chás, como salgueiro-branco, gengibre, chorão, sinceiro, vime, vimeiro, salsa, alecrim, orégano, tomilho e mostarda;
  • Outros alimentos: azeite, fava, óleo de coco, mel, picles e azeitonas.

Além de evitar estes alimentos, também deve-se evitar alguns medicamentos que são contraindicados nos casos de dengue, como ácido acetilsalicílico (aspirina), por exemplo. Saiba quais os remédios permitidos e proibidos na dengue.

Cardápio para dengue

A tabela a seguir traz um exemplo de cardápio do que comer para se recuperar mais rápido da dengue:

Refeição

Dia 1

Dia 2

Dia 3

Café da manhã

1 pão francês integral com 2 fatias de ricota + 1 xícara de chá de hortelã-pimenta

1 xícara de chá de camomila + 2 ovos mexidos com 1 torrada integral

1 xícara leite desnatado + 2 fatias de pão integral com manteiga + 1 fatia de mamão

Lanche da manhã

1 pote de iogurte natural + 1 colher de sopa de chia + 1/2 banana

1 caqui

1 fatia de melancia

Almoço / Jantar

Peito de frango grelhado + 3 col de sopa de arroz integral + 3 col de feijão + 1 prato de sobremesa de salada de alface, rúcula e agrião + 1 col de sobremesa de óleo de linhaça

Peixe cozido + 3 col de sopa de purê de abóbora + 3 colheres de salada de grão-de-bico com  + 1 col de sobremesa de óleo de abacate

Peito de peru grelhado com grão de bico + 1 prato de sobremesa de ervilhas frescas e cenouras cozidos e temperados com 1 col de sobremesa de óleo de linhaça

Lanche da tarde

1 pera cozida + 1 punhado de castanha de caju

1 xícara de mingau de leite com aveia

3 bolachas de arroz + 2 col. de sopa de queijo cottage + 1 xícara de chá de camomila

Os tipos as quantidades de alimentos descritos no cardápio variam de acordo com a idade, o sexo e o estado de saúde geral de cada pessoa. Por isso, é recomendado ter o acompanhamento de um nutricionista para uma avaliação completa e um plano nutricional adequado às necessidades individuais.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Karla S. Leal - Nutricionista, em setembro de 2022. Revisão clínica por Tatiana Zanin - Nutricionista, em setembro de 2022.

Bibliografia

  • LANGERMAN, D, Steven; VERVERS, Mija. Micronutrient Supplementation and Clinical Outcomes in Patients with Dengue Fever. The American Journal of Tropical Medicine and Hygiene. Vol.104. 1.ed; 45-51, 2021
  • ZAMAN, Sadaf et al. Effectiveness of Vitamin D in Prevention of Dengue Haemorrhagic Fever and Dengue Shock Syndrome. Journal of Rawalpindi Medical College . Vol.21. 3.ed; 205-207, 2017
Mostrar bibliografia completa
  • SUNDUS Ahmed, FINKELSTEIN Julia et al. Micronutrients and dengue. The American Journal of Tropical Medicine and Hygiene. 91. 5; 1049-1056, 2014
  • DUTHIE Garry, WOOD Adrian. Natural salicylates: foods, functions and disease prevention. Food & Function Journal. 2. 9; 515-520, 2011
  • ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NUTRIÇÃO. Alimentos que pacientes com suspeita de Dengue devem evitar. Disponível em: <https://www.asbran.org.br/noticias/alimentos-que-pacientes-com-suspeita-de-dengue-devem-evitar>. Acesso em 27 set 2022
  • ACADEMY OF NUTRTITION AND DIETETICS. Salicylate sensitivity. 2013. Disponível em: <https://www.eatrightstore.org/-/media/eatrightstore-documents/product-type/brochures-and-handouts/faisalicylatesensitivity.pdf?la=en&hash=FAA0675234640E42895EA687C8C88968B0CD3F75>. Acesso em 27 set 2022
Revisão clínica:
Tatiana Zanin
Nutricionista
Formada pela Universidade Católica de Santos em 2001, com registro profissional no CRN-3 nº 15097.