8 alimentos que aumentam o ácido úrico

agosto 2022

Alguns alimentos, como cerveja, carne vermelha, frutos do mar e fígado são ricos em purinas, um tipo de proteína que, quando em excesso, aumenta os níveis de ácido úrico no sangue.

Além disso, alimentos ricos em frutose como refrigerantes e sucos de fruta, também podem aumentar os níveis de ácido úrico no organismo, que se acumulam nas articulações, causando sintomas como dor e inchaço. Conheça outros sintomas de ácido úrico alto.

Por outro lado, para controlar os níveis de ácido úrico, é importante manter uma alimentação saudável e variada, bebendo bastante água e priorizando o consumo de frutas, vegetais, cereais integrais, leguminosas e laticínios com baixo teor de gordura.

A seguir listamos 8 alimentos que podem aumentar os níveis de ácido úrico no organismo:

1. Pão branco

O pão branco é um alimento que possui alto índice glicêmico, aumentando rapidamente os níveis de açúcar no sangue e os riscos de resistência à insulina, que é um dos fatores relacionados com o aumento dos níveis de ácido úrico no organismo.

Da mesma forma, outros tipos de carboidratos refinados, como macarrão branco e arroz branco, também possuem alto índice glicêmico, favorecendo o aumento do ácido úrico no sangue. Veja outros alimentos com alto teor de índice glicêmico.

2. Frutos do mar

Os frutos do mar, como camarão, mexilhão, lagosta, caranguejo, ostra e polvo são ricos em purinas, um tipo de proteína que, quando em excesso, aumenta os níveis de ácido úrico no sangue.

3. Cerveja

A cerveja é rica em purinas e, por isso, podem aumentar os níveis de ácido úrico no sangue e, por isso, devem ser evitadas, principalmente nos momentos de crise de gota.

Alguns tipos de bebidas alcoólicas, como o vinho e o licor, não contêm purinas,. No entanto, o álcool dificulta a eliminação de purinas pelos rins, aumentando a concentração dessa substância no corpo e, por isso, qualquer tipo de bebida alcoólica deve ser evitada em casos de ácido úrico elevado.

4. Carne vermelha

A carne vermelha, como carne de boi, de porco, de ovelha ou cordeiro, é rica em purinas, que podem promover o aumento dos níveis de ácido úrico no sangue. Por isso, o consumo de carnes vermelhas com baixo teor de gorduras deve ser moderado ou, em alguns casos, evitado. Veja como fazer uma dieta para controlar o ácido úrico.

5. Refrigerante

O refrigerante é um alimento industrializado rico em frutose, um tipo de carboidrato que promove a produção de ácido úrico. Além disso, os alimentos industrializados ricos em frutose também causam a resistência à insulina e o aumento de peso, que são algumas das causas de ácido úrico elevado e gota.

Outros alimentos industrializados ricos em frutose e que também podem aumentar o ácido úrico no organismo são, o açúcar de mesa, o mel, os sucos de fruta e o sorvete.

6. Fígado

O fígado é um alimento rico em purinas e, por isso, favorece o aumento dos níveis de ácido úrico no sangue. O mesmo vale para outras vísceras de animais, como moela, coração e rins.

7. Molhos industrializados

Alguns molhos industrializados como ketchup, mostarda, maionese, molho barbecue e molhos de salada, contém frutose, favorecendo o aumento dos níveis de ácido úrico no organismo e causando o acúmulo dessa substância nas articulações.

8. Peixes

Os peixes, como sardinha, atum, anchova, robalo, salmão e tilápia contém alto teor de purinas que, quando em excesso, promovem o aumento do ácido úrico no sangue.

O que comer para controlar o ácido úrico

Para controlar os níveis de ácido úrico, é importante manter uma alimentação variada e saudável, priorizando alimentos ricos em fibras, vitaminas e minerais, como:

  • Frutas frescas, como maçã, laranja, banana, mamão, melancia e tangerina;
  • Cereais integrais, como arroz integral, pão integral e aveia e quinoa;
  • Legumes e verduras, como brócolis, couve-flor, espinafre, tomate e alface;
  • Laticínios com pouca gordura, como leite desnatado, iogurte desnatado e queijos brancos, como ricota e cottage;
  • Sementes e oleaginosas, como amendoim, nozes e sementes de chia e de linhaça;
  • Leguminosas, como lentilha, feijão, soja e grão de bico.

Além disso, é fundamental também beber entre 1,5 a 2 litros de água por dia, já que essa bebida ajuda a diminuir a concentração de ácido úrico no sangue.

Assista ao vídeo a seguir sobre como fazer uma dieta para ácido úrico alto:

Esta informação foi útil?

Atualizado por Karla S. Leal - Nutricionista, em agosto de 2022. Revisão clínica por Tatiana Zanin - Nutricionista, em agosto de 2022.

Bibliografia

  • JAKSE, Bostjan et al. Uric Acid and Plant-Based Nutrition. Nutrients. vol.11. 8.ed; 1-15, 2019
  • CLEVELAND CLINIC. Treatments and procedures: Gout low purine diet. Disponível em: <https://my.clevelandclinic.org/health/treatments/22548-gout-low-purine-diet>. Acesso em 23 ago 2022
Mostrar bibliografia completa
  • JURASCHEK, P, Stephen et al. Effects of Lowering Glycemic Index of Dietary Carbohydrate on Plasma Uric Acid: The OmniCarb Randomized Clinical Trial. Arthrittis Reumatology. vol.68. 5.ed; 1281-1289, 2017
  • LI, Rongrong et al. Dietary factors and risk of gout and hyperuricemia: a meta-analysis and systematic review. Asia Pacific Journal of Clinical Nutrition. Vol.27. 6.ed; 1344-1356, 2018
  • VALSARAJ, Rahul et al. Management of asymptomatic hyperuricemia: Integrated Diabetes & Endocrine Academy (IDEA) consensus statement. Diabetes & Metabolic Syndrome: Clinical Research & Reviews. Vol.14. 2.ed; 93-100, 2020
Revisão clínica:
Tatiana Zanin
Nutricionista
Formada pela Universidade Católica de Santos em 2001, com registro profissional no CRN-3 nº 15097.

Tuasaude no Youtube

  • Alimentação para ÁCIDO ÚRICO alto

    02:33 | 1108791 visualizações
  • Alimentação para GOTA

    05:24 | 833877 visualizações