Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Alimentação do bebê: 0 a 12 meses

​​A alimentação do bebê começa com leite materno ou mamadeira até aos 4-6 meses e depois vão sendo introduzidos alimentos sólidos, como legumes, frutas, mingau, carnes brancas, ovo e peixe, por uma ordem específica de acordo com o desenvolvimento do bebê para que o bebê consiga digerir corretamente esses alimentos e não tenha alergias.

O bebê precisa de 6 refeições diárias: café da manhã, lanche do meio da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e ceia. Além disso, alguns bebês ainda sentem necessidade de mamar durante a noite, fazendo mais uma refeição. Quando o bebê chega completa 1 ano, apenas o café da manhã e a ceia devem conter leite e todas as outras refeições devem ser realizadas com alimentos sólidos, comidos com colher.

Alimentação do bebê:  0 a 12 meses

Ordem da introdução dos alimentos 

Seguem-se indicações de um esquema alimentar padrão para bebês dos 0 aos 12 meses de idade:

Idade em mesesO que pode comerObservações
0-6 Leite materno ou mamadeira, 7 vezes por dia, ou quando o bebê quiserBebê que mama no peito não precisa de água, mas quem toma mamadeira precisa
4-6 Purê de legumes, fruta amassada com biscoito maisena ou mingauO mingau só pode ter glúten depois dos 6 meses
6-7 Começar a comer carne de frango ou peru cozida e desfiadaNão dar carne vermelha, arroz e feijão juntos 
8-9 Começar a oferecer gema de ovo amassada na comidaNão dar o ovo inteiro, ainda
9-12Começar a oferecer peixe e o ovo inteiro. A partir daqui já pode comer arroz com feijão, e carne vermelha. Seguir uma alimentação saudável com poucas gorduras e açúcares

Este é apenas um esquema geral da alimentação infantil, e o pediatra poderá adaptar conforme a necessidade de cada criança. 

Como preparar as refeições 

É indicado preparar as refeições do bebê, de forma separada da família. O ideal é refogar a cebola com um pouquinho de azeite extra virgem e depois adicionar a água e os legumes (2 ou 3 diferentes para cada sopa ou purê). Depois deve amassar tudo com um garfo e deixar numa consistência não muito líquida, para evitar que o bebê engasgue. Este pode ser um exemplo de almoço e jantar.

Para os lanches pode-se oferecer iogurte natural, sem açúcar, e complementar com uma fruta amassada, como a banana ou maçã raspada. A papa ou mingau deve ser preparada conforme as instruções da embalagem, porque algumas devem ser preparadas com água, e outras com leite, que pode ser leite materno ou leite adapto, de acordo com a idade do bebê. 

Como começar a introdução alimentar 

Normalmente o pediatra indica a substituição de uma mamada ou de uma mamadeira por uma refeição, à cada 3 semanas. Assim, a primeira refeição sólida do bebê pode ser o almoço, durante 3 semanas. Depois disso, o pediatra pode indicar a introdução do lanche da tarde, e assim por diante. 

Além disso, o bebê ainda precisa do leite materno até os 2 anos de idade, e por isso ele pode mamar antes do café da manhã e antes de ir para cama, com intervalo de, pelo menos, 1 ano entre a refeição anterior. No entanto, o bebê também pode mamar em outros momentos do dia, mas para não prejudicar o seu desenvolvimento as mamadas devem acontecer após a sobremesa do almoço, lanches ou após a sobremesa do jantar. 

Qual a quantidade que o bebê deve comer 

O bebê não tem um estômago muito grande e é verdade que os alimentos sólidos ocupam mais espaço que a mesma versão líquida. Por isso, os pais não precisam se desesperar se o bebê parecer comer pouco de cada vez. O importante é não desistir muito rápido, e também não forçar o bebê a comer, se ele mostrar resistência. A variação de sabores é muito importante para que o bebê aprenda a comer de tudo. 

Conheça o método BLW para deixar o bebê comer sozinho 

O que fazer quando o bebê não quer comer 

Por vezes o bebê não quer comer, trazendo angústia e preocupação aos pais e cuidadores, mas existem algumas estratégias que podem ajudar a manter uma alimentação saudável e diversificada desde a infância. Assista as dicas no vídeo a seguir: 

O que o bebê não deve comer 

O bebê não deve comer doces, alimentos açucarados, alimentos fritos, refrigerante e molhos muito condimentados antes de 1 ano de idade, porque podem ser prejudiciais ao seu desenvolimento. Assim, alguns exemplos de alimentos que a criança não deve comer são leite achocolatado, chocolate, brigadeiro, coxinha, bolo com cobertura ou recheio, refrigerante e suco industrializado ou em pó. Veja mais exemplos de alimentos que o bebê não pode comer até os 3 anos de idade.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:
Carregando
...
Fechar